Reavivados por Sua Palavra


RESUMO HISTÓRICO DO PERÍODO INTERTESTAMENTÁRIO by jquimelli
9 de setembro de 2016, 15:22
Filed under: Sem categoria

 

No período, dito “de silêncio profético”, entre o Antigo e o Novo Testamentos (Esdras aos Evangelhos) aconteceram muitas coisas, que formam o pano de fundo para o nascimento e o ministério de Jesus.

Vale destacar que os livros relacionados após Esdras se referem a livros poéticos e proféticos escritos antes de Neemias (a época do livro de Ester é referenciada em Esdras 4:6). Eles são colocados no final do AT por conta da organização temática (e não estritamente cronológica) deste.

 

intertestamentario

Fonte: Bíblia de Estudo NVI Vida.



EPÍLOGO AOS LIVROS DE ESDRAS E NEEMIAS by jquimelli
9 de setembro de 2016, 15:17
Filed under: Sem categoria

Neemias foi, provavelmente, o último livro do Antigo Testamento a ser escrito. E daí surge a grande dúvida na mente da maioria dos leitores: "E todos os demais livros à frente, de Jó a Malaquias, quando foram escritos?"

O caso é que os livros da Bíblia não foram arranjados em ordem cronológica, e, sim, por temas. Assim temos primeiro: 1) Os livros de Moisés (o Pentateuco); 2) Os livros históricos; 3) Os livros sapienciais (Jó, Salmos, Provérbios, Lamentações); 4) Os Profetas Maiores (Isaías, Jeremias, Ezequiel – maiores pelo tamanho de seus escritos) e 5) Os Profetas Menores.

Desta forma, muitos dos salmos foram compostos aproximadamente época de Davi e muitas das advertências dos profetas foram emitidas durante a época do reino dividido de Israel e Judá (Norte e Sul).

E o que aconteceu, então, historicamente com Israel, depois que o último livro, Neemias, foi escrito?

"Com a influência de Esdras e Neemias, inspirados pelos profetas Ageu , Zacarias e Malaquias, a nova nação se transforma numa igreja mais do que num Estado: uma igreja que existia com a licença dos persas.

Quando Alexandre Magno, da Macedônia, morreu, depois de fundar seu império entre 331 e 323 a.C., parte deste foi dada ao General Seleuco, que fundara a dinastia dos [gregos] selêucidas, e outra parte, a do Egito, caiu nas mãos do general Ptolomeu, que também formou uma dinastia, a dos [gregos] ptolomeus.

Durante um século, Judá pertenceu, nominalmente ao Egito, embora houvesse sido objeto de várias disputas com a Síria [gregos selêucidas]. Em 198 a.C., os selêucidas tomaram posse da terra, e a tentativa de impor a cultura grega, segundo o antigo plano de Alexandre Magno, desencadeou a perseguição religiosa.

Em 140 a.C., os judeus ganharam a independência, até a época do domínio romano em 63 a.C." (Bíblia Shedd).



NEEMIAS 13 by jquimelli
9 de setembro de 2016, 1:00
Filed under: Sem categoria

Comentário devocional:

À medida que o livro de Moisés era lido, “novas verdades” eram descobertas. Eles descobriram, por exemplo, que nenhum amonita ou moabita jamais deveria ser admitido na assembléia de Deus.

A verdade presente não é imóvel, ela é dinâmica. A verdade presente é sempre nova e continua inalterada através dos tempos. Para o reformador Martinho Lutero, no século 15, “a verdade presente” era baseada na autoridade das Escrituras e na salvação somente pela fé em Cristo Jesus. “A verdade presente” para os nossos pioneiros adventistas incluía entre outras coisas, a doutrina do santuário, o sábado e a segunda vinda de Jesus.

Se o povo de Deus continuar estudando e suplicando por luz, Deus continuará revelando ao Seu povo mais luz da Escritura. A Bíblia é como uma mina de ouro e somente aqueles que se demoram sobre ela e cavam mais profundamente continuarão a ouvir as verdades de Deus. O fundamental é que toda a verdade é baseada nas Escrituras.

A liderança espiritual de Neemias é demonstrada por conduzir o povo de Deus a efetuar reformas em três grandes áreas: (1) O sustento do trabalho de Deus através do dízimo, (2) A devida observância do sábado e (3) Compromisso de não se casar com mulheres estrangeiras.

Grandes líderes sempre levarão o povo de Deus a uma reforma que leva à lealdade para com a vontade de Deus.

 

Pardon Mwanza

Vice Reitor da Universidade Rusangu, Zambia
Ex Vice-Presidente Geral Da Conferência Geral da IASD

 

Também disponível em: http://www.revivalandreformation.org/bhp/pt/biblia/neh/13/ e https://www.facebook.com/ReavivadosPorSuaPalavra/
Texto original: http://www.revivalandreformation.org/bhp/en/bible/neh/13/
Publicação anterior: https://reavivadosporsuapalavra.org/2013/06/16/
Tradução Jeferson Quimelli/Jader Santos/Cindy Tutsch
Texto bíblico: Neemias 13
Comentário em áudio Pr Valdeci
Leituras da semana programa Crede em Seus Profetas:
http://www.revivalandreformation.org/bhp/pt/sop/pp/51-52 e https://credeemseusprofetas.org/



NEEMIAS 13 – Comentários selecionados by jquimelli
9 de setembro de 2016, 0:50
Filed under: Sem categoria

1-2 Converteu a maldição em bênção. O amor e a soberania de Deus muitas vezes se revelam no fato de fazer todas as coisas cooperarem para o bem daqueles que amam a Deus (Rm 8.28). […] Da mesma maneira, a cruz que era o símbolo da morte vergonhosa dos piores criminosos, foi transformada em símbolo de salvação eterna (Bíblia Shedd).

3 elemento misto. Do heb. ‘ereb. Esta palavra é utilizada em Êxodo 12:38 para o “misto de gente” egípcia que se juntou aos israelitas (CBASD, vol. 3, p. 496).

5 uma câmara grande. Como o sumo sacerdote Eliasibe tomava conta de toda a área do templo, ele entregou uma das melhores salas do templo a Tobias, que evidentemente a utilizava como residência (v. 8). Durante o governo de Neemias, Tobias manteve correspondência com líderes em Jerusalém, mas não podia entrar na cidade. Quando o governador esteve ausente, ele não podia entrar na cidade. Quando o governador esteve ausente, ele não somente conseguiu entrar na cidade, como passou a residir no templo. Esta profanação era inédita, ainda mais que esta sala especial, ou “câmara” fora separada para as ofertas e doações do povo (CBASD, vol. 3, p. 497).

6 pedi licença. É somente a partir desta passagem que se sabem dos dois períodos de Neemias como governador (CBASD, vol. 3, p. 497).

10 Os levitas retornaram a suas fazendas para obterem o seu sustento porque deixaram de receber o sustento do povo. Negligenciaram, assim, suas obrigações no templo e o bem estar do povo. Trabalhadores espirituais merecem seu pagamento e seu sustento deve ser suficiente para suas necessidades. Eles não deveriam ter que sofrer (ou abandonar seus postos) porque os crentes deixaram de avaliar e atender adequadamente as necessidades de seus ministros (Life Application Study Bible Kingsway NIV).

Protestei contra eles. O pisar as uvas no lagar era o primeiro passo na produção de vinho e uma violação flagrante do quarto mandamento. O mesmo era verdade com relação aos que transportavam produtos agrícolas para a capital a fim de vendê-los. Alguns comentaristas acreditam que o transporte de grãos era uma necessidade para se estar cedo na cidade para o mercado do dia seguinte. Mas a lei não previa tal atividade. O v. 16 registra que produtos eram vendidos no sábado. A última parte do v. 15 parece indicar que Neemias os advertiu no dia, ou seja, no sábado, no qual eles transportavam os bens para Jerusalém e realmente os vendiam (CBASD, vol. 3, p. 497).

17 Deus ordenou que Israel não trabalhasse no Sábado, mas descansasse em lembrança à criação e ao êxodo (Êx 20:8-11; Dt 5:12-15). O descanso do sábado, do por de sol de sexta ao por de sol do sábado, devia ser honrado e observado por todos os judeus, servos, estrangeiros visitantes e mesmo animais das fazendas. O ativo comércio de Jerusalém aos sábados violava diretamente a Lei de Deus. Portanto Neemias ordenou que as portas da cidade fossem fechadas e os negociantes fossem mandados embora em cada sexta-feira, quando as horas do sábado se aproximavam (Life Application Study Bible Kingsway NIV).

18 não fizeram vossos pais assim […]? A profanação do sábado está entre os pecados denunciados com mais intensidade pelos profetas (Jr 17:21-27; Ez 20:13; 22:8, 26; 23:28). De acordo com Amós (8:5), o sábado era guardado mais na letra co que no espírito da lei. Neemias também lembra aos judeus que as grandes catástrofes ocasionadas por Nabucodonosor ocorreram como resultado da violação do quarto mandamento por seus antepassados, como predissera Jeremias (Jr 17:27), uma profecia à qual Neemias aparentemente se referiu (CBASD, vol. 3, p. 498).

19 Quando as sombras da tarde cobriram as portas de Jerusalém. Antes do pôr-de-sol, quando se iniciava o sábado. Os israelitas, assim como os babilônios, contavam os dias de um pôr-de-sol a outro (os egípcios contavam de uma amanhecer a outro). O momento exato em que o sábado começava era anunciado por um sacerdote ao tocar a trombeta. Segundo o Mishna Judaico: “Na véspera do sábado, costumavam dar mais seis toques: três para fazer o o povo cessar de trabalhar e três para marcar a separação entre o sagrado e o profano” (Bíblia de Estudo Vida NVI).

Neemias ordenou que as portas da cidade fossem fechadas algum tempo antes do início do sábado. Ao agir assim, ele pretendia proteger os “limites” das horas sagradas do santo sábado de Deus. É uma profanação do espírito do sábado realizar atividades seculares até o último momento permitido (CBASD, vol. 3, p. 499).

20 pernoitaram fora de Jerusalém. Chegando no sábado e encontrando as portas fechadas, os negociantes esperaram do lado de fora e ali, possivelmente, realizaram o comércio que teriam efetuado dentro da cidade. O fechamento das portas resultou simplesmente na transferência do local de negociação: da praça da cidade para o exterior, fora das portas. Por dois sábados, esta prática foi mantida. Então Neemias soube disso e a interrompeu, ameaçando prender os comerciantes que novamente fossem encontrados com seus produtos perto da cidade no sábado (v. 21) (CBASD, vol. 3, p. 499).

26 não pecou nisso Salomão […]? O exemplo era mais apropriado do que qualquer outro para mover os judeus. A que o autor de I Reis 11:3 chamou eufemisticamente como “lhe perverteram o coração”, Neemias abertamente chamou de pecado (CBASD, vol. 3, p. 500).

Neemias usou o exemplo dos erros de Salomão para ensinar seu povo. Se mesmo um dos maiores reis de Israel caíra por causa da influência de descrentes, outros também cairiam. Neemias viu este princípio no exemplo de Salomão: seus dons e forças não serão de muito benefício se você falhar em lidar com suas fraquezas. Apesar de Salomão ser um grande rei, seus casamentos com mulheres estrangeiras trouxeram tragédia a todo o reino. Qualquer tendência ao pecado deve ser imediatamente detectada e resolvida; de outro modo, ela irá dominar você e fazê-lo cair. Uma das maiores razões para a leitura da Bíblia é aprender com os erros do povo de Deus (Life Application Study Bible Kingsway NIV).

28 filhos de Joiada. O fato de um membro da família do sumo sacerdote ter feito esse tipo de aliança com o principal inimigo de Neemias era absurdo e humilhante (CBASD, vol. 3, p. 500).

afugentei de mim. Isto possivelmente signifique que Neemias forçou o transgressor a deixar a nação e se tornar um exilado. Podemos supor que ele recusou repudiar sua esposa estrangeira e preferiu se refugiar em Samaria com Sambalate (CBASD, vol. 3, p. 500).

28 genro. Foi esse que foi usado para constituir um novo sacerdócio samaritano, com um templo no monte Gerizim, formando uma seita rival do judaísmo (cf João 4.20) (Bíblia Shedd).

29 contaminou […] a aliança sacerdotal. […] a aliança que Deus firmou com a tribo de Levi e com Arão e seus descendentes (ex. 28.1). […] A expulsão do genro de Sambalate de Jerusalém pode estar ligada com a edificação do templo dissidente dos samaritanos no monte Gerizim. Josefo relata (Antiguidades, xi.7.2) que Manassés, um irmão do sumo sacerdote Jadua, se casou com Nikaso, filha do sátrapa Sambalate, um cutita. Quando, por causa disso, as autoridades judaicas o excluíram do sacerdócio, ele estabeleceu o templo e a adoração no monte Gerizim, com o auxílio do seu sogro (CBASD, vol. 3, p. 500).

31 A história da vida de Neemias fornece muitos princípios de liderança efetiva que são válidos ainda hoje. (1) Tenha um propósito claro e o avalie sempre à luz da vontade de Deus. Nada impediu Neemias de se manter no caminho. (2) Seja reto e honesto. Todos sabiam claramente o que Neemias queria e ele falava a verdade mesmo quando seu objetivo era muito difícil de ser atingido. (3) Viva acima da reprovação. As acusações contra Neemias eram vazias e falsas. (4) Seja uma pessoa de oração constante, recebendo poder e sabedoria de seu contato com Deus. Tudo que Neemias fazia glorificava a Deus. A liderança parece glamurosa, fascinante à vezes, mas ela é geralmente solitária, ingrata, e cheia de pressões para se comprometer valores e padrões. Neemias foi capaz de alcançar um tremendo sucesso contra dificuldades incríveis porque ele aprendera que não existe sucesso sem risco de fracasso, não existe recompensa sem trabalho duro, nem liderança verdadeira sem confiança em Deus. O tema deste livro é sobre a reconstrução da muralha de uma grande cidade, mas também sobre reavivamento espiritual, reconstruindo a dependência do povo em Deus. Quando tiramos nossos olhos de Deus, nossas vidas começam a desmoronar (Life Application Study Bible Kingsway NIV).



NEEMIAS 13 – Comentário Pr Heber Toth Armí by jquimelli
9 de setembro de 2016, 0:45
Filed under: Sem categoria

NEEMIAS 13 – Quando se ascendem as chamas do reavivamento, não se deve esperar que elas prossigam ou aumentem automaticamente. É o que se nota neste capítulo…

“Ao que parece, as bênçãos são esquecidas com facilidade e em pouco tempo, pois o povo tinha um certo fascínio pelo pecado. A ausência de Neemias por um espaço de tempo fez surgir um vácuo na liderança do povo de Judá” (Elinaldo Renovato).

O remanescente reavivado estava despencando novamente para os prazeres do pecado:

• Mundanismo e liberalismo no templo. Tobias, o causador de problemas para Neemias ganhou um quarto na “Casa de Deus” (vs.4-9, 30-31).
• Devido às concessões dos líderes espirituais, o povo parou de devolver os dízimos e as ofertas forçando os sacerdotes a abandonarem suas responsabilidades (vs. 10-13).
• O sábado estava sendo mal utilizado, contrário à prescrição de Deus (vs. 15-22).
• O povo de Deus estava casando com mulheres mundanas, pagãs e idólatras (vs. 23-27).

Tudo isso após…

• …Forte reavivamento e reforma liderado por Esdras e Neemias (8-9:38);
• …Comprometimento público de guardar e cumprir todos os mandamentos divinos (10:29);
• …Alguns dos líderes políticos terem assinado um documento legal comprometendo-se em obedecer a Deus e observar Seus mandamentos (9:38-10:27);
• …O povo ter recebido auxílio divino para terminar o muro de Jerusalém e ter celebrado entusiasticamente a Deus pelo sucesso (12:27-47).

Neemias precisou ser agressivo para corrigir esses defeitos de caráter do povo. Ele mesmo declarou…

“Fiquei furioso”; “chamei a atenção dos oficiais”; “adverti contra a venda de alimentos [no sábado]”; “cobrei atitude dos líderes”; “mandei fechar os portões e proibi que fossem abertos até o fim do sábado”; “chamei a atenção [dos comerciantes incrédulos] dizendo: ‘Se eu encontrar vocês aqui outra vez [no sábado], vou retirá-los à força’”; “chamei a atenção [dos que casaram com mulheres pagãs] e os amaldiçoei. Cheguei a bater em alguns deles e a arrancar seus cabelos”; “[aos sacerdotes] eu os purifiquei de tudo o que era estranho”.

Tudo isso Neemias fez com oração e consagração (vs. 14, 22, 29, 31) pautado pela revelação de Deus em Sua Palavra (vs. 1-3): Eis o segredo do sucesso!

Liderar o povo de Deus não é fácil, mas é necessário. O que aconteceria se houvessem, em nossos dias, líderes como Neemias? Os crentes aceitariam?

Reavivemo-nos urgentemente! – Heber Toth Armí.

Escreva o que você achou do livro de Neemias…



NEEMIAS 13 – #RPSP – Comentário Rosana Barros  by Ivan Barros
9 de setembro de 2016, 0:30
Filed under: Sem categoria

“Por isto, lembra-te de mim e não apagues as beneficências que eu fiz à casa de meu Deus e para o seu serviço” (v. 14).

Acabamos o estudo de mais um livro histórico da Bíblia. E que livro! Neemias, sem dúvida, deixou um legado de fé impressionante. Sua vida foi uma fantástica ilustração acerca do poder da oração e do zelo para com o serviço do SENHOR. O verso seis relata que em determinado momento Neemias precisou retornar à Babilônia, mas que após algum tempo pediu ao rei permissão para voltar a Jerusalém. Qual foi sua surpresa ao chegar e encontrar ali Tobias, alojado em uma câmara feita para ele no pátio da Casa de Deus (v. 7). Aquele mesmo Tobias que havia perseguido Neemias e dito falso testemunho a seu respeito, lembram? Neemias ficou tão indignado ao ver aquilo que ele mesmo entrou naquela câmara e atirou fora todos os móveis de Tobias. Esta cena não nos faz lembrar outra bem semelhante lá do novo testamento? Quando Jesus pisou no pátio do templo de Jerusalém e viu toda aquela feira livre na Casa de Seu Pai, toda aquela profanação; pessoas negociando e fazendo daquele lugar o que bem quisessem visando interesses egoístas e impuros; Sua voz ecoou por aquele pátio em um tom jamais visto nem mesmo pelos discípulos. Não imagino a face de Cristo manifestando raiva, mas um profundo zelo e respeito para com o lugar que o SENHOR disse: “A Minha casa será chamada casa de oração” (Lucas 19:46). Ninguém pôde deter o Salvador, assim como também não puderam deter Neemias porque ambos estavam no pleno exercício de seus direitos. Cristo como o Dono da Casa e Neemias como representante do Dono.Três questionamentos são lançados por Neemias ao povo. Todos eles com o mesmo propósito: converter “a maldição em bênção” (v. 2). O primeiro foi: “Porque se desamparou a Casa de Deus?” (v. 11). O segundo: “Que mal é este que fazeis, profanando o dia de sábado? (v. 17). E o terceiro: “Dar-vos-íamos nós ouvidos, para fazermos todo este grande mal, prevaricando contra o nosso Deus, casando com mulheres estrangeiras?” (v. 27).

Cada uma destas frases interrogativas seria tema para muitos comentários. Porém, o resumo de todas elas poderia ser o seguinte, caso os filhos de Israel rejeitassem a correção de Deus por intermédio de Neemias: “Eis que rejeitaram a Palavra do SENHOR; que sabedoria é essa que eles têm?” (Jeremias 8:9). Sabem como a Bíblia chama a “sabedoria” humana? “A sabedoria deste mundo é loucura diante de Deus” (I Coríntios 3:19). O que é, amados, a sabedoria que não procede de Deus? LOUCURA. Então não foi loucura a atitude de Neemias de atirar as coisas daquele ímpio para fora do templo, como também não foi o que ele fez com alguns judeus no versículo vinte e cinco. Foi ZELO.

É claro que não podemos fazer uso da mesma atitude hoje, até porque Neemias agiu conforme o contexto da época. Mas Deus nos chama para sermos Seus representantes demonstrando zelo e reverência por tudo o que recebe a Sua assinatura; para vivermos o ASSIM DIZ O SENHOR. Devemos ser zelosos com relação à igreja de Deus, sendo mordomos fiéis na devolução de nossos dízimos e ofertas (v. 12). Também devemos “santificar o dia de sábado” (v. 22), conforme o mandamento (Êxodo 20:8; Gênesis 2:1-3), observando-o como os profetas de Deus (Isaías 58:13-14; Ezequiel 20:12,20), como Cristo (Lucas 4:16, 31), como os discípulos (Lucas 23:53-56; Atos 13:14, 27, 42, 44) e como os salvos observarão na Nova Terra (Isaías 66:22, 23). E devemos abrir mão de “todo elemento misto” (v. 3); ou seja, de tudo aquilo que pode nos afastar do SENHOR e de Sua Santa Cidade, que desvie o nosso olhar da eternidade.

Conforme as suas forças, Neemias procurou ser em tudo fiel ao SENHOR, por isso que com ousadia concedida pelo próprio Deus pôde proferir a última frase deste livro: “Lembra-te de mim, Deus meu, para o meu bem” (v. 31). Temos você e eu a ousadia de poder proferir as mesmas palavras hoje? Meus irmãos, se não estivermos vigilantes, Satanás virá com cargas e mais cargas de ilusão para dentro de nosso coração (v. 19). Que mediante o estudo diário da Palavra e uma vida de constante oração, tenhamos a convicção de que Deus sempre lembra de nós para o nosso bem eterno!

Bom dia, zelosos do SENHOR!

Desafio do dia: Separe um espaço em alguma parede ou porta da casa em que você possa colar trechos da Bíblia para memorizar. Ao memorizar a Palavra de Deus, você notará como suas orações irão fluir com maior facilidade.

*Leiam #Neemias13

Rosana Garcia Barros




%d blogueiros gostam disto: