Reavivados por Sua Palavra


GÊNESIS 45 – COMENTÁRIO PR HEBER TOTH ARMÍ by Maria Eduarda
26 de novembro de 2018, 0:45
Filed under: Sem categoria

GÊNESIS 45 – O que é “perdão”? Deus deixou-nos “dons” difíceis de explicar; entretanto, com resultados visivelmente satisfatórios. Creio que as muitas definições são insuficientes para descrever o significado real de perdão, o qual extrapola nossa compreensão.

Destarte, o efeito do perdão é eficaz para que haja reconciliação eficiente. O perdão é dom celestial, produz efeito divinal; seu conceito é complexo à limitada mente humana.

Para nós, pecadores que falhamos abusivamente – nem mesmo pessoas que amamos estão livres de nossas ofensas e ataques cruéis – carecemos, em demasia, de algo que resolva nossas atitudes doentias de agredir, ofender e destruir.

Em meio a este emaranhado mundo de pecado, problemas de relacionamento, acusações, medos, invejas, orgulhos, ciúmes, ameaças, vaidades, etc. quem nunca foi ofendido? Quem nunca ofendeu alguém? Quem está livre da culpa? Quem não precisa pedir ou receber perdão? Quem não precisa de reconciliação?

Observe a história sagrada, por Deus inspirada a fim de revelar-nos preciosas lições de vida através de uma família que foi satisfatoriamente restaurada:

1. O pecado, a culpa e o erro podem escancarar-se/revelar-se diante de nós por mais tempo que passe; José, o problema do passado, dormente na memória, veio à tona diante dos olhos de seus irmãos (vs. 1-8);

2. O coração perdoador expressa palavras misericordiosas e atitudes bondosas aos que o prejudicaram; isso, porque Deus reverteu a história dando-lhe outro rumo e moldando o coração e a visão de José (vs. 9-15);

3. A reconciliação verdadeira promove intimidade e restauração completa à família que, apesar das diferenças e crises de relacionamento do passado, experimenta graça divina no presente (vs. 16-28).

Perdão: atitude sobrenatural! Não há nada igual para pagar mal com bem do que perdoar quem merece desprezo total! Quem sente o prazer e paz indescritíveis oriundos do perdão divino não será egoísta para negar perdão a seu irmão!

Hernandes Dias Lopes expressa: “Perdoar é restaurar, é cancelar a dívida, é não cobrar mais. É deixar o outro livre e ficar livre. O perdão oferece cura para os ofensores e ofendidos”.

É melhor perdoar do que não querer se reconciliar! Por mais doloroso, é melhor aprender duramente as lições da vida do que perder a vida inteira por negar-se aprender.

Perdoar não justifica injustiças – liberta ofensores e ofendidos! Entendeu? Reavivemo-nos! – Heber Toth Armí.


Deixe um comentário so far
Deixe um comentário



Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: