Reavivados por Sua Palavra


JÓ 30 – Comentado por Rosana Barros by Ivan Barros
21 de janeiro de 2020, 0:30
Filed under: Sem categoria

“Clamo a Ti, e não me respondes; estou em pé, mas apenas olhas para mim” (v.20).

Quantas vezes não já nos sentimos como Jó. Quem sabe você esteja se sentindo assim neste momento. A miséria em que Jó havia caído o levou a um sentimento de abandono. Em sua ignorância acerca do conflito cósmico, chegou a dizer: “Deus… Tu foste cruel comigo” (v.19, 21). Além de tudo, por mais que em sua prosperidade ele tenha tratado as pessoas com misericórdia (v.25), em sua angústia foi tratado como um ser abominável (v.10). Clamava a Deus e a Sua resposta era o silêncio (v.20). Os dias de aflição que se apoderaram de Jó iam além do sofrimento físico; ele chorava com o coração. O seu canto converteu-se em lágrimas (v.31) e os seus discursos aprazíveis em gritos de socorro (v.28).

Sem dúvida, além de ter interferido na vida de Jó pessoalmente, Satanás ainda levantou seus agentes para atormentá-lo. Se ele não havia caído após ter perdido tudo, e nem mesmo quando perdeu a saúde, “então”, pensou o adversário, “pode ser que ele blasfeme contra Deus se eu colocar pessoas que o atormentem ainda mais”, “gente para quem já não há socorro” (v.13). Isto é, gente de coração obstinado. Assim como, antes, Jó era cercado por pessoas que o admiravam, em sua miséria, se viu rodeado por escarnecedores.

A história de Jó nos esclarece o fato de que há sim uma batalha espiritual cujo objetivo é a conquista do meu e do seu coração. Isso explica a causa de tantas tristezas e decepções pelas quais passamos ou havemos de passar. Enquanto, muitas vezes, questionamos o silêncio de Deus, ao mesmo tempo está acontecendo uma guerra que nossos olhos não podem enxergar, mas que o coração pode sentir (v.16). E o nosso destino eterno depende do desfecho desta peleja; da nossa decisão diária de que lado da batalha escolhemos estar.

Hoje, Satanás está irado com um povo em particular: “Irou-se o dragão contra a mulher e foi pelejar com os restantes da sua descendência, os que guardam os mandamentos de Deus e têm o testemunho de Jesus” (Ap.12:17). A identidade do povo remanescente de Deus é objeto da fúria do inimigo. Assim como a integridade de Jó causou indignação a Satanás, todo aquele que permanece sendo fiel a Deus, também torna-se alvo do ódio do adversário. Não se engane, a obediência aos mandamentos de Deus não salva, mas é o resultado na vida de todo aquele que já foi salvo pela fé em Cristo Jesus. A ira do inimigo contra Jó foi passageira, enquanto a recompensa de Jó será eterna. A cólera do inimigo contra os santos do Altíssimo também é provisória, pois ele bem sabe “que pouco tempo lhe resta” (Ap.12:12). “Resisti-lhe firmes na fé” (1Pe.5:9) e “ele fugirá de vós” (Tg.4:7). Lancemos sobre Cristo toda a nossa ansiedade e Ele, certamente, cuidará de nós, até o fim (1Pe.5:7)! Vigiemos e oremos!

Bom dia, remanescente do Senhor!

Desafio da semana: Em um pedaço de papel escreva ou digite o seguinte verso: “Entrega o teu caminho ao Senhor, confia nEle e o mais Ele fará” (Salmo 37:5) e, em oração, coloque embaixo da porta do teu vizinho.

Rosana Garcia Barros

#PrimeiroDeus #Jó30 #RPSP

Comentário em áudio: youtube.com/user/nanayuri100


Deixe um comentário so far
Deixe um comentário



Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.



%d blogueiros gostam disto: