Reavivados por Sua Palavra


SALMO 59 – COMENTÁRIO PR HEBER TOTH ARMÍ by jquimelli
29 de dezembro de 2016, 0:45
Filed under: Sem categoria

SALMO 59 – Imagine a cena: O sogro não gosta do genro. O genro nunca fez nada de mal ao sogro, contudo o sogro quer a sua morte. O genro fez apenas o bem, mas não colheu o bem em seu relacionamento com o sogro. Pelo contrário, o bem resultou em mal.

Essa história não aconteceu na favela ou periferia com pessoas sem culturas como se vê em alguns programas de TV. Esta baixaria está na Bíblia com pessoas da alta sociedade. Tratava-se da monarquia do povo escolhido por Deus. O rei Saul odiava mortalmente seu genro Davi.

O Salmo em apreço, segundo o Comentário Bíblico Adventista, refere-se a “um clamor pelo livramento de um grande perigo, e termina com uma repentina e dramática mudança para o engrandecimento por este livramento, que o salmista está certo de que virá”; em seguida, apresenta duas partes principais do Salmo:

• Rogo pelo livramento (vs. 1-10);
• Pedido de punição aos inimigos (vs. 11-17).

As paranoias de Saul o levaram a ver seu amigo e genro como inimigo. O que fazer quando até o rei e/ou parentes, líderes do povo de Deus, conspiram contra aqueles que servem sincera e verdadeiramente a Deus?

“O salmo concentra-se no Senhor, o Libertador (vv. 1-9) e Juiz (vv. 10-17). Observe a ‘declaração de fé’ que Davi repete nos versículos 9 e 17. Davi esperou e observou, enquanto Deus operava, e, então, cantou louvores ao Senhor por suas misericórdias”, destaca Warren W. Wiersbe.

Agora, imagina alguém injustiçado, que foi mal interpretado, sofrendo injustiças e maus tratos por ser julgado culpado de qualquer coisa. Mentalize essa pessoa em angústia, torturada, chorando, desesperada; contudo, sem forças, ainda consegue orar ao Senhor.

Ao passar várias horas refletindo no caráter de Deus, na intervenção dEle em assuntos aqui do mundo e em Sua bondade de atender as súplicas dos que O buscam, imagina essa pessoa levantando-se, encontrando vigor no fervor, forças na fraqueza e esperança em meio ao desespero… Que benção!

• A oração pode não mudar a situação, mas muda a condição do coração, ergue aqueles que estão no chão e põe um cântico no coração aflito.

Depois de imaginar e refletir, pense em como seria tua vida se fosse totalmente consagrada à comunhão com Deus pela oração… Reavivemo-nos! – Heber Toth Armi.


Deixe um comentário so far
Deixe um comentário



Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: