Reavivados por Sua Palavra


JEREMIAS 45 – COMENTÁRIOS SELECIONADOS by jquimelli
8 de setembro de 2017, 0:20
Filed under: Sem categoria

1 Baruque. Uma compreensão do caráter do fiel escriba de Jeremias é apresentada neste capítulo. CBASD, vol. 4, p. 548.

3-5 Jeremias 45:3 deixa claro que Baruque tinha um medo terrível de executar seu dever: “Ai de mim! O Senhor acrescentou tristeza ao meu sofrimento. Estou exausto de tanto gemer, e não encontro descanso.” (NVI). Baruque deve ter desejado alguma palavra de Deus assegurando-lhe Sua proteção contra o ímpio rei Joaquim. Há pelo menos quatro pontos que Deus deixa claro. Em primeiro lugar, Deus iria permitir a destruição de Jerusalém (Jer 36:29). Em segundo lugar, Deus também se sentia triste por destruir o que Ele mesmo tinha construído, e arrancar o que Ele mesmo havia plantado (Jer 45:4). Em terceiro lugar, Baruque não deveria esperar bons resultados nesta tarefa (v. 4, 5). Por fim, Deus garantia a segurança da vida de Baruque após a entrega desta mensagem (v. 5).Yoshitaka Kobayashi, em https://reavivadosporsuapalavra.org/2014/06/15/.

Ai de mim agora! Com Jeremias aprisionado e o rei e seus conselheiros não dando ouvidos às mensagens do profeta, Baruque desanimou. Sua ambição de ocupar uma posição de importância no estado judeu renovado (v. 5) parecia frustrada em vista do aparente fracasso dos esforços de Jeremias. O profeta compreendia os sentimentos de seu secretário de forma solidária porque ele também experimentava amargas decepções (Jr 15:10-21; 20:7-18). Baruque, como todos os homens, precisava aprender a esperar o amargo e o doce, o fracasso e a prosperidade (ver Jó 2:10). CBASD, vol. 4, p. 548.

Não as procures. Nenhum sucesso terreno poderia ser tão importante para Baruque como a obra que Deus desejava que ele fizesse. Cada pessoa tem um lugar no grande plano de Deus, o qual só ela pode preencher. CBASD, vol. 4, p. 548.

Eu te darei a tua vida. Deus conforta a Baruque, o escriba, com a promessa de que lhe seria misericordioso. Num contraste assinalado com a vingança divina e a retribuição que cairia sobre “toda a terra” da Judeia (v. 4) e o mal que sobreviria “sobre toda a carne” por causa da invasão babilônica (2Rs 25), a vida de Baruque seria protegida por Deus. Muitas das pessoas de quem Baruque invejava o sucesso e a posição não tiveram esta segurança, mas pereceram miseravelmente na destruição de Jerusalém. CBASD, vol. 4, p. 548.

Em todo lugar. Estas palavras parecem indicar que o futuro de Baruque seria a peregrinação e o exílio. Sabemos que foi para o Egito (ver Jr 43:5-7). A tradição judaica diz que ele morreu no Egito ou em Babilônia [não em Judá]. CBASD, vol. 4, p. 548.

Anúncios

Deixe um comentário so far
Deixe um comentário



Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: