Reavivados por Sua Palavra


SALMO 53 by jquimelli
23 de dezembro de 2016, 1:00
Filed under: Sem categoria

Comentário devocional:

“Diz o tolo em seu coração: ‘Deus não existe!’ ” Isto não quer dizer que o tolo realmente nega a existência de Deus – no mundo antigo praticamente ninguém era ateu, todos acreditavam na existência de seres sobrenaturais. Mas o tolo vive sem a referência de Deus. Para ele, Deus pode interferir na vida dos humanos, mas preferiria não fazer isso. Entretanto, quando as coisas vão mal, o tolo instintivamente se volta para um poder maior do que ele próprio.

Se nós conduzimos nossas vidas diárias como se Deus não existisse, nós somos os maiores tolos de todos. Isto também é verdade se mantemos Deus associado somente ao Sábado e prosseguimos nosso atrapalhado e egoísta modo de vida pelos próximos seis dias, com quase nenhum pensamento dirigido a Ele até o próximo Sábado.

Os tolos que dizem que Deus não existe “corromperam-se e cometeram injustiças detestáveis; não há ninguém que faça o bem” (v. 1b, NVI). Remova Deus do cenário e não mais haverá ponto de referência moral. Todo mundo faz o que é correto aos seus próprios olhos. Os ateus acreditam que a moralidade está inteiramente relacionada com a cultura social ou à consciência do indivíduo, mas ambos os conceitos têm se mostrado não confiáveis e incapazes de levar à moralidade.

Num mundo governado pelo conceito evolutivo da lei do mais forte [original: tooth and claw – dentes e garras], a regra é “cada um por si”, independente do meio utilizado. A auto-preservação é a lei básica desse conceito em que Deus é excluído. Auto- promoção é o seu maior objetivo; porém no final temos a auto-destruição. No entanto, eles utilizam qualquer argumento que desvincule o universo de seu Criador.

Mas Deus não se separa de Sua criação: “Deus olha lá dos céus […] para ver se há alguém que tenha entendimento, alguém que busque a Deus” (v. 2 NVI). Ele não está longe de nós; Ele se preocupa conosco e quer que saibamos que o melhor da vida gira em torno dEle . A arrogância intelectual de uma ciência que rejeita a noção de Deus nunca pode satisfazer a fome de verdade da alma ou restaurar a profunda fragilidade de nosso mundo. Mas onde quer que se busque e se encontre a Deus há uma sensação de paz e plenitude, de propósito e esperança.

Senhor, neste tempo de tanta descrença, eu Te busco. Restaura-me! Restaura o Teu povo!

Garth Bainbridge
Sydney, Austrália

 

Texto original: http://www.revivalandreformation.org/bhp/en/bible/psa/53
Tradução anterior: https://reavivadosporsuapalavra.org/2013/09/29/
Tradução: Jeferson Quimelli/Gisele Quimelli
Texto bíblico: Salmo 53 NVI
Comentário em áudio Pr Valdeci
Leitura da semana programa Crede em Seus Profetas: blog Conferência Geral e blog Crede em Seus Profetas



SALMO 53 – COMENTÁRIOS SELECIONADOS by jquimelli
23 de dezembro de 2016, 0:50
Filed under: Sem categoria

O salmo 53 é uma cópia quase exata do salmo 14. Davi escreveu o Salmo 14 como o temos agora, mas o salmo 53 foi adaptado deste para refletir uma nova situação. Ambos os Salmos se direcionam aos tolos malfeitores que dizem que Deus não existe, mas cada capítulo responde a um grupo diferente daqueles que negam a existência de Deus. Este Salmo diz que eles foram “tomados de pavor, quando não existe motivo algum para temer! Pois foi Deus quem espalhou os ossos dos que atacaram você” (v. 5, NVI). Podemos imaginar isto sendo escrito após Senaqueribe ter atacado Jerusalém, só para ter seu exército de 185 mil soldados destruído por um anjo de Deus, que deixou seus ossos espalhados do lado de fora das muralhas da cidade. Garth Bainbridge, em http://revivedbyhisword.org/en/bible/Psa/53/

O Salmo 53 apresenta um quadro vívido da impiedade generalizada num mundo decadente, destacando a certeza de que Deus salvará Seu povo. CBASD, vol. 3, p. 855.

Louco. A um louco não necessariamente falta inteligência; muitos ateus e descrentes são altamente educados. Loucos são pessoas que rejeitam a Deus, o único que pode salvá-los. Life Application Study Bible Kingsway.

3, 4 Davi não tinha medo de se achegar a Deus e expressar seus verdadeiros sentimentos e necessidades. deste modo, seu espírito era elevado ele louvava a Deus, seu auxiliador, protetor e amigo. Life Application Study Bible Kingsway.

Extraviaram. O Salmo 14:3 diz a mesma coisa. O sentido é de um distanciamento de Deus. CBASD, vol. 3, p. 855.

Tu os envergonhas. Provou-se a ilegitimidade da exclamação “não há Deus” com a derrota dos zombadores por um ato divino, não pela força superior de Israel. CBASD, vol. 3, p. 855.

 



SALMO 53 – Comentário Pr. Heber Toth Armí by jquimelli
23 de dezembro de 2016, 0:45
Filed under: Sem categoria

SALMO 53 – Vamos repensar nossas atitudes antes que comece um novo ano; pois, atitudes velhas geralmente nos prejudicam e prejudicam aos outros, roubando a paz do ambiente em que vivemos.

O Salmo em tela tem muitas verdades que confrontam nosso conformismo familiar, social e até eclesiástico. Observe cada uma de suas linhas com atenção e oração; depois, parta para as mudanças necessárias para que tua vida seja cada vez melhor:

· Os insensíveis a Deus e ao trabalho do Espírito Santo, que confiam em seu orgulho e arrogância, criam suas próprias práticas, tentam fazer o bem trilhando pelo caminho do mal, inventam e creem em suas próprias teorias estranhas, desprezam Deus e Seus puros e sábios ensinamentos (v. 1).

· O interesse de Deus por algum tipo de interesse humano pelas coisas espirituais é retratado num olhar atento do Céu para a Terra; porém, a constatação divina é que “todos se extraviaram e juntamente se corromperam; não há quem faça o bem, não há nem sequer um” (vs. 2-3).

· Os que não invocam a Deus são impostores; devoram o povo de Deus com suas críticas mordazes, opressão e perseguição humilhante; são obreiros da iniquidade, escravos do pecado, agentes do diabo; andam estressados e sem tempo para orar, pois acham que há coisas mais importantes que buscar a Deus (v. 4).

· Quem não tem tempo para Deus vive perdendo tempo. Vem ano e passam anos, mas as coisas ficam no mesmo caos simplesmente porque não há interesse pelo Deus que livra, liberta, protege, acolhe em dias críticos… (v. 5).

· Aqueles que confiantemente esperam em Deus vivem motivados, mesmo quando a situação está deplorável. Com olhos da fé enxergam no futuro o que ninguém mais vê: Um tempo em que Deus irá restaurar todo o planeta e o mal será eliminado para sempre trazendo alegria indescritível ao coração dos salvos (v. 6).

O tempo do fim se aproxima, o interesse pelas coisas de Deus despenca velozmente. Por conseguinte, uma noite de pesadelos e densas trevas espirituais assombrará a justos e ímpios. O resultado, é que os justos atravessarão vitoriosos estes desafios, mas os ímpios apavorados não os suportarão (ver Apocalipse 6:12-7:1-3).

Não podemos vencer fazendo de conta que Deus não vê, ou que Ele não existe. Ele vê! – Heber Toth Armí.



SALMO 53 – #RPSP – COMENTÁRIO ROSANA BARROS by Ivan Barros
23 de dezembro de 2016, 0:30
Filed under: Sem categoria

“Todos se extraviaram e juntamente se corromperam; não há quem faça o bem, não há nem sequer um” (v. 3).

Se fôssemos pontuar este texto, creio que iríamos concordar com: desesperança, perdição, corrupção, fim. Quando o salmista disse que “já não há quem faça o bem” (v. 1), ele não se referiu à sua época apenas, mas à situação da humanidade desde a queda até o final dos tempos. Mas de lá para cá não existiram pessoas boas? O próprio Davi não foi chamado de o homem segundo o coração de Deus? Então, como a Bíblia diz que não há quem faça o bem?

Quando compreendemos qual é a essência do nosso coração, começamos a ter uma ideia do porquê Davi escreveu este Salmo. “Enganoso é o coração, mais do que todas as coisas, e desesperadamente corrupto; quem o conhecerá?” (Jeremias 17:9). Percebem o que é o meu e o seu coração? “Enganoso”, “Desesperadamente corrupto”! Agora volva os olhos novamente ao verso três do Salmo de hoje: “TODOS se extraviaram e juntamente se CORROMPERAM“. O pecado produziu em nós algo que não conseguimos ter controle. E temos visto exemplo após exemplo de pessoas que têm sido guiadas por suas próprias paixões e que têm nos mostrado os resultados trágicos de tal escolha. Então, de uma coisa podemos ter certeza: este caminho destrói.

Contudo, Deus já tinha um plano traçado antes da fundação do mundo (Vide Apocalipse 13:8). E foi o seguinte:

Enquanto o insensato dizia em seu coração: “Não há Deus” (v. 1); Ele veio ao mundo, trazendo ao céu deste planeta escuro uma nova estrela, que indicava o Seu nascimento, “O livramento de Israel” (v. 6). Os “obreiros da iniquidade” (v. 4) tentaram devorá-Lo “como quem come pão” (v. 4), mas não conseguiram. Ainda que não invocassem a Deus, a Majestade dos Céus tornou-se um de nós, e revelou ao mundo a essência do caráter divino. Eles não reconheceram a Sua restauração, não se alegraram com a Sua presença (v. 6) e não O receberam (Vide João 1:11). Porém, bem diante deles estava a sua única oportunidade de salvação. Quando dos Céus bradou Deus: “Este é o Meu Filho amado, em Quem Me comprazo” (Mateus 3:17), foi a primeira vez que Ele olhou para a Terra e pôde verdadeiramente dizer:

Há quem entenda, há quem Me busque!

Então, em cada passo, em cada olhar, em cada gesto, em cada sorriso, em cada gota de suor, em cada lágrima, em cada toque, em cada oração, em cada palavra, Jesus nos deixou o legado da vida eterna.

Foi pensando em sua própria condição pecaminosa e corrupta que o apóstolo Paulo exclamou: “Desventurado homem que sou! Quem me livrará do corpo desta morte?” (Romanos 7:24). Se Paulo não temesse a Deus, este grande pavor seria transformado em vergonha e rejeição (v. 5), mas ele sabia em Quem ele cria (Vide II Timóteo 1:12) e isto revelou quando confessou: “Agora, pois, já nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus” (Romanos 8:1).

Há uma frase que resume bem o Salmo de hoje: “Quando olho para mim não vejo como me salvar. Quando olho para Cristo não vejo como me perder“. O segredo está em visualizar Cristo, viver Cristo. Se Cristo vive em nós, “do Céu, olha Deus para os filhos dos homens, para ver se há quem entenda, se há quem busque a Deus” (v. 2); e sabem o que Deus vê? Ele não vê mais os nossos pecados. Ele vê o manto da justiça de Cristo, alva mais que a neve a nos cobrir (Vide Isaías 1:18).

Os que não temem a Deus serão tomados de grande pavor nestes últimos dias, por isso que a primeira voz angélica diz: “Temei a Deus” (Apocalipse 14:7), e continua dizendo: “… e dai-Lhe glória”, ou seja, que a nossa vida seja vivida para a glória de Deus (Vide Mateus 5:16); que Cristo viva em nós!

SOMENTE assim não receberemos a condenação, mas salvos seremos pela Redenção.

Bom dia, salvos por Cristo!

Desafio do dia: Providencie um caderninho de culto e use-o todas as manhãs, escrevendo ali qual foi a sua leitura do dia, o hino que cantou e termine escrevendo uma oração curta. Você pode iniciar no primeiro dia do ano. Pode acreditar, é um ato simples mas que faz toda a diferença.

*Leiam #Salmo53

Rosana Garcia Barros




%d blogueiros gostam disto: