Reavivados por Sua Palavra


OSEIAS 9 – COMENTÁRIOS SELECIONADOS by jquimelli
28 de novembro de 2017, 0:20
Filed under: Sem categoria

Não te alegres. A primeira metade deste capítulo, v. 1 a 9, apresenta uma advertência contra qualquer sentimento de falsa segurança decorrente de um período de prosperidade temporária. Sob Jeroboão II, Israel foi forte. … a terra teve paz sob Menaém. Até Tiglate-Pileser invadir Israel, de certo modo, foi forte. CBASD – Comentário Bíblico Adventista do Sétimo Dia, vol. 4, p. 1006.

As bênçãos da colheita foram consideradas as recompensas por sua idolatria (ver Jr 44:17, 18). Não admira que Oseias se refira a essas bênçãos como o aluguel da prostituta, não como evidências da graça do Senhor! CBASD, vol. 4, p. 1006.

Não os manterão. Embora Israel exultasse sobre as bênçãos da colheita, as pessoas seriam incapazes de apreciar a produção abundante de seus campos, porque seriam levadas em cativeiro para a Assíria, como aparentemente está implícito no v. 3. CBASD, vol. 4, p. 1006, 1007.

Pão de pranteadores. Este alimento era consumido nos funerais por aqueles que pranteavam os mortos. Qualquer alimento como esse era legalmente impuro, porque um cadáver cerimonialmente contaminava durante sete dias o local onde ficava e tudo e todos os que ali entravam. CBASD, vol. 4, p. 1007.

Eles se foram. O profeta descreve o exílio de Israel na terra do cativeiro como um evento que já havia ocorrido. CBASD, vol. 4, p. 1007.

9 – 17 Oséias era o vigia de Israel, mas era odiado pelos sacerdotes dos adoradores do bezerro de ouro, e armadilhas foram colocadas em seu caminho (9:8). O povo do Israel do norte era tão abominável e corrompido quanto o povo de Gibeá que havia abusado da concubina do levita (9:9; Jz 19). A condição espiritual de Israel durante a sua estada no deserto, no Êxodo, era como uvas inesperadas ou os primeiros figos. No entanto, ao final de seus 40 anos no deserto eles começaram a adorar Baal-Peor (9:10). Deus teria que ensinar o povo de Israel que Ele era o verdadeiro Sustentador, não Baal. Assim, Deus impediu o aumento de nascimentos de pessoas e de gado. Só então eles iriam perceber que as bênçãos não perduram quando o Sustentador e Guardião se afasta (9:11b-12). O profeta Oséias sabia que a destruição de Samaria e o cativeiro de Israel do norte eram inevitáveis. Por não ouvirem ao Senhor, se tornariam peregrinos entre as nações (9:17). Yoshitaka Kobayashi,  em: https://reavivadosporsuapalavra.org/2014/09/04/


Deixe um comentário so far
Deixe um comentário



Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: