Reavivados por Sua Palavra


ISAÍAS 3 by jquimelli
23 de maio de 2017, 1:00
Filed under: Sem categoria

Comentário devocional:

Foi mostrado a Isaías o resultado da falta de confiança de Judá em Deus. As alianças com nações pagãs não conseguiram evitar as repetidas invasões que levaram cativos ou mataram muitos anciãos e príncipes (versos 2 -3). Isso deixou o país sob o governo de homens jovens indisciplinados que tinham prazer em oprimir os pobres (versos 4 -5). Em uma cena de tribunal, o Senhor levanta julgamento não somente contra estes homens que pecaram descaradamente (v.9), mas também contra as suas mulheres degeneradas, as “filhas de Sião” (v. 16) – pessoas vãs, vestidas com orgulho e que andavam de cabeça erguida.

Quão importante é a disciplina da educação e do desenvolvimento do caráter cristãos? A serva de Deus para o tempo do fim diz: “Nenhuma verdade a Bíblia ensina mais claramente do que aquela segundo a qual o que fazemos é o resultado do que somos. Em grande parte, as experiências da vida são o fruto de nossos próprios pensamentos e ações” (Educação, p. 119).

Isaías praticamente pergunta aos homens e mulheres de hoje: Existem áreas em sua vida que estão levando você a desenvolver um caráter diferente do que Deus quer para você? (1 Ped. 3:3-4). Você vai confiar em Deus de todo coração?

Pr. Lloyd e Sheila Schomburg
Casal pastoral, Associação de Kentucky-Tennessee, EUA

Texto original: https://www.revivalandreformation.org/bhp/en/bible/isa/3, https://www.revivalandreformation.org/?id=928 e http://revivedbyhisword.org/en/bible/isa/3/
Tradução anterior: https://reavivadosporsuapalavra.org/2014/02/27
Equipe de tradução: Pr Jobson Santos/Jeferson Quimelli/Gisele Quimelli
Texto bíblico: Isaías 3 NVI
Comentário em áudio Pr Valdeci
Leituras da semana do programa Crede em Seus Profetas: https://credeemseusprofetas.org/



ISAÍAS 3 – COMENTÁRIO PR. EVANDRO FÁVERO by Maria Eduarda
23 de maio de 2017, 0:55
Filed under: Sem categoria



ISAÍAS 3 – COMENTÁRIO PR HEBER TOTH ARMÍ by jquimelli
23 de maio de 2017, 0:45
Filed under: Sem categoria

ISAÍAS 3 – Vaidade é revelação do orgulho, o qual é fruto do egoísmo. Vaidosos são orgulhosos – investem em si mesmos. Deus não é prioridade para os religiosos vaidosos. E isso sempre acarreta resultados desastrosos.

Neste capítulo, “os principais homens de Judá estavam prestes a ser levados, 3:1-7, e isso por causa do pecado dos governantes, 8-15, enquanto as mulheres de Judá são exibidas a se deleitarem no orgulho e no luxo, 3:16-4:1” (Eward J. Young).

• O orgulho, egoísmo e vaidade trazem castigos da parte do santo Deus.

“Todas as classes da sociedade serão castigadas pelos seus pecados – os governantes, os homens trabalhadores e outros, 1-15, assim como as mulheres mundanas, vãs, ímpias, 3.16-4.1” (Merril F. Unger).

“O único interesse dessas mulheres era flertar e seduzir”. Neste capítulo, “o profeta comenta um assunto que o livro de Provérbios trata em mais detalhes (Pv. 6:20-7:27; 31:3). Deus não condena o desejo da mulher parecer atraente, conforme demonstra o livro de Cântico dos cânticos. Antes, o mais importante é que a mulher persevere naquele tipo de amor que se traduz em reverência ao Senhor e desenvolvimento do caráter (Pv 11:22-23; 31:30; Mt 16:3-6). Ou seja, a mulher não deve buscar ser o centro das atenções e rivalizar com o Criador” (Comentário Bíblico Africano).

• Não priorizar Deus em tudo gera titânicas tragédias. Quando grandes instituições ignoram Seus princípios, os resultados são nefastos. É nítido o caos inclusive na política e na religião.
• Os mais belos atrativos e meios de embelezamento não passam de máscaras frágeis que revelam ainda mais a insatisfação que reina no coração desprovido de Deus.

Precisamos atentar este ensinamento:

“Dizei firmemente: Não passarei ociosos momentos na leitura daquilo que de nenhum proveito me será e tão somente me incapacitará para ser prestativo aos outros. Dedicarei meu tempo e pensamentos, buscando habilitar-me para o serviço de Deus. Fecharei os olhos para as coisas frívolas e pecaminosas. Meus ouvidos pertencem ao Senhor, e não escutarei o sutil arrazoamento do inimigo. De maneira nenhuma minha voz se sujeitará a uma vontade que não esteja sob a influência do Espírito de Deus. Meu corpo é templo do Espírito Santo, e cada faculdade de meu ser será consagrada para atividades dignas” (Ellen G. White).

Negligenciando isso, estamos perdidos! “Senhor, reaviva-nos!” – Heber Toth Armí.



ISAÍAS 3 – Comentário Rosana Barros by Ivan Barros
23 de maio de 2017, 0:30
Filed under: Sem categoria

“O SENHOR se dispõe para pleitear e Se apresenta para julgar os povos” (v. 13).


Dois julgamentos acontecem neste capítulo. Um se refere a Jerusalém e Judá e o outro às mulheres de Jerusalém. O primeiro é uma consequência do “que as suas próprias mãos fizeram” (v. 11). O povo havia esquecido do SENHOR e se corrompido a tal ponto que por Ele foram comparados a Sodoma (Is.1:10; v. 9). Aqueles que se chamavam pelo nome do SENHOR oprimiam uns aos outros (v. 5) e de público revelavam seus pecados (v. 9). Não havia mais pudor ou limites. Até o aspecto do rosto lhes era um testemunho desfavorável. Já o segundo julgamento completava o quadro da destruição. Àquelas as quais foi confiada a mais sublime missão estavam de todo corrompidas e suas vidas eram regidas para a exaltação própria e exibição extravagante. Homens e mulheres haviam perdido a noção do puro e do sagrado, levando Jerusalém e Judá à completa ruína. Lares destruídos, nação destruída!

Entretanto, mesmo em meio a um cenário de tão terríveis proporções, como em cada geração deste mundo, Deus conserva aqueles os quais, por Sua graça, intitula de justos: “Dizei aos justos que bem lhes irá; porque comerão do fruto das suas ações” (v. 10). Ou seja, nem tudo estava e nem tudo ESTÁ perdido. Em toda a história da humanidade o SENHOR tem erguido Seus troféus, “os resgatados do SENHOR” (Is. 35:10), “os restantes de Jacó” (Is. 10:21). Sempre houve e continua havendo um chamado de urgência que envolve decisão e entrega. Homens e mulheres têm sido convocados para proclamar três especiais mensagens: “O tempo está cumprido, e o Reino de Deus está próximo; arrependei-vos e crede no evangelho” (Marcos 1:15). Isto é: “Temei a Deus e dai-Lhe glória, pois é chegada a hora do Seu juízo… caiu, caiu a grande Babilônia… Aqui está a perseverança dos santos, os que guardam os mandamentos de Deus e a fé em Jesus” (Ap. 14:7, 8 e 12).

Quando a comunhão diária e o desejo de conhecer o SENHOR são substituídos pela busca dos próprios interesses, a natureza humana é manifestada na língua e nas obras (v. 8). Um dos piores pecados de Sodoma foi a publicidade que davam a eles (Gênesis 19:5). Muitos têm alegado sinceridade ao expor suas fraquezas. Não se trata, porém, de um protesto contra a hipocrisia ou falsidade, mas da promoção daquilo que destrói “o caminho por onde deves seguir” (v. 12). Qual é a sua intenção ao publicar indiretas nas redes sociais? Qual é a sua intenção ao divulgar fotos com “o aspecto do seu rosto” (v. 9) em conotação sensual? Qual é a sua intenção ao vestir-se de forma provocante e extravagante? Oh, meus irmãos, não temos mais tempo a perder com estas coisas tão medíocres!

Amados, fomos chamados das trevas deste mundo para a maravilhosa luz de Cristo e Ele nos deixou exemplo para seguirmos os Seus passos (I Pedro 2:21). O que estamos fazendo com tamanho privilégio? Não haverá desculpas para o erro no Dia do SENHOR. “Ai do perverso!“, porque colherá o que ele mesmo semeou (v. 11). O Espírito do SENHOR geme para que atendamos ao Seu apelo: “Oh! Povo Meu!“, cuidado para não estar seguindo pela estrada do engano (v. 12) cujo desfecho transformará tudo o que julgavam belo em lixo e podridão (v. 24)! Lembrem-se: estas advertências não são de homens, mas assim “diz o SENHOR, o SENHOR dos Exércitos” (v. 15).

Fomos criados para revelar a glória de Deus (Is. 43:7)! Que a nossa vida testifique que fomos comprados por alto preço e, “pelo conhecimento completo dAquele que nos chamou para a Sua própria glória e virtude“, tornemo-nos “coparticipantes da natureza divina, livrando-nos da corrupção das paixões que há no mundo” (II Pedro 1:3 e 4).

Bom dia, diligentes servos de Cristo!

Desafio do dia: Ore pedindo ao Espírito Santo que lhe mostre tudo aquilo que pode estar maculando a sua vida e tome a firme decisão de se desfazer de tudo isso.

Rosana Garcia Barros

#PrimeiroDeus
#Isaías3
#RPSP

Impulsionar publicação



%d blogueiros gostam disto: