Reavivados por Sua Palavra


OSEIAS 4 – COMENTÁRIO PR HEBER TOTH ARMÍ by Maria Eduarda
23 de novembro de 2017, 0:45
Filed under: Sem categoria

Quando entendemos mais de novelas do que do evangelho, quando sabemos mais de jogos eletrônicos do que da Bíblia, quando estamos mais informados do mundo dos esportes (ou dos artistas) que do reino de Deus ou mais preocupamos com a bateria do celular do que exercitar a fé… ou seja, quando as coisas espirituais não recebem prioridades…

Isso significa tirar Deus do trono do nosso coração e colocar coisas insignificantes no lugar; a partir daí nossa existência torna-se sem sentido e, a religião torna-se vazia de propósitos.

• Colocar qualquer coisa no lugar de Deus é prostituição ou adultério espiritual.
• Infidelidade espiritual é mais trágica e pior que infidelidade conjugal.
• Há mais de 20 referências à prostituta ou prostituição nos 14 capítulos do profeta Oseias (1:2; 2:2, 4; 3:3; 4:10-15, 18; 5:3-4; 6:10; 9:1), além de outras palavras associadas elas (2:2; 3:1; 4:2, 13-14; 7:4).
• É certo que o infiel e o imoral não vão entrar no Céu (Apocalipse 18:1-24; 21:8, 27).

Leia mais sobre a prostituição espiritual do povo de Deus (Ezequiel 16:8-26) e depois observe atentamente o esboço do capítulo em análise:

• A falta de espiritualidade genuína promove uma existência de pecaminosidade intensa (vs. 1-3);
• A ignorância da Palavra de Deus é notável na falta de discernimento até mesmo do líder religioso, por isso aumenta a sensualidade, a imoralidade, a perversidade e a desvalorização da espiritualidade bíblica entre o povo em geral (vs. 4-11).
• A insensatez espiritual gera corrupção religiosa, ilude o coração e atrai o julgamento divino (vs. 12-14).
• A rebeldia e a infidelidade espiritual exige uma reação radical e sobrenatural da parte de um Deus moral que anseia salvar pecadores condenados pelos seus maus atos (vs. 15-19).

Onde não há verdadeiro conhecimento de Deus não há verdadeiro amor nem fidelidade genuína. Os pecados se proliferam abundantemente. Sensualidade e bebedeiras, idolatria e prostituição ocupam o lugar do verdadeiro culto a Deus.

Onde os líderes religiosos são indiferentes às revelações divinas o povo descamba para prazeres baixos, a superstição ganha força, e surgem as aberrações religiosas.

Onde a apostasia encontra a porta aberta, com ela entra junto a arrogância, a rebeldia, a sensualidade e a idolatria; somente uma disciplina divina poderá colocar uma igreja assim em harmonia com os princípios de vida revelados na Bíblia.

Reavivemo-nos! – Heber Toth Armí.


Deixe um comentário so far
Deixe um comentário



Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: