Reavivados por Sua Palavra


EZEQUIEL 31 – COMENTÁRIO PR HEBER TOTH ARMÍ by jquimelli
21 de outubro de 2017, 0:30
Filed under: Sem categoria

EZEQUIEL 31 – Quem não quer a desgraça resultante do pecado na sua vida, família e sociedade deve aliar-se a Deus no combate do vírus destruidor chamado pecado. Quanto pior o pecado, pior tende a ficar a situação! Mas todas as situações estão sob o controle de Deus e, antes do caos tomar conta, Deus o interrompe ousadamente. Assim aconteceu com o Egito.
Esta terra tinha sido abrigo e segurança para muita gente em perigo. Por exemplo:
• Assim que Abraão chegou à terra prometida, deparou-se com a fome e busca auxílio no Egito (Gênesis 12:10-20).
• Mais tarde, em outro período de fome, Jacó, neto de Abraão, também foi conduzido ao Egito (Gênesis 46).
• Por fim, os que restaram na terra prometida, buscaram refúgio naquela terra próspera (Jeremias 43:1-7).
Embora o Egito fosse referência devido a sua potência econômica, política e militar e, o profeta Isaías não interpretou que isso significasse segurança; pelo contrário, profetizou:
“Ai dos que partem para o Egito achando que os cavalos poderão ajudá-los, impressionados com números, admirados de tantos carros e cavaleiros…” (Isaías 31:1).
De igual forma, o profeta Ezequiel nos ensina no capítulo de hoje que…
1. A Assíria, muito mais poderosa que o Egito, fora conquistada pela Babilônia; portanto, não era hora do Egito ficar se achando a mais poderosa árvore da floresta, pois logo ela estaria no chão. Deus detesta o orgulho (vs. 1-9).
Vangloriar-se da própria grandeza nos impede perceber a própria cegueira.
Note o antecedente bíblico: “O Egito foi fundado pelos descendentes de Cam, ou seja, a mesma família que construiu Babel e sua torre, Nínive, Sodoma e Gomorra. Um povo idólatra que não temia ao Senhor, cujo rei estava nas mãos de Satanás” (Valter Dobelin).
2. Deus demonstrou severidade com Samaria (Ezequiel 16), Amom, Moabe, Edom (Ezequiel 25) e Tiro, modelo de orgulho (Ezequiel 26-28). Chegara a hora do Egito ser repreendido, assim como fora a Assíria (vs. 10-18).
Orgulho é o entulho que entrava o arrependimento, impedindo assim a conversão ao verdadeiro Deus; Não há nada a fazer com o orgulhoso/arrogante – quando não revela Sua severidade contra tal atitude, Deus o deixa inchar e estourar.
Olhe ao redor… Como está a moralidade em nossa sociedade? O texto inspirado revela que Deus não está de braços cruzados. Quando a imoralidade se multiplica, Deus entra em cena para combatê-la! Desperte!! Prepare-se!!!
Fique alerta! – Heber Toth Armí.


Deixe um comentário so far
Deixe um comentário



Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: