Reavivados por Sua Palavra


2 REIS 2 – COMENTÁRIOS SELECIONADOS by jquimelli
23 de agosto de 2019, 0:05
Filed under: Sem categoria

686 palavras

os discípulos dos profetas. Nos dias de Elias e Eliseu, existiam várias “Escolas de Profetas”. Não se faz claro, exatamente, o que nelas se estudava, mas compreende-se que eram centros de treinamento espiritual […] Aqui Elias está fazendo sua visita de despedida a três escolas: Gilgal, Betel e Jericó. Bíblia Shedd.

que me toque por herança porção dobrada do teu espírito. “Faze de mim o principal herdeiro”, NVI. Não quer dizer que Eliseu queria ter duas vezes o poder de Elias, mas sim, estava querendo ser herdeiro da missão profética de Elias, e por isso, a porção dupla era a herança do primogênito, comparada com as dos demais filhos. Bíblia Shedd.

Eliseu não estava expressando o desejo de ter um ministério duas vezes maior que o do Elias. Usava, isso sim, uma linguagem tirada das leis da herança, para expressar seu desejo de continuar o ministério de Elias. A lei da herança atribuía uma porção dupla das posses do pai ao filho primogênito (v. Dt. 21.17). Bíblia de Estudo NVI Vida.

Ao falar de uma “porção dobrada” do espírito de Elias, Eliseu não estava pedindo o dobro do poder de Elias. Ele não estava pedindo mais do que havia sido dado ao idoso profeta, nem uma posição mais elevada ou mais habilidade. A expressão utilizada é a mesma de Deut. 21:17, que denota a porção da propriedade de um pai que devia ser dada ao filho mais velho. Assim, o pedido de Eliseu era apenas que ele fosse tratado como o filho mais velho do profeta que partia … era o reconhecimento de um direito espiritual, a fim de ser considerado filho espiritual, primogênito do idoso profeta, e que, assim, fosse habilitado a continuar o trabalho iniciado por Elias. CBASD – Comentário Bíblico Adventista do Sétimo Dia, vol. 2, p. 938.

O filho mais velho, em uma família israelita, herdava uma porção dobrada da propriedade dos pais (Dt. 21:17). Eliseu desejava ser o sucessor principal de Elias, que operaria milagres com o mesmo espírito. Bíblia de Estudo Andrews.

10 pedido difícil. Embora Elias tivesse recebido anteriormente instruções de ungir Eliseu como sucessor (1Rs 19.16, 19-21), a reação de Elias demonstrou claramente que a questão dependia exclusivamente do beneplácito soberano do Senhor. Bíblia Shedd.

18 Estes discípulos acreditavam em milagres, mas nunca em uma viagem diretamente aos céus. Bíblia Shedd.

20 tigela nova. O que seria usado no serviço do Senhor não poderia ser contaminado pelo uso profano (v. Lv 1.3,10; Nm 19.2; Dt 21.3; 1Sm 6.7). Bíblia de Estudo NVI Vida.

sal. Desde tempos antigos o sal tem sido valorizado por suas propriedades preservativas. Figurativamente, simboliza a lealdade do povo à aliança de Deus (Nm 18.19; Jz 9.45.  Andrews Study Bible.

Qualquer ideia de um efeito mágico do sal na purificação da água é excluída pela declaração explícita de que o próprio Senhor purificou a água. Bíblia Shedd.

23 sobe, calvo! [ARA; NVI: “Suma daqui!”]. Como Betel era o centro do culto praticado pelos reis do norte (1Rs 12.29; Am 7.13) e que Elias e Eliseu, sendo se sabia, frequentavam Samaria … os jovens de Betel devem ter tomado por certo que Eliseu estava subindo a Samaria a fim de continuar a luta de Elias contra a apostasia da família real. (Alguns acreditam que os jovens, na sua zombaria, estavam mandando Eliseu subir ao céu como Elias fizera). Bíblia de Estudo NVI Vida.

calvo! A calvície era incomum entre os judeus antigos, e os cabelos luxuriantes parecem ter sido considerados um sinal de força e vigor [cf histórias de Sansão e Absalão] … Ao chamarem Eliseu de “calvo”, o jovens de Betel expressavam o total desdém daquela cidade pelo representante do Senhor, o qual, segundo achavam, era destituído de poder. Bíblia de Estudo NVI Vida.

Uma maneira de zombar de uma pessoa. A aparência de Eliseu era diferente dos cabelos de Elias. Tendo em vista que cabelo significava força e vigor, os jovens provavelmente estavam zombando da falta de poder profético de Eliseu. Andrews Study Bible.

24 os amaldiçoou em nome do Senhor. Eliseu impetrou uma maldição semelhante à maldição segundo a aliança, em Lv 26.21, 22. O resultado serviu de aviso prévio do juízo que viria contar a nação inteira caso esta persistisse … na apostasia (ver 2Cr 36.15). Bíblia de Estudo NVI Vida.


Deixe um comentário so far
Deixe um comentário



Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.



%d blogueiros gostam disto: