Reavivados por Sua Palavra


EZEQUIEL 10, Comentado por Rosana Barros by Ivan Barros
30 de setembro de 2017, 0:30
Filed under: Sem categoria


“Parando eles, paravam elas; e, elevando-se eles, elevavam-se elas, porque o espírito dos seres viventes estava nelas” (v.17).


Dando continuidade ao capítulo anterior, Ezequiel parece ter a mesma visão que lhe foi dada no início de seu ministério. Os querubins, o trono de Deus e as quatro rodas retornam ao cenário profético. Porém, não seria mais uma confirmação do chamado de Ezequiel, mas um parecer acerca dos juízos que estavam para ser derramados sobre Jerusalém. Ao “homem vestido de linho” foi dada a ordem de encher “as mãos de brasas acesas dentre os querubins” e espalhar “sobre a cidade” (v.2). Um dos querubins colocou o fogo nas mãos do homem, “o qual o tomou e saiu” (v.7).

Parece que esta figura misteriosa simplesmente desaparece, já que não é mais citada no decorrer da visão. Porém, em suas mãos estava o instrumento divino de purificação, o fogo, que seria derramado sobre Israel. Lembre-se de que, antes, ele já havia terminado de selar alguns fiéis dentre o povo de Deus que gemiam por causa das abominações de seus patrícios.

Em Apocalipse, João teve uma visão similar logo após Jesus ter aberto o sétimo e último selo: “E o anjo tomou o incensário, encheu-o do fogo do altar e o atirou à terra. E houve trovões, vozes, relâmpagos e terremoto” (Ap 8:5). O incensário é um símbolo de oração. O altar representa o perfeito sacrifício de Jesus. As orações dos fiéis, unidas à justiça de Cristo movem o coração de Deus. Logo após a abertura do sétimo selo, sete anjos foram convocados para tocar sete trombetas, onde, a cada toque, um juízo diferente sobreviria à Terra, culminando no grande Dia do SENHOR.

Conforme o exame historicista da Bíblia, as seis primeiras trombetas já foram tocadas e estamos aguardando apenas o ressoar da sétima e última trombeta, como relatado pelo apóstolo Paulo: “Eis que vos digo um mistério: nem todos dormiremos, mas transformados seremos todos, num momento, num abrir e fechar de olhos, ao ressoar da última trombeta. A trombeta soará, os mortos ressuscitarão incorruptíveis, e nós seremos transformados” (1Co 15:51-52).

Amados, quando João ouviu a última trombeta, algo maravilhoso apareceu diante de seus olhos: ele viu o lugar santíssimo do santuário de Deus, “e foi vista a arca da Aliança no Seu santuário” (Ap 11:19). Era exatamente no lugar santíssimo que era manifestada a glória de Deus: no propiciatório, “sobre os querubins” (v.18). Percebem a perfeita harmonia entre as visões? Havia uma mensagem para o Israel dos tempos de Ezequiel. O povo precisava se arrepender e voltar a andar segundo a lei do SENHOR. Mas será que esta mensagem ficou no passado? Não podemos ignorar o fato de que o mesmo objeto que guardava as tábuas do Decálogo foi visto no Céu por João.

A perfeita sintonia entre os querubins e as rodas será a mesma que haverá entre o remanescente e Cristo no dia de Seu retorno. E se quisermos fazer parte deste grupo seleto precisamos tomar a mesma decisão de Paulo: “Dia após dia, morro!” (1Co 15:31). Para os que amam a Deus, o fogo não será instrumento punitivo, mas purificador: “Farei passar a terceira parte pelo fogo, e a purificarei como se purifica a prata, e a provarei como se prova o ouro; ela invocará o Meu nome, e Eu a ouvirei; direi: é Meu povo, e ela dirá: O SENHOR é meu Deus” (Zc 13:9). Morrer para o eu e permitir que Cristo viva em nós é uma decisão que deve ser tomada diariamente. E o segredo da vitória diária está em correr, “com perseverança, a carreira que nos está proposta, olhando firmemente para o Autor e Consumador da fé, Jesus” (Hb 12:1, 2). Então, pela fé, olhe para o lugar santíssimo, contemple o seu Intercessor e persevere na carreira que Ele nos deixou exemplo!

Feliz sábado, povo do SENHOR!

Desafio do dia: Siga o exemplo de Jesus sobre a guarda do quarto mandamento: Lucas 4:16 e Mateus 12:12.

Rosana Garcia Barros

#PrimeiroDeus
#Ezequiel10
#RPSP


Deixe um comentário so far
Deixe um comentário



Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: