Reavivados por Sua Palavra


II CRÔNICAS 14 – COMENTÁRIOS SELECIONADOS by Jeferson Quimelli
26 de julho de 2016, 18:22
Filed under: Sem categoria

3 aboliu os altares dos deuses estranhos. A idolatria morre com dificuldade, no coração do povo; o decreto do rei não se completou totalmente, nem foi duradouro, 15.17; 1Rs 15.14. Bíblia Shedd.

Postes-ídolos. Heb asherim, troncos de árvores dedicados à adoração de Astarote, considerada pelos pagãos a mãe do mar, a deusa da fertilidade. Grava-se no tronco uma imagem de Astarote, que ficava como totem ao lado do altar de Baal (deus da terra e da fertilidade). Bíblia Shedd.

5 Retirou os altares idólatras. 1Rs 15.14 declara que Asa não retirou os altares idólatras. … Asa realmente tentou retirar esses altares, mas a adoração pagã era extremamente resiliente,e, no fim, seus esforços resultaram infrutíferos (15.17). Bíblia de Estudo NVI Vida.

Clamou Asa. O inimigo fora derrotado porque a causa em disputa era de Deus e não dos homens. O efeito impressionante da vitória se evidencia no fato de os egípcios interromperem suas pretensões de subjugar Judá por um período de três séculos. Bíblia Shedd.

6 Edificou cidades fortificadas. Sinal de um reinado próspero sob o favor divino (11:5-12). Bíblia de Estudo de Andrews.

7 Tempos de paz não são somente para descanso. Eles nos permitem que nos preparemos para tempos de dificuldade. … Decisões sobre como enfrentar tentações devem ser feitas com cabeça fria, muito antes de sentir o calor da tentação. Construa suas defesas agra, antes que as tentações ataquem. Life Application Study Bible Kingsway.

10 vale de Zefatá. Marcava a entrada a uma estrada que levava até as montanhas de Judá e de Jerusalém. Bíblia de Estudo NVI Vida.

11 entre o poderoso e o fraco. Estas palavras cheias de fé têm semelhança notável com as de Jônatas a seu jovem escudeiro quando os dois atacaram a guarnição filisteia (1Sm 14:6). Bíblia de Estudo de Andrews.

Se você está enfrentando batalhas que você sente que provavelmente não possa vencer, não desista. Em face das vastas hordas de soldados inimigos, Asa orou por ajuda de Deus, reconhecendo sua impotência contra um poderoso exército. O segredo da vitória é primeiro admitir a futilidade do esforço humano e então confiar na salvação de Deus. Life Application Study Bible Kingsway.

14 Feriram todas as cidades ao redor de Gerar. Parece que os filisteus daquela região tinham colaborado na invasão egípcia. Bíblia Shedd.



II CRÔNICAS 13 – COMENTÁRIOS SELECIONADOS by Jeferson Quimelli
26 de julho de 2016, 18:14
Filed under: Sem categoria

1 A diferença mais notável entre os relatos do reinado de Abias em Reis e em Crônicas é a avaliação feita em cada um deles: Reis oferece uma avaliação negativa (1Rs 15:3), sem havia motivo para isso, ao passo que é positiva a avaliação em Crônicas… Os reinados dos reis, assim como a vida das pessoas comuns, eram muitas vezes uma mistura de bem e de mal. Bíblia de Estudo NVI Vida.

O autor de Crônicas escolheu destacar o pouco bem que ele fez para mostrar que ele ainda estava sob a promessa da aliança feita a Davi. Life Application Study Bible Kingsway.

3 quatrocentos mil… oitocentos mil. Cifras surpreendentemente altas, mas em harmonia com as de 1Cr 21.5. Parece que se tratava de guerra total. Bíblia de Estudo NVI Vida.

5 aliança de sal (ARA; NVI: aliança irrevogável). Costume oriental mencionado em Lv 2.13; Nm 18.19. A cerimônia consistia em comer sal como penhor de um pacto ou uma aliança. Era a garantia de uma amizade perpétua, simbolizada pela qualidade do sal, como preservador contra a corrupção. Esta aliança, portanto, não podia ser quebrada. Bíblia Shedd.

7 homens malignos (ARA; NVI: homens … imprestáveis).Posteriormente, essa palavra (hebr beliya’al] passou a ser usada como um nome de Satanás (2Co 6.15), que é a personificação da perversidade e da iniquidade (Dt 13.13, nota]. Bíblia de Estudo NVI Vida.

8 reino do SENHOR. A casa de Davi representa o reino de Deus. Bíblia de Estudo NVI Vida.

9 sete carneiros. Na consagração original dos filhos de Arão, Deus requereu dois carneiros (Êx 29.1; Lv 8.2). Jeroboão, que já havia abandonado o plano de Deus, alterara a cerimônia de consagração, aumentando o número de sacrifícios obrigatórios para cada sacerdote. A religião inventada pelos homens, muitas vezes, coloca ações aparentemente fervorosas no lugar de uma verdadeira e sincera relação espiritual com Deus. Bíblia Shedd.

10 sacerdotes. Sacerdotes legítimos em Israel, que pertenciam à casa de Arão. Bíblia de Estudo de Andrews.

12 tocando com as trombetas. Os sacerdotes tocavam as trombetas em tempos de guerra e durante cerimônias religiosas. Bíblia de Estudo de Andrews.

não pelejeis contra o SENHOR. Uma luta contra o povo do Senhor significa uma luta contra o próprio Deus; foi isto que Saulo de Tarso descobriu no caminho de Damasco, quando ia para lá em perseguição à Igreja (At 9.4-5; 5.39). As tribos do norte ainda poderiam se humilhar e servir a Deus. Bíblia Shedd.

18, 19 Alguns reis da história de Judá focavam-se em Deus, mas nenhum dos reis de Israel consistentemente seguiu a Deus – todos seguiram a idolatria de Jeroboão ou serviram Baal. Como resultado, Israel experimentou a punição de Deus muitos anos antes de Judá. Life Application Study Bible Kingsway.

19 Betel. A cidade localizada na fronteira entre o reino do sul, Judá, e o reino do norte, Israel. Bíblia de Estudo de Andrews.



II CRÔNICAS 14 by Jeferson Quimelli
26 de julho de 2016, 1:00
Filed under: Sem categoria

Comentário devocional:

Você pode imaginar o que é ter um exército de um milhão de homens e trezentos carros de guerra vindo contra você? Foi exatamente isso que o rei Asa de Judá enfrentou. Ele estava bem preparado. Ele havia fortificado cidade após cidade com muralhas, torres, portas e ferrolhos. Ele até havia derrubado os lugares altos, os pilares sagrados e imagens de madeira. Seria o suficiente?

Ouça a sua incrível oração: “Senhor, não significa nada para Ti ajudar, seja com muitos ou com aqueles que não têm poder; ajuda-nos, ó Senhor, nosso Deus, porque em Ti, e em teu nome viemos contra esta multidão, ó Senhor, Tu és o nosso Deus, não deixe que o homem prevaleça contra ti! “(v. 11).

E o exército de um milhão de homens foi superado! Esta história é para nós. “A oração de Asa é aquele que todo crente cristão pode apropriadamente oferecer. Nós lutamos em uma guerra, não contra a carne e o sangue, mas contra os principados e potestades, contra hostes espirituais da maldade nas regiões celestes (cf. Ef 6:12). No conflito da vida, temos de enfrentar agências do mal que se arregimentaram contra o correto. Nossa esperança não está no homem, mas no Deus vivo. Com plena certeza de fé, podemos esperar que Ele unirá Sua onipotência aos esforços de instrumentos humanos, para a glória do Seu nome. Vestida com a armadura de sua justiça, podemos obter a vitória sobre todos os inimigos” (Profetas e Reis, p.111).

Hoje é o dia da vitória. Faça a oração de Asa e acredite!

 

Pastor Scott Griswold
Recrutador de Missionários
Apoio a Projetos para o Sudeste da Ásia

 

Também disponível em: http://www.revivalandreformation.org/bhp/pt/biblia/2ch/14 e https://www.facebook.com/ReavivadosPorSuaPalavra/
Texto original: http://www.revivalandreformation.org/bhp/en/bible/2ch/14
Publicação anterior: https://reavivadosporsuapalavra.org/2013/05/02/
Tradução Jeferson Quimelli/Gisele Quimelli/Jobson Santos
Texto bíblico: II Crônicas 14
Comentário em áudio Pr Valdeci
Leituras da semana programa Crede em Seus Profetas:
http://www.revivalandreformation.org/bhp/pt/sop/pp/40 e https://credeemseusprofetas.org/



II CRÔNICAS 14 – COMENTÁRIO PR HEBER by Maria Eduarda
26 de julho de 2016, 0:45
Filed under: Sem categoria

II CRÔNICAS 14 – Se você soubesse o efeito de tua oração, você se dedicaria mais a orar? Se você soubesse quão diferente seria tudo em tua vida se você orasse mais, você o faria? Se você soubesse o que evitaria ou quais vitórias alcançaria caso se empenhasse mais na oração, você o faria? Quero te dizer que orar é simples, mas o resultado da oração é um mistério! Você nunca sabe o que virá após a oração, mas pode ter certeza que funciona. Se ao orarmos soubéssemos o que aconteceria de fato, não seria fé, seria um passe de mágica; e, oração não tem nada a ver com mágica; mas como um ato de fé. Por isso, alguém já disse que orar é invadir o impossível. O impossível é o que a mente humana muitas vezes não imagina como acontece, consequentemente o resultado da oração é um mistério! Como diz o grande evangelista Pr. Mark Finley “A oração é o lugar mais seguro que se pode estar. Deus e os anjos estão presentes. Satanás foge da presença de Deus”. De II Crônicas 14 extraímos as seguintes lições para a vida:
1. Não tem inimigo que resista o poder de Deus dispensado através da oração (vs. 4, 8-12);
2. Temos de orar como se tudo dependesse de Deus e lutar na vida como se tudo dependesse de nós (vs. 11-15);
3. Deus usa homens e mulheres de oração a fim de executar Seus grandes propósitos e te dar a vitória (v. 14);
4. Tem gente perdendo muitas batalhas da vida porque não tiram tempo para orar; porém, quem ora alcança a vitória (v. 15).

Há uma tremenda e urgente necessidade de reforma em nossa religião a fim de que Deus venha a agir mais intensamente na vida de Seu povo, de Sua igreja… na tua vida! Quando Asa assumiu a liderança real do povo de Deus no lugar de Abias, seu pai, ele removeu santuários e altares pagãos no território do povo de Deus (II Crônicas 14:1-4). Hoje em dia não temos de forma literal altares e santuários pagãos em nossas igrejas ou em nossas casas; pois a um povo, de certa forma mais instruído, Satanás está sendo mais sutil, mais esperto e mais camuflado do que antes em suas artimanhas para destruir não só a fé do povo de Deus, mas a vida, a família e a saúde conduzindo o povo à morte juntamente com os ímpios. Hoje a TV é um altar onde desenhos, novelas e filmes com sessões espíritas, magias e outros serviços satânicos acontecem continuamente no centro de nossa casa, onde as pessoas já estão dispostas em lugares estratégicos como num centro satânico. A TV ocupa o lugar central da casa e a família já está ali em frente para receber as maldições jorradas à mente a fim de destruir tudo o que tem direito nas famílias. As novelas são escolas de adultério que os alunos não querem perder um capítulo. Os desenhos são escolas de brutalidade e agressividade que as crianças não querem perder um capítulo. E, muitos filmes têm de tudo, desde drogas, prostituição e assassinatos até palavrões, bebedeiras e traições. Precisamos derrubar alguns altares para Deus agir em nosso lar!

As pessoas almejam tanto a paz, o que não é errado; errado é o método utilizado pela maioria das pessoas! Sempre digo que as pessoas não querem, na verdade, resolver problemas; mas como problemas roubam a paz do coração e da alma, as pessoas enfrentam e lutam contra eles. Embora esse seja o caminho de milhares de pessoas tentam alcançar a paz, a Bíblia aponta um caminho muito melhor, muito mais prático e com resultados muito mais certos e permanentes. Em II Crônicas 14:2 diz: “E Asa fez o que era bom e reto aos olhos do SENHOR seu Deus”. Esse texto é a explicação pelos dez anos de paz no reino do sul, em Judá (v. 1). Fica bem claro que, quem busca ao Senhor vive em paz, caminho extremamente ignorado por quase todas as pessoas, sendo que muitas delas saibam que não há caminho melhor para se obter paz no coração. O que impendem as pessoas de buscarem a Deus é que sabem que precisam abrir mão de coisas que Deus não tolera em sua vida (vs. 3, 5); além disso, sabem também que precisamos buscar ao Senhor Deus, observar Sua Lei e Seus santos Mandamentos (v. 4). E, isso, as pessoas não querem. Querem paz, mas não estão a fim de trilharem o caminho da paz. Querem ter satisfação na alma, mas não querem tirar de sua casa e de seu coração as coisas que tiram a paz. Preferem o caminho da guerra, da amargura e da aflição do que um compromisso com Deus de todo coração! Reflita o que te impede de obter paz? – Heber Toth Armí.



II CRÔNICAS 14 – #RPSP – Comentário Rosana Barros by Ivan Barros
26 de julho de 2016, 0:30
Filed under: Sem categoria

“… SENHOR, Tu és o nosso Deus, não prevaleça contra Ti o homem” (v. 11).

Assim que terminei o estudo do capítulo de hoje, ouvi da sala uns gritos de sofrimento. Foi nossa calopsita que teve algumas penas arrancadas porque nosso filho mais novo sentou no rabo dela sem querer, já que ela fica solta pela casa. Nossa, foi uma comoção só! Nosso primogênito logo começou a chorar, e meu esposo e eu tentávamos acalmá-lo enquanto cuidávamos do passarinho. Graças a Deus não foi grave e ele está bem. Mas o que isso tem a ver com o relato de hoje? É que nosso passarinho foi ferido sem querer. Apesar da desvantagem de tamanho, nosso filho não tinha a intenção de feri-lo. Já os etíopes tinham a clara intenção de destruir o povo de Judá por completo. Até agora, não tinha visto um registro de um exército tão numeroso como o dos etíopes. Vocês fazem ideia do que é um exército de um milhão de homens? Se ontem quatrocentos mil contra oitocentos mil já era desafiador, o desafio de hoje de trezentos mil contra um milhão seria amedrontador. Seria, não fosse a oração do rei Asa, que, semelhante a seu pai, confiou no SENHOR. O resultado? De um milhão, “caíram os etíopes sem restar nem um sequer” (v. 13) pois “o SENHOR feriu os etíopes” (v. 12). Na vida de quem faz o que é bom e reto perante Deus (v. 2), Deus honra com vitórias humanamente impossíveis. Asa fez o que outros líderes não tiveram coragem. Ele decidiu fazer o que era correto independente de opiniões contrárias. Asa aboliu de seu reino tudo o que não agradasse a Deus, tudo o que pudesse ser considerado abominação ao SENHOR e deu voz de ordem a Judá para “que buscasse ao SENHOR, Deus de seus pais, e que observasse a lei e o mandamento” (v. 4). Resultado? “Houve paz no seu reinado” (v. 5), “porquanto o SENHOR lhe dera repouso” (v. 6). “Edificaram e prosperaram” (v. 8 ).

Amados, precisamos FAZER como “Asa fez” (v. 2). Abolir de nossa vida tudo o que possa ter se tornado um ídolo. Muitas vezes trocamos o ASSIM DIZ O SENHOR por tão pouca coisa, então vem o inimigo com um milhão de dificuldades e ainda queremos colocar a culpa em Deus. Quando o desejo do SENHOR é o de “ferir” todos os nossos problemas sem que reste nem um sequer. Cristo nos advertiu que neste mundo passaríamos por muitas aflições, mas, assim como o SENHOR deu a vitória a Judá, também venceu o mundo por nós (Vide João 16:33). O que Ele nos pede hoje é que confiemos nEle. Que acreditemos que Ele fará de nossas aflições degraus para alcançarmos a plenitude da fé. Como Asa, decida FAZER a vontade do SENHOR independente de qualquer coisa. Busque a Deus e observe os Seus mandamentos. Como George Müller, tome esta decisão HOJE:

Houve um dia em que morri. Morri para __________ (seu nome), suas opiniões, preferências, gostos e vontade; morri para o mundo, para a sua aprovação ou censura; morri inclusive para a aprovação ou censura dos meus irmãos e amigos; e desde então tenho estudado tão-somente como apresentar-me aprovado diante de Deus“. 

Fazendo a vontade de Deus, experimentarás a verdadeira paz!

Bom dia, vencedores em Cristo!

*Leiam #2Crônicas14

Rosana Garcia Barros




%d blogueiros gostam disto: