Reavivados por Sua Palavra


SALMO 63 – BUSQUE AQUI O POST DESEJADO by Jeferson Quimelli
5 de abril de 2020, 6:50
Filed under: Sem categoria

TEXTO BÍBLICO SALMO 63 – Leia a Bíblia antes

SALMO 63 – COMENTÁRIO BLOG MUNDIAL (Associação Geral)

COMENTÁRIOS SELECIONADOS

COM. TEXTO ROSANA GARCIA BARROS

COM. TEXTO PR. HEBER TOTH ARMÍ

COM. TEXTO MARIA CAROLINA FERREIRA

COM. VÍDEO PR ADOLFO SUAREZ (link externo)

COM. VÍDEO PR WEVERTON E EQUIPE (link externo)

COM. VÍDEO PR RONALDO DE OLIVEIRA(link externo)

COM. VÍDEO PR MICHELSON BORGES (link externo)

COM. VÍDEO PR VALDECI JÚNIOR (link externo)



SALMO 63 by Jeferson Quimelli
5 de abril de 2020, 0:55
Filed under: Sem categoria

Texto bíblico: https://pesquisa.biblia.com.br/pt-BR/NVI/sl/63

Eu sou uma daquelas pessoas que espontaneamente começam a cantar em momentos inesperados. Mas não de forma tão inesperada, assim. Fui criado em uma família que tinha respostas musicais adequadas para todos os tipos de ocasiões e ocorrências. Minha mãe tinha uma música especial que ela cantava para mim toda vez que eu chorava ou estava chateada. Tínhamos outra música para lamentar o tempo frio. Havia ainda outras músicas para se preparar para sair de casa ou concluir alguma tarefa. Algumas réplicas musicais foram inspiradas em músicas de filmes ou rádio, mas todas foram incorporadas para serem praticamente automáticas.

Quando entreguei minha vida a Cristo e comecei a ler a Bíblia, descobri que o povo de Deus tinha um livro inteiro de respostas musicais muito superiores, o livro dos Salmos. Há algo lá para todas as ocasiões. Os Salmos me informam que não estou sozinho diante de uma variedade de circunstâncias e que Deus me ajudará a superar todas essas circunstâncias. Você incorporou algum dos Salmos como uma maneira de se voltar automaticamente para Deus? Tente cantar: “Ó Deus, tu és o meu Deus; cedo te procurarei.” Salmo 63:1.

Karen D. Lifshay
Membro do coral da IASD Hermiston
Oregon USA

Fonte: https://www.revivalandreformation.org/?id=787

 

Comentário rodada anterior:

Davi, o ungido de Deus, era um homem em fuga, um alvo da raiva do rei Saul. Em um momento de turbulência e intensa emoção ao ser perseguido pelo rei Saul no deserto de Judá, Davi resolveu em seu coração apoiar-se no Todo-Poderoso. Ele expressou seu desejo de estar próximo de Deus, ao invés de se desesperar. Ele se deleitava na comunhão de Deus, sabendo que não tinha sido abandonado. Ele declarava sua confiança no Senhor, ao invés de ficar com medo e desanimado.

Nas dificuldades do dia-a-dia, o que fala mais alto, o nosso desejo por Deus ou por nosso desespero por alívio? Nos momentos em que Ele silencia escolhemos nos aquecer em Sua comunhão ou preferimos nos sentir abandonados? Ao lutar com as dificuldades existentes diante de nós, somos capazes de confiar plenamente no resultado planejado por Deus? Quando permitimos que Deus aprofunde a nossa experiência com Ele, somos transformados. Desenvolvemos um desejo por intimidade com Ele, não apenas por Suas respostas ou soluções. O nosso maior desejo passa a ser passar mais tempo com Ele e nos tornarmos mais semelhantes a Ele.

Querido Deus, ao passarmos por tristezas, solidão, doença, ou provações, confiamos que Tu estás conosco e nos ajudarás a transpor estas dificuldades. Permita que sintamos Sua presença conosco nestes momentos e que essas experiências contribuam para nos tornarmos mais semelhantes a Ti.

Stephanie Sheehan
School of Business and Management
Southern Adventist University

Fonte: https://reavivadosporsuapalavra.org/2017/01/02/salmo-63-2/
Tradução: Jobson Santos, Jeferson e Gisele Quimelli



SALMO 63 – COMENTÁRIOS SELECIONADOS by Jeferson Quimelli
5 de abril de 2020, 0:50
Filed under: Sem categoria

754 palavras

Davi compôs o Salmo quando estava no deserto de Judá, fugindo da ira do rei Saul (ver subtítulo; cf. 1Sm 23:13, 14, 23, 24; 24:1-3; Ed, 164). Este é um dos salmos mais afetuosos. Não contém nenhuma petição. Consiste de alegria,louvor, agradecimento, anelo pela comunhão com Deus, e nem um pedido de vantagens temporais ou espirituais. CBASD – Comentário Bíblico Adventista do Sétimo Dia, vol. 3, p. 876.

Davi desejava uma experiência mais profunda com Deus. A relação que ele tinha naquele momento com o Senhor não era suficiente. Ele comparou seu desejo à sede experimentada na seca mais severa, quando o solo está seco e rachado devido a um longo período sem chuva. Ele percebeu, muito antes de Jesus ter caminhado sobre a terra, que esta era uma sede que só podia ser saciada pela Água Viva. Davi tinha prazer na comunhão de Deus e recordava os momentos em que sentira a presença e o poder de Deus mais profundamente.  O seu apreço e admiração por Deus são expressos de forma apaixonada, ao ele dar mais valor à bondade divina do que à própria vida (v.4). Stephanie Sheehan, em https://reavivadosporsuapalavra.org/2013/10/09/salmo-63/

Fruto do seu profundo amor e respeito por Deus, Davi louvava continuamente. Ele falou como alguém que tinha experiência na comunhão com Deus. Davi desfrutava prazer em sua comunhão com Deus, fosse em tempo de batalha ou na hora de dormir. Todo momento lhe era adequado para a comunhão. Devido a isso ele experimentou a mão protetora de Deus de diversas maneiras ao longo dos anos. E Ele reconhecia a Sua ajuda, refúgio e cuidado.  Neste estado de alegre confiança, ele se recusa a estar desencorajado. Ele sabe que Deus acabará por prevalecer. Davi poderia ter orado por uma série de coisas, mas neste Salmo muito bem escrito, o coração de Davi simplesmente transborda de admiração e gratidão a Deus. Idem.

1-5 Se você está sozinho ou sedento de algo duradouro em sua vida, lembre-se da oração de Davi. Somente Deus pode satisfazer nossos anseios mais profundos! Life Application Study Bible Kingsway.

eu Te busco ansiosamente. Do heb. shachar, “buscar ao amanhecer”, portanto, “buscar com fervor”, ou “buscar com anseio”. CBASD, vol. 3, p. 876.

Te contemplo no santuário, para ver a Tua força e a Tua glória. Davi parece relembrar as evidências da presença de Deus nos rituais do santuário, como o shekinah (ver PP, 349). A maior evidência da presença de Deus é a transformação de vidas humanasCBASD, vol. 3, p. 876, 877 [destaque acrescentado].

a Tua graça é melhor do que a vida. Para Davi, o amor de Deus era mais doce do que a vida, que é o bem mais valioso para um ser humano. CBASD, vol. 3, p. 877.

bendizer-Te. Do heb. barak. Esta palavra tem diversos sentidos. Quando Deus bendiz a alguém, significa que Ele lhe concede dons, ou declara que essa pessoa recebeu dons. Quando alguém bendiz a Deus, significa que reconhece a Deus como o doador desses dons. No AT, com frequência se bendiz a Deus (ver Sl 63:4; 103:1, 2, 20-22; 145:2; etc.). Quando uma pessoa bendiz a outra, ela expressa o desejo de que essa pessoa seja dotada de dons. CBASD, vol. 3, p. 877.

no meu leito… em Ti medito, durante a vigília da noite. Nessa hora, as dificuldades do dia tendem a ser maiores, É evidente que Davi passa muito tempo pensando em Deus durante as noites de angústia no deserto. Faríamos bem em voltar nossa mente a Deus durante nossas horas de insônia. CBASD, vol. 3, p. 877.

medito em Ti nas vigílias da noite (NIV). A noite era dividida em três vigílias. Alguém desperto em todas as três teria tido uma noite sem dormir. … Há muitas razões pelas quais não podemos dormir – doença, estresse, preocupação – mas noites sem dormir podem ser transformadas em momentos de reflexão e adoração. Use-os para relembrar como Deus o guiou e ajudou. Life Application Study Bible Kingsway.

11 O rei, porém, se alegra em Deus. O salmista fala de si mesmo na terceira pessoa. Embora um fugitivo, correndo perigo de ser morto por Saul, Davi manifesta sua confiança de que, ao final, ele se tornará rei, conforme sua unção pelo profeta Samuel (ver 1Sm 16:13). Davi emprega este termo de forma especial. Suas palavras representam um ato de fé. CBASD, vol. 3, p. 877.

se tapará a boca dos que que proferem mentira. Os que procuram triunfar mediante a mentira serão confundidos. Davi está confiante de que seus inimigos serão destruídos e de que será protegido contra os desígnios homicidas de Saul. Aquele que deposita a confiança em Deus tem o privilégio de saber que, ao final, se alegrará e triunfará. CBASD, vol. 3, p. 877.



SALMO 63 – Comentado por Rosana Barros by Ivan Barros
5 de abril de 2020, 0:45
Filed under: Sem categoria

“Ó Deus, Tu és o meu Deus forte; eu Te busco ansiosamente; a minha alma tem sede de Ti; meu corpo Te almeja, como terra árida, exausta, sem água” (v.1).

Atormentada por sua situação vergonhosa, certa mulher samaritana saiu de sua casa na hora mais quente do dia para buscar água. Seus pensamentos a perturbavam. Seu coração estava tão seco quanto o cântaro que carregava. Não ousava levantar a cabeça a fim de não deparar-se com olhares de acusação. Jamais havia imaginado que estava para ter um encontro que mudaria para sempre a sua vida; um encontro que já estava marcado na agenda divina.

Ao avistar aquele Estranho, deve ter pensado que seu longo trajeto debaixo do sol fora perdido, mas que, talvez, pudesse nem ser notada, e aproximou-se da fonte. Logo, o silêncio foi quebrado com um inesperado pedido: “Dá-Me de beber” (Jo.4:7). Ainda que separados por centenas de anos, Davi e a mulher samaritana tinham algo em comum: sede de Deus. A diferença é que Davi conhecia a Fonte, e a mulher não.

Profundamente machucada pelos resultados de uma vida sem esperança, possuía um vazio na alma pior do que a sede que procurava saciar naquele poço. Davi havia experimentado a graça de Deus e seus dias eram vividos com a intensidade de quem O amava com todo o coração. A samaritana só conhecia o desprezo das pessoas e a decepção por parte daqueles que diziam amá-la. A sede de Davi era por permanecer na presença do Senhor. A sede da mulher era por ser amada de verdade. Duas realidades que representam bem o desejo de Deus de acolher a todos que aceitem o Seu convite.

O Senhor tem um encontro marcado com esta geração antes que a provisão do Espírito Santo seja encerrada. Todo aquele que O conhece, O busca com maior intensidade, reconhecendo a sua completa dependência de Deus. E para todo aquele que, qual a mulher samaritana, ainda precisa encontrá-Lo e conhecê-Lo, há um último e urgente apelo sendo realizado. Como foi com aquela mulher, é necessário que eu experimente um encontro pessoal com Cristo aqui, para que, semelhante a Davi, O encontre todos os dias, “enquanto eu viver” (v.4), até o Dia marcado pelo Céu em que Ele virá “com as nuvens, e todo olho O verá” (Ap.1:7).

Você não precisa percorrer o caminho da vergonha para encontrar-se com Cristo. E, talvez, Ele esteja, agora, bem à sua frente lhe dizendo: “Eu que falo contigo” (Jo.4:26). Como a mulher, abandone o cântaro de seu passado escuso e seja uma testemunha dAquele que te oferece a água viva: “Aquele que tem sede venha, e quem quiser receba de graça a água da vida” (Ap.22:17). Pois “vem a hora e já chegou, em que os verdadeiros adoradores adorarão o Pai em espírito e em verdade; porque são estes que o Pai procura para Seus adoradores” (Jo.4:23).

Ó Pai, que no Teu glorioso Dia sejamos encontrados por Ti “à sombra das Tuas asas” (v.7)!

Enquanto aguardamos, amados, vigiemos e oremos!

Feliz semana, salvos pela graça!

Rosana Garcia Barros

#PrimeiroDeus #Salmo63 #RPSP

Comentário em áudio: youtube.com/user/nanayuri100



SALMO 63 – COMENTÁRIO PR HEBER TOTH ARMÍ by Jeferson Quimelli
5 de abril de 2020, 0:40
Filed under: Sem categoria

SALMO 63 – Não devemos ceder espaço ao pecado. Fazer isso significa tirar férias de Deus para divertir-se com o diabo. Também implica rejeitar o presente da salvação e substitui-lo pelo plano da perdição.

Para que Deus seja sempre o primeiro em tua vida você não pode gastar alguns minutos ou dedicar horas em oração, precisa orar sem cessar, o tempo todo; ou seja, dedicar a vida inteira em comunhão com Deus.

Portanto, durma diariamente com a Bíblia em tua cabeceira para que no primeiro minuto ao acordar, estendas a mão e faça tua devoção. Fazendo assim, serás guiado pelos sentimentos e desejos que dominaram ao salmista:

1. Coloque como alvo ter teu ser inteiro ansiando por Deus, e busque-O intensamente (v. 1).
2. Queira contemplar a Deus em Seu santuário, estar em Sua presença (v. 2).
3. Queira visualizar Deus em Seu poder e glória (v. 2).
4. Deseje mais pelo amor de Deus do que pela vida (v. 3).
5. Decida exaltar a Deus com os lábios, levantar as mãos em adoração, e bendizê-lO com a vida inteira, o tempo todo (vs. 3-4).
6. Reconheça que satisfação total só existe na real presença de Deus (v. 5).
7. Ame a Deus mais do que os fortes sentimentos de dois jovens inteiramente apaixonados, pense nEle dia e noite, perca o sono para relembrar Seus atos afetuosos (vs. 6-7).
8. Comprometa-se de corpo e alma com o Deus que nos salva (vs. 8-10).
9. Alegre-se em Deus mesmo que sejas rei, presidente, governador, prefeito ou ocupes qualquer posto elevado no mundo – ou não (v. 11).
10. Aceite que Deus é justo e logo fará justiça contra fraudulentos, hipócritas e mentirosos, e isso resultará em louvor nos que se comprometeram com Ele (v. 11).

Certamente, não há satisfação total sem investimento espiritual correto. “Os que fazem de Cristo o primeiro, o último e o melhor em suas vidas, são as pessoas mais felizes do mundo” – declarou Ellen G. White.

Dê o primeiro passo certo no início de cada ano, de cada mês, de cada semana e de cada dia, pois uma longa caminhada precisa sempre de um ponto de partida sem desviar-se do alvo: Encontrar-se com Deus para viver com Ele por toda a eternidade!

Reavivemo-nos! – Heber Toth Armí.




%d blogueiros gostam disto: