Reavivados por Sua Palavra


JEREMIAS 24, Comentado por Rosana Barros by Ivan Barros
18 de agosto de 2017, 0:30
Filed under: Sem categoria


“Dar-lhes-ei coração para que Me conheçam que Eu sou o SENHOR; eles serão o Meu povo, e Eu serei o seu Deus; porque se voltarão para Mim de todo o seu coração” (v. 7).


A visão dos dois cestos de figo representava a situação dos filhos de Judá no período do exílio babilônico. O fato dos figos terem sido recolhidos em cestos, indica que o SENHOR mesmo separaria os frutos bons dos frutos ruins. A rendição daqueles que fossem levados como exilados os favoreceria em terra estranha, de forma que Deus os conservaria e os conduziria à verdadeira adoração. Já os que insistiriam em permanecer em Jerusalém ou em fugir para as terras do Egito, sofreriam as consequências da desobediência e não teriam a bênção do SENHOR.

Diferente da atitude do grande e primeiro patriarca do povo, a maioria escolheu não dar ouvidos ao SENHOR e permanecer na terra natal ou voltar à terra onde outrora haviam sido libertos da escravidão. Quando Deus disse a Abraão: “Sai da tua terra, da tua parentela e da casa de teu pai e vai para a terra que te mostrarei” (Gênesis 12:1), o resultado foi obediência. Abraão não questionou a ordem de Deus, mas prontamente obedeceu e foi. Simplesmente porque ele fez uma coisa: ele creu.

A descrença dos filhos de Judá os levou a triste realidade de frutos “ruins, que, de ruins que eram, não se podiam comer” (v. 2). Isto é, que não prestavam para mais nada, senão para serem lançados fora. E esta mesma realidade incrédula pode ser notada hoje também. Notem bem que as advertências que temos estudado não foram dadas a povos pagãos, mas ao povo escolhido de Deus. Judá tornou-se uma nação arrogante e, cheios de si, seus líderes transmitiam “ao restante de Jerusalém” (v. 8) uma religião repleta de rituais, mas vazia de Deus.

Nossa geração de cristãos, chamada por Deus de Laodiceia, nos coloca diante da mesma visão dada a Jeremias centenas de anos atrás. Estamos no cesto dos frutos bons ou no cesto dos frutos ruins? Os laodiceanos são aqueles que não rejeitam a Deus totalmente, mas que também não O servem por completo. Ou seja, se intitulam cristãos, vivem como cristãos, se orgulham do título de cristãos, mas não se gloriam em conhecer a Deus e sim em seus próprios méritos: “Estou rico e abastado e não preciso de coisa alguma”, porém, não sabem que são figos muito ruins, infelizes, miseráveis, pobres, cegos e nus (Apocalipse 3:17).

O fato de fazermos parte desta geração não nos condiciona a vivermos a realidade de Laodiceia. Podemos, pela graça maravilhosa de Jesus, fazer parte da cesta dos “figos temporãos” (v. 2), se tão-somente buscarmos nEle tudo o que precisamos para a nossa subsistência espiritual: “Aconselho-te que de Mim compres ouro refinado pelo fogo para te enriqueceres, vestiduras brancas para te vestires, a fim de que não seja manifesta a vergonha da tua nudez, e colírio para ungires os olhos, a fim de que vejas” (Ap. 3:18).

A declaração de Cristo “Venho sem demora” (Ap. 3:11) nunca esteve tão perto de seu cumprimento. O mundo geme e grita as dores de um planeta que não suportará mais tanto tempo as consequências advindas das ações dos “que destroem a terra” (Ap. 11:18). O SENHOR está separando os frutos bons dos frutos ruins e tem clamado com a linguagem da súplica e das lágrimas para que todos tenham a oportunidade de ouvir o Seu último clamor.

Até quando vais resistir? Permita que Deus lhe conceda um coração que O conheça e que seja completamente conduzido por Ele. Então, recolhido no cesto do SENHOR, terás o olhar do Pai a seu favor e Ele lhe plantará no “Reino do Filho do Seu amor” (Colossenses 1:13).

Bom dia, figos muito bons!

Desafio do dia: Aprofunde o estudo da Palavra do SENHOR e, se ainda não possui, adquira e LEIA a série “O Grande Conflito”, de Ellen G. White. Seus olhos se abrirão para uma melhor compreensão das Escrituras.
Acesse: www.cpb.com.br

Rosana Garcia Barros

#PrimeiroDeus
#Jeremias24
#RPSP


Deixe um comentário so far
Deixe um comentário



Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: