Reavivados por Sua Palavra


JÓ 17 by jefersonquimelli
8 de janeiro de 2020, 1:00
Filed under: Sem categoria

Texto bíblico: https://pesquisa.biblia.com.br/pt-BR/NVI/job/17

Meu espírito está quebrado e meus olhos estão escuros de tristeza. Todos os planos e sonhos do meu coração foram destruídos. Eu me tornei um objeto de ridículo para os outros. Quem pode ver alguma esperança para mim?

O lamento de Jó é o lamento de pesar de todos aqueles que foram roubados de sua saúde, de entes queridos, de uma carreira, das mais queridas esperanças de um coração humano. Ele canta a música que todo coração enlutado geme.

Quando as posses e realizações da vida são varridas, quando o que faz você ser “você” desaparece, quando você não passa de uma fonte de fofoca e desprezo para os outros, o que oferece a esperança para continuar respirando? Continuar tentando? Nunca desistir?

A esperança não é invocada através da força de vontade. A esperança existe acreditando que há algo além do sofrimento. Sempre olha além das perdas. A esperança se alimenta reivindicando as promessas de Deus, que nunca te abandona, embora as montanhas sejam abaladas e as colinas removidas. A esperança é encontrada ao chorar na presença compassiva de um Salvador que recolhe suas lágrimas em Sua garrafa de lembrança.

O sofrimento pode durar por um momento, mas a alegria durará pela eternidade. Isso é esperança!

Lori Engel
Capelã (atualmente com deficiências)
Eugene, Oregon EUA

Texto mundial: https://www.revivalandreformation.org/?id=699
Equipe de tradução: Pr. Jobson Santos, Jeferson e Gisele Quimelli



10 DIAS DE ORAÇÃO – EDIÇÃO MUNDIAL – DIA 10 – PERMANECENDO NO ESPÍRITO SANTO by jefersonquimelli
8 de janeiro de 2020, 0:57
Filed under: Sem categoria

DIA 10 — PERMANECENDO NO ESPÍRITO SANTO

TEMA GERAL: BUSCANDO O ESPÍRITO DE DEUS

“E eu rogarei ao Pai, e ele vos dará outro Consolador, para que fique convosco para sempre; … Não vos deixarei órfãos; voltarei para vós. … Jesus respondeu, e disse-lhe: Se alguém me ama, guardará a minha palavra, e meu Pai o amará, e viremos para ele, e faremos nele morada. (João 14:16, 18, 23, ACF)

Testemunho

“Ao se levantarem pela manhã, acaso experimentam o senso de sua impotência, sua necessidade de forças vindas de Deus? Humilde e sinceramente expõem vocês suas necessidades ao Pai celeste? Se assim for, os anjos anotam-lhes as orações, e se elas não partirem de lábios fingidos, quando estiverem em risco de errar inconscientemente, de exercer uma influência que leve outros a errar, seu anjo da guarda estará ao seu lado, impulsionando-os a seguir melhor direção, escolhendo as palavras para proferirem e influenciando-lhes as ações.” (Ellen White, Mensagens aos Jovens, p. 90).

Um sábado, eu estava em pé na pia da cozinha, no salão social na igreja, lavando a louça depois do nosso almoço junta-panelas. Uma jovem estudante da Rússia, que fazia intercâmbio, estava lavando a louça. Eu sabia que ela não era cristã, então orei silenciosamente sobre como aproveitar aquele momento lavando a louça juntos. “Eu tenho uma pergunta para você, se você não se importar”, eu disse. “Claro, é sobre o que?” Ela respondeu. “Por que tantas pessoas na Rússia não são cristãs?”, Perguntei. “Você também pode me perguntar por que eu não sou cristã”, disse ela com um sorriso. “Tudo bem”, eu disse de maneira também cordial, “por que você não é cristã?” “Eu simplesmente não tenho nenhuma evidência da existência de Deus”, disse ela com naturalidade. Então ela perguntou: “Por que você é cristão?” “Porque eu tenho muitas evidências!”, Respondi. Ela riu e disse: “OK, então qual é a sua evidência?” Eu então contei a ela meu testemunho do que Deus havia feito por mim.

“Eu tenho um experimento a lhe sugerir, se você estiver disposta a tentar”, eu disse. “Acredito que se você fizer esse experimento, encontrará evidências a favor da existência de Deus. Gostaria que você passasse algum tempo durante os próximos 30 dias lendo o livro de João. Se você terminar antes dos 30 dias, comece novamente. Também gostaria que você orasse a Deus quando ninguém estiver vendo. Converse com Ele sobre coisas que apenas você conhece e peça a Ele algo que apenas você sabe que está perguntando e depois veja o que acontece. – Tudo bem – ela disse – isso parece bastante fácil. Será um experimento interessante.”

Como estudante de intercâmbio, ela era obrigada a ir aonde quer que sua família anfitriã fosse, para que ela pudesse ter um gostinho da cultura. Portanto, toda semana ela vinha à igreja porque era isso que sua família anfitriã fazia. Duas semanas depois dela ter começado o experimento, fui até ela na igreja e perguntei: “Então, como está indo o experimento?” Ela ficou séria, mas falou com satisfação: “Eu não entendo o que está acontecendo. Ainda tenho duas semanas pela frente, mas já não tenho mais certeza se posso dizer que Deus não existe. – “Bom para você “- respondi. “Continue. Tenho certeza de que você encontrará mais evidências a favor da existência de Deus se mantiver a mente aberta. Ela sorriu e me agradeceu ao sair naquele dia. Ela foi para casa na Rússia antes dos 30 dias terminarem, mas eu sei que ela e Deus estavam construindo uma amizade!

Como permanecemos na presença do Pai, Filho e Espírito Santo?

  1. Inicialmente, quando dedicamos tempo estudando a Bíblia com o coração e a mente abertos. Jesus é a Palavra (João 1:14; 14: 6-9), e quando o contemplamos, contemplamos o Pai. Além disso, foi o Espírito Santo que inspirou a Palavra de Deus (2 Pedro 1:21). Assim, quando lemos a Bíblia e cremos em seus ensinamentos e promessas, somos transformados à imagem de Jesus (2 Coríntios 3:18).
  2. Em seguida, quando oramos a Deus, abrindo nossos corações a Ele como a um Amigo, o Espírito Santo se aproxima, nossos corações se abrandam e nosso espírito torna-se preparado para os desafios futuros. Ao orarmos, o poder de Satanás sobre nós é quebrado e somos capazes de superar suas tentações com a força de Deus.
  3. Por fim, quando obedecemos a Bíblia e a compartilhamos com outras pessoas, somos atraídos para mais perto do coração de Deus, e nosso ser interior fica em paz (Mateus 11: 28-30).

Textos bíblicos para orar

  • 2 Pedro 1: 21 – O Espírito Santo inspirou a Bíblia. Conforme a lemos e aceitamos seus ensinos, permanecemos em Tua presença e na presença de Jesus e do Pai (João 14:23).
  • Lucas 11:11-13 – Aumentamos o poder do Espírito Santo dentro e ao redor de nós enquanto oramos e pedimos a Deus por Sua presença.
  • Atos 2:1-4 – O Espírito Santo quer que compartilhemos o que Deus nos ensinou e como Ele nos abençoou. Ele quer que todas as pessoas em todos os lugares sejam salvas.
  • 1 Timóteo 2:1-4 – Quando oramos, o Espírito Santo abençoa o mundo ao nosso redor e leva as pessoas à salvação.
  • Atos 5:31, 32 – Ao obedecermos ao que Deus nos mandou fazer, aumentamos a presença e a bênção do Espírito Santo em nossas vidas.
  • Romanos 8:26 – O Espírito Santo quer ajudar-nos a nos tornarmos pessoas de oração. Muitas bênçãos certamente se seguirão (2 Crônicas 7:14).

Orações sugeridas

  • Querido Pai Celestial, cria em mim fome por Tua palavra, de tal maneira que eu sinta prazer em passar tempo contigo. Ao ler a Bíblia, conceda-me uma compreensão clara do Teu caráter e da Tua vontade para a minha vida.
  • Jesus, por favor envia o Espírito Santo à minha vida e me torna uma pessoa de oração. Transforma-me em um intercessor poderoso, para que muitos sejam salvos e libertos das cadeias das trevas de Satanás.
  • Que minha mente e meu coração estejam sempre em sintonia com a Tua vontade. Faze-me andar em perfeita obediência aos teus mandamentos e ao restante da tua palavra.
  • “Toma-me, ó Senhor, para ser Teu inteiramente. Deponho todos os meus planos a Teus pés. Usa-me hoje para o Teu serviço. Fica comigo, e que tudo o que eu fizer seja operado por Ti.” (Ellen White, Caminho a Cristo, (nova edição), p. 45).
  • Senhor, elevamos nossos líderes da igreja ao redor do mundo. Por favor, conceda-lhes sabedoria, pois tomam decisões importantes e lideram o Teu povo.
  • Oramos por nossos filhos. Por favor, capacita-os a permanecerem firmes por Ti quando encontrarem obstáculos e pressões. Ajude-os a fazerem escolhas sábias e defenderem a verdade (Isaías 44: 3, 4).
  • Oramos por famílias cujo mundo está cheio de caos, tristeza e confusão.
  • Senhor, que um poderoso reavivamento da piedade primitiva varra tua igreja nos últimos dias. Que possamos defender a verdade, ainda que caiam os céus.
  • Oramos pelos sete nomes de nossas listas. Mostre a cada pessoa o quanto Jesus a ama.
  • Pedidos de Oração Locais:

 

Músicas sugeridas

Dia a dia (Hino 359); Cada Momento (Hino 370); Bem Junto a Cristo (Hino 392); Desponta o Sol (Hino 24);

 

Em inglês:

Everyday; Jesus, Be My Everything; I Would Draw Nearer to Jesus (Hymn #310); Father, I Stretch My Hands to Thee (Hymn #486); Here I Am to Worship; Your Name; Better is One Day; Friend of God; Draw Me Close; I Love You, Lord.

 

Fonte: https://www.tendaysofprayer.org/

Também em: https://reavivadosporsuapalavra.org/dia10/



JÓ 17 – COMENTÁRIO PR. ADOLFO SUÁREZ by Maria Eduarda
8 de janeiro de 2020, 0:55
Filed under: Sem categoria



JÓ 17 – COMENTÁRIO PR HEBER TOTH ARMÍ by jefersonquimelli
8 de janeiro de 2020, 0:45
Filed under: Sem categoria

JÓ 17 – Temos dificuldades em reconciliar o conhecimento do amor de Deus com o sofrimento de Seus filhos aqui neste mundo. Também quando o assunto é sofrimento parece que temos dificuldades em compreender o poder de Deus. Isso porque cremos que se Deus ama, Seus filhos não deveriam sofrer; se Deus é poderoso, deveria livrar-nos do sofrimento.

O livro de Jó quebra nossos conceitos pré-formados sobre Deus. Ao estudar os diálogos de Jó com seus amigos considerando toda informação do contexto do livro, nossa interpretação sobre Deus alcança níveis nunca antes alcançados.

Antes de avançar, reflita no que escreveu Hernandes Dias Lopes:
“É bem verdade que ninguém compreendeu a saga de Jó. Satanás estava errado porque pensou que um homem não poderia amar a Deus mais do que o dinheiro, à família e à própria vida. A mulher de Jó estava errada porque pensou que Deus não pode ser adorado no sofrimento. Os amigos de Jó estavam errados porque pensaram que Jó estava sofrendo por algum pecado cometido. Jó estava errado porque pensou que Deus que Deus o afligira sem causa”.

Nossas interpretações serão sempre equivocadas sem a interpretação que Deus dá para toda e qualquer situação.
• O destino traçado pelo sofrimento só apresenta a sepultura como “esperança” (v. 1). Entretanto, aquele que tem comunhão com Deus será levado a procurar esperança além da sepultura, solução para o desespero e esperança além da morte (vs. 13-16).
• O sofredor acusado injustamente anseia por um auxiliador (vs. 2-3) e avança ciente da sua justiça, preservando seus princípios na caminhada da vida (v. 9).
• Emoções negativas cegam o sofredor diante da dor; por isso, suas interpretações sobre si mesmo, sobre seu mundo e sobre Deus são confusas (vs. 4-8); porém, com oração é possível distinguir a falsa sabedoria da verdadeira sabedoria, mesmo quando se anela entender muito mais (vs. 10-12).

Jó é exemplo de pessoas transparentes na oração. Em sua época, a revelação da Bíblia estava no alvorecer, ele ansiava pela esperança que nós temos. Apesar do desespero em que se encontrava, a sepultura foi seu estímulo para procurar esperança!

Substitua poesias de morte por profecias de vida: Valorize a esperança depositada por Jesus em nosso coração!

Não temos muito que esperar deste mundo, esperemos em Deus! Reavivemo-nos! – Heber Toth Armí.



JÓ 17 – Comentado por Rosana Barros by Ivan Barros
8 de janeiro de 2020, 0:30
Filed under: Sem categoria

“Contudo, o justo segue o seu caminho, e o puro de mãos cresce mais e mais em força” (v.9).

Quando eu tinha onze anos de idade, uma “valentona” da escola resolveu me fazer de alvo, e um dia, na frente de muitos amigos, ela me deu um tapa no rosto. Ainda me lembro como hoje. Senti minha face queimar de vergonha. Simplesmente não reagi. Fiquei ali parada, enquanto notei que ela também ficou sem ação, provavelmente por esperar que eu revidasse; o que não aconteceu. Então, ela apontou o dedo para mim, falou mais algumas palavras rudes e eu fui para casa com uma tremenda vontade de chorar. Muitos podem até dizer que eu fui boba. Outros, que eu fui prudente. Mas naquele momento eu nem parei para pensar e nem tive tempo para analisar o que estava acontecendo, porque eu simplesmente fui surpreendida.

Jó não esperava e nunca imaginou estar passando por todo aquele sofrimento. Tudo caiu como uma enxurrada em sua vida de um dia para o outro. Não houve tempo de se preparar e de ponderar sobre o que fazer ou como reagir. E isto nos ensina algo de precioso valor. Se andamos com Deus hoje, ainda que o amanhã nos reserve surpresas desagradáveis, ainda que estejamos cercados de zombadores, ainda que tenhamos que conviver com provocações e injustiças, “Contudo, o justo segue o seu caminho, e o puro de mãos cresce mais e mais em força” (v.9).

A vitória que Deus reserva para os Seus filhos está muito além das conquistas passageiras deste mundo. Por mais que Jó não nutrisse qualquer esperança quanto à sua vida terrena, ele tinha a plena certeza de que não estava só. Ele contemplava a própria condição e percebia que a cada nova chaga, a cada dor, por sua própria condição humana não seria capaz de suportar tudo aquilo não fosse a força concedida do alto. E a luz que parecia estar se apagando, Deus transformaria no farol para as futuras gerações.

Portanto, amados, não desanimemos! Olhemos para Jesus, que, mesmo sendo inocente, foi contado “como aquele em cujo rosto se cospe” (v.6): “Então, uns cuspiram-Lhe no rosto e Lhe davam murros, e outros O esbofeteavam” (Mt.26:67). Cristo suportou, sem culpa alguma, a vergonha e a dor passageira para nos conceder a vitória eterna. Vamos responder a pergunta de Jó? “Onde está, pois a minha esperança?” (v.15): A nossa esperança está em Jesus Cristo, nosso Senhor e nosso Salvador! “E o Deus da esperança vos encha de todo o gozo e paz no vosso crer, para que sejais ricos de esperança no poder do Espírito Santo” (Rm.15:13). É a minha oração por você neste dia. Vigiemos e oremos!

Bom dia, salvos pelo amor de Cristo!

• Deixe nos comentários o seu pedido de oração. #EuOroPorVocê

Rosana Garcia Barros

#PrimeiroDeus #Jó17 #RPSP

Comentário em áudio: youtube.com/user/nanayuri100



JÓ 17 – COMENTÁRIO PR. RONALDO DE OLIVEIRA by Maria Eduarda
8 de janeiro de 2020, 0:10
Filed under: Sem categoria



JÓ 17 – COMENTÁRIOS SELECIONADOS by jefersonquimelli
8 de janeiro de 2020, 0:05
Filed under: Sem categoria

310 palavras

3 Só o próprio Deus tem condições de providenciar os meios que satisfazem as exigências da Sua justiça, e isto o faz por meio de Jesus Cristo. Bíblia Shedd.

em cujo rosto se cospe. A humilhação de Jó é comparável à de Jesus (30:10; Mc 14:65; 15:19). Andrews Study Bible.

10 tornai-vos. (ARA; NVI: “Venham, porém, vocês todos e façam nova tentativa”. ). Jó desafia seus amigos a repetir os argumentos, para ver se há alho proveitoso neles.                                              Bíblia Shedd.

Os três amigos de Jó tinha a reputação de serem sábios, mas Jó não pôde achar sabedoria em nenhum deles. Deus trouxe à tona de volta a reclamação de Jó em 42:7, quando condenou esses homens por representá-Lo mal. Obviamente esses três homens tinham uma falsa visão da sabedoria. Eles supunham que porque eles eram prósperos e bem sucedidos, Deus os favoreceu no modo em que viviam e pensavam. Jó, entretanto, disse aos seus amigos que eles estavam partindo de uma ideia errada porque sucesso e prosperidade terrenos não são provas de fé em Deus. Por outro lado, problema e aflição não provam falta de fé. O homem verdadeiramente sábio sabe que a sabedoria vem somente de Deus, não do sucesso ou falhas do homem. E o verdadeiro sábio nunca se esquece de Deus. A sabedoria de Deus se provou superior à de Jó e à de seus amigos. Life Application Study Bible Kingsway.

15 Jó estava perdendo a fé de um futura restauração de riqueza e família e se envolvendo em pensamentos de morte , buscando alívio dos sentimentos de tristeza e dor. As recompensas que os amigos de Jó descreviam era todas relacionadas com esta vida presente. eles se calavam a respeito da vida após a morte. Não devemos avaliar a vida somente em termos deste mundo presente porque Deus promete um futuro maravilhoso, eterno, a todos que forem fiéis a Ele. Life Application Study Bible Kingsway.




%d blogueiros gostam disto: