Reavivados por Sua Palavra


Êxodo 14 – Comentado por Rosana Barros by Ivan Barros
15 de dezembro de 2018, 0:30
Filed under: Sem categoria

“Disse o Senhor a Moisés: Por que clamas a Mim? Dize aos filhos de Israel que marchem” (v.15).

Os filhos de Israel receberam a ordem de Deus de retroceder de sua marcha para acamparem-se “junto ao mar” (v.2). Aquela parada logo chegou aos ouvidos de Faraó, que tomando os filhos de Deus por “desorientados na terra” (v.3), reuniu toda a sua força bélica e partiu para o que pensara ser uma batalha ganha. A reação temerosa do povo ao avistar Faraó e seu exército é uma prova de que as manifestações sobrenaturais não são em si suficientes para sustentar a fé. Mesmo depois de terem sido testemunhas oculares dos grandes prodígios do Senhor, Israel precisava aprender a indispensável e diária lição da confiança em Deus. Lição esta que confirmaria a fé de uns e a descrença de outros.

Antes de Israel estar cercado por um exército covardemente armado e pelas águas do mar, estava cercado pelo medo. Creio que Moisés seria severamente agredido ou quem sabe morto, não fosse a imediata intervenção divina. O Senhor dos Exércitos se interpôs entre os egípcios e o Seu povo. Para os egípcios a nuvem de Deus “era escuridade”, mas para os filhos de Israel “esclarecia a noite” (v.20). Para os filhos da desobediência, Deus e Seus feitos não são dignos de consideração, mas para os filhos da obediência, Deus e Seus milagres lhes ilumina a vida. Andando “pelo meio do mar em seco” (v.22), Israel não tinha mais o mar como um obstáculo intransponível, mas como um muro de proteção “à sua direita e à sua esquerda” (v.29) e como o carrasco de seus inimigos.

Sem dúvida alguma, este foi o episódio que mais marcou o início da jornada de Israel. Deus já havia provado ser o Criador do céu, através das pragas da chuva de pedras e da escuridão, além de revelar-Se como o Criador da terra, transformando o pó da terra em piolhos. Chegada era a hora de revelar-Se como o Criador do mar, o que foi notoriamente visto pelos egípcios e reconhecido pelos israelitas. A verdadeira liberdade consiste na adoração Àquele que fez “os céus e a terra, o mar e tudo o que neles há” (Êx.20:11). Logo, o Senhor lembraria o Seu povo do selo de Sua criação (Êx.20:8). O sábado é o presente do Criador à criatura como memorial eterno da criação e da redenção.

Nos dias em que antecedem o triunfante retorno de Cristo, a realidade que nos cerca deixa cada vez mais claro de que “o mundo inteiro jaz no maligno” (1Jo.5:19). Para onde olhamos há inimigos e um mar de tribulações. E muitos, encurralados pelas circunstâncias, têm acreditado que atentar contra a própria vida é a única saída. Outros, buscam logo um culpado ou um alvo para descarregar as suas emoções. Alguns ainda, frustrados, julgam ser melhor voltar à escravidão do pecado do que colocar o pé na água. E no meio deste emaranhado de situações, o Espírito Santo não desiste de nos consolar: “Não temais; aquietai-vos e vede o livramento do Senhor que, hoje, vos fará” (v.13).

Que neste sábado do Senhor, você não olhe para os inimigos ou para a fúria do mar. Que os teus olhos se abram para ver “o Anjo de Deus” (v.19), que te protege por detrás e por diante. Que, pelos olhos da fé, você enxergue a gloriosa nuvem que ilumina o teu caminho e que não permite que o inimigo toque em um só fio do teu cabelo. Acredite, assim como foi com Israel, o mar passa, os inimigos passam, o deserto desta vida já tem hora e data marcadas para terminar e, muito em breve, nos uniremos às vozes do Céu, dizendo: “O reino do mundo se tornou de nosso Senhor e do Seu Cristo, e Ele reinará pelos séculos dos séculos” (Ap.11:15).

Feliz sábado, povo que marcha para o Céu!

Rosana Garcia Barros

#PrimeiroDeus #Êxodo14 #RPSP


Deixe um comentário so far
Deixe um comentário



Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: