Reavivados por Sua Palavra


EZEQUIEL 34 by jquimelli
24 de outubro de 2017, 1:00
Filed under: Sem categoria

Comentário Devocional

Em meio à mensagens de julgamento contra as nações, Ezequiel tem uma mensagem para os líderes espirituais, descritos de maneira figurada como maus pastores de ovelhas, que utilizam sua lã e comem a sua carne, mas não providenciam pasto adequado para elas, não procuram as perdidas nem cuidam das doentes (v. 1-10).

Ao condenar o egoísmo dos líderes, Ezequiel adverte que o julgamento está chegando (v. 17), um julgamento que separará as ovelhas das cabras (ver Mt 25:31-46). No dia a dia é difícil saber quais pessoas agradam a Deus, é difícil saber quem são os justos e quem são os ímpios. No entanto, como Ezequiel 33 deixou bem claro, no juízo vindouro tudo será revelado.

O ideal do bom pastor presente no Novo Testamento, é primeiramente apresentado aqui em Ezequiel. O Bom Pastor estava a caminho: o próprio Deus irá cuidar das ovelhas doentes e desgarradas. Ele irá cuidar das pessoas e trazer paz e prosperidade a elas. O Messias virá e será o Bom Pastor sobre todo o povo.

Como pais, professores, pastores, Ezequiel 34 nos adverte da solene responsabilidade de sermos sub-pastores do rebanho do Bom Pastor. Assim como recebemos a graça de Deus, que possamos também concedê-la. Peçamos a capacidade de amar as ovelhas, do mesmo modo como elas são amadas pelo Supremo Pastor.

Ross Cole
Avondale College, Austrália

Texto original: https://www.revivalandreformation.org/bhp/en/bible/eze/34 e https://www.revivalandreformation.org/?id=1082
Também disponível no blog mundial RPSP/BHP da IASD, em: https://www.revivalandreformation.org/bhp/pt/biblia/eze/34
Tradução anterior: https://reavivadosporsuapalavra.org/2014/07/31/
Equipe de tradução: Jeferson Quimelli/Pr Jobson Santos/Gisele Quimelli
Texto bíblico: Ezequiel 34 NVI
Ouça online: Ezequiel 34 NVI 
Comentário em áudio Pr Valdeci
Leituras da semana do programa Crede em Seus Profetas: https://credeemseusprofetas.org/



EZEQUIEL 34 – COMENTÁRIO PR ADOLFO SUAREZ by jquimelli
24 de outubro de 2017, 0:50
Filed under: Sem categoria


EZEQUIEL 34 – COMENTÁRIO PR HEBER TOTH ARMÍ by jquimelli
24 de outubro de 2017, 0:45
Filed under: Sem categoria

EZEQUIEL 34 – Infelizmente os membros da igreja de Deus não têm interesse na comunhão com Deus, no relacionamento intencional para revelar o amor de Deus, muito menos priorizam a missão, pois a satisfação deles está na acomodação.

No capítulo anterior, Ez 33, está claro que “desrespeito a leis alimentares, idolatria, assassinato (violência) e adultério são citados no mesmo nível, como graves ofensas morais contra Deus”. O livro de Ezequiel faz “uma síntese de práticas detestáveis (18:12, 13), que constituíam graves ofensas ao Senhor… a lista inclui idolatria (5:11; 7:20; 11:18, 21; 33:25), adultério (22:11; 33:26) e violência (8:17). Fora de Ezequiel, a lista abrange sacrifícios de filhos (Dt 12:31; 2Rs 16:3), comer alimentos imundos (Dt 14:3), abuso de poder (Pv 16:12), falsos pesos e medidas (Dt 25:13-15; Pv 11:1), salário de prostituição (Dt 23:18), orgulho no coração (Pv 16:5) e a oração de um transgressor da lei (Pv 28:9)” (Bíblia de estudo Andrews).

No capítulo em pauta, Deus julga aos pastores que encobrem as verdades reveladas em Sua Palavra. Os membros do povo de Deus que se perderem por práticas ofensivas não repreendidas serão responsabilidade dos líderes espirituais; portanto, eles também se perderão.

• Contudo, Deus não deixa ninguém na ignorância: Um Pastor divino viria alertar do perigo onde os pastores negligentes falharam.

Leia todo o capítulo atentamente, depois reflita nestes pontos:

• Apesar das ovelhas serem fracas, magras, doentes, gordas, saqueadas, desgarradas e, apesar dos pastores serem exploradores, fraudulentos e gananciosos, Deus não as abandona; Ele enviou Jesus para ser o Bom Pastor que cuida como ninguém de Suas ovelhas.
• Líderes políticos e religiosos que deveriam cuidar do povo de Deus, mas pelo seu egoísmo e ambição os explora, não devem ser a causa do desespero do rebanho –  nada impede Deus de chamar as Suas ovelhas, nem delas ouvirem a Sua voz.
• O modelo de pastoreio divino deve ser o alvo de todo pastor que representa o Sumo Pastor para o rebanho de Deus aqui na Terra.
• O plano de Deus é reunir Seu povo e formar apenas um só rebanho (não várias denominações) e um só Pastor, Jesus Cristo (João 10:1-18; I Pedro 5:4).

Deus cuida de Suas ovelhinhas aqui na Terra. Nenhuma que ouvir Sua voz se perderá. Ele as guiará ao aprisco seguro. Até Seus pastores são cuidados como ovelhinhas! Reavivemo-nos! – Heber Toth Armí.



EZEQUIEL 34, Comentado por Rosana Barros by Ivan Barros
24 de outubro de 2017, 0:30
Filed under: Sem categoria

“Porque assim diz o SENHOR Deus: Eis que Eu mesmo procurarei as Minhas ovelhas e as buscarei” (v.11).


Preocupados com o próprio bem-estar, os pastores de Israel receberam séria advertência quanto à sua infidelidade. Negligenciando o cuidado com as ovelhas de Deus, levaram Israel à dispersão e apostasia. A obra de apascentar requer o mesmo zelo que tinha Davi pelo rebanho de seu pai, a ponto de arriscar a própria vida enfrentando “as feras do campo” (v.5; 1Sm 17:34-35), coisa que os pastores não estavam dispostos a viver. Davi salvara as ovelhinhas da boca das feras; Deus salvaria Suas ovelhas da boca dos pastores omissos (v.10).

A responsabilidade de um pastor é sobremodo grande e sagrada. É um privilégio dado a homens que demanda uma vida de íntima comunhão com Deus e dedicação altruísta. O sucesso deste ministério está em fixar os olhos no ministério maior. Jesus, aqui chamado de Davi (v.23), devido à linhagem de onde veio como Messias, buscou as ovelhas perdidas, trouxe de volta as desgarradas, ligou as quebradas e sarou as enfermas, deixando exemplo de bom Pastor que “dá a vida pelas ovelhas” (Jo 10:11). Mas também pregou com autoridade, corrigiu as rebeldes e advertiu as hipócritas. Ele não omitiu o dever de fazer diferença entre o bem e o mal.

Da mesma forma, Deus fez distinção entre “ovelhas gordas e ovelhas magras” (v.20). Além do ministério falido dos líderes de Israel, o povo se voltava contra o próprio povo e injustiças eram cometidas. Perante o Senhor, as ovelhas do Seu rebanho não eram somente as mais fortes e robustas, mas “a perdida… a desgarrada… a quebrada… e a enferma” (v.16). Injustiçadas e feridas, receberam do grande Pastor a promessa de Seu cuidado e proteção: “Eu livrarei as Minhas ovelhas… e julgarei entre ovelhas e ovelhas” (v.22).

A obra de reunir as últimas ovelhas do Seu pasto já está sendo feita. E mediante a ação do Espírito Santo, Deus fará “descer a chuva a seu tempo, serão chuvas de bênçãos” (v.26). Munidos das provisões celestiais, o remanescente do Senhor estará seguro ainda que no “vale da sombra da morte” (Sl 23:4). “Quando a tempestade da perseguição realmente irromper sobre nós, as verdadeiras ovelhas ouvirão a voz do verdadeiro Pastor. Serão envidados esforços abnegados para salvar os perdidos, e muitos que se afastaram do aprisco voltarão para seguir o grande Pastor” (6T, p. 401). Então, “habitarão seguramente, e ninguém haverá que as espante” (v.28).

Eis a maior necessidade dos pastores e das ovelhas:

“A necessidade vital – a maior necessidade da igreja remanescente – não é a de mais membros, mais pregadores, mais dinheiro ou mais facilidades. A maior necessidade hoje em dia é a de homens e mulheres repletos do Espírito Santo”.

“Quem atenderá sem reservas ao veemente repto desta hora culminante da história terrestre?” (B. E. Wagner, Preparação para a Chuva Serôdia, CPB, p. 45).

Bom dia, ovelhas do grande Pastor!

Jornada EspiritualChuva Serôdia. Chegou a hora!”, 9° dia: Em seu grupo de amigos de oração, sugira a ideia de se reunirem para estudar a Bíblia juntos. Pode ser um encontro semanal, quinzenal ou mensal. Fica a critério da possibilidade de cada um

.

Rosana Garcia Barros

#PrimeiroDeus
#Ezequiel34
#RPSP

Deixe um comentário:



EZEQUIEL 34 – COMENTÁRIO PR EVANDRO FÁVERO by Maria Eduarda
24 de outubro de 2017, 0:25
Filed under: Sem categoria




%d blogueiros gostam disto: