Reavivados por Sua Palavra


ISAÍAS 51 – Comentário Rosana Barros by Ivan Barros
10 de julho de 2017, 0:30
Filed under: Sem categoria


“Ponho as Minhas palavras na tua boca e te protejo com a sombra da Minha mão, para que Eu estenda novos céus, funde nova terra e diga a Sião: Tu és o Meu povo” (v. 16).


Hoje, o SENHOR nos apela:
“Ouvi-Me vós… os que buscais o SENHOR; olhai para a rocha” (v. 1).
“Atendei-Me, povo Meu, e escutai-Me, nação Minha” (v. 4).
“Levantai os olhos para os céus” (v. 6).
“Ouvi-Me, vós que conheceis a justiça, vós, povo em cujo coração está a Minha lei” (v. 7).
“Desperta, desperta, levanta-te” (v. 17).

De uma forma praticamente desesperada, Deus profere uma série de apelos ao Seu povo. As muitas lutas os haviam deixado aflitos e desanimados, e “a assolação e a ruína, a fome e a espada” (v. 19) eram-lhes constantes ameaças. O SENHOR os convidou a mudar o foco e ouvir não mais o som de batalhas, mas a voz do SENHOR dos Exércitos. A não mais olhar para as forças inimigas, mas erguer os olhos para os céus e, pela fé, contemplar a vitória.

Este texto, como os demais, não se refere apenas ao antigo Israel, mas ao Israel espiritual de todos os tempos. “O exilado cativo” (v. 14) é uma referência aos salvos que serão libertos de uma vez por todas do jugo do pecado, e viverão em um lugar onde não mais haverá morte (Ap. 21:4). Onde Deus estabelecerá novos céus e nova terra (v. 16; Ap. 22:1). Onde a salvação e a justiça do SENHOR durarão para sempre (v. 6 e 8). Um lugar onde não mais haverá inimigos, ameaças ou sombra de inimizades. Onde “perpétua alegria lhes coroará a cabeça; e o regozijo e a alegria os alcançarão, e deles fugirão a dor e o gemido” (v. 11). A pergunta é: É para este lugar que estamos caminhando?

Ninguém gosta de ser humilhado. O tratamento tirano das nações inimigas causava a Israel grande opróbrio e temor. A humilhação pode causar duas reações: vingança ou mais humilhação ainda.
Quando eu tinha onze anos de idade, uma “valentona” da escola simplesmente não foi com a minha cara e resolveu me dar um tapa no rosto, no meio da rua, com uma “plateia” de alunos ao redor. Bem, eu tinha duas opções: revidar e iniciar uma briga defendendo a minha honra, ou ignorá-la e seguir o meu caminho para casa. Eu escolhi a segunda opção e a deixei sem palavras ao dar as costas e ir para casa. É claro que fui humilhada e segui o meu caminho com o rosto vermelho de vergonha, mas tranquila de que tinha feito a melhor escolha.

Deus deseja colocar Sua sabedoria em nossa boca e nos usar como Seus instrumentos no despertamento do Seu povo. Ele nos escolheu e tem nos carregado desde o ventre de nossa mãe, lembram? Não precisamos temer a criatura se o Criador luta por nós! Todo “o cálice de atordoamento” (v. 22) que julgamos ter em nossas mãos, Ele tomará e colocará “nas mãos dos que [nos] atormentaram” (v. 23) e nos humilharam. As más línguas cessarão. O olhar malicioso será destruído. E os que insistiram em ferir os filhos do Reino “morrerão como mosquitos” (v. 6). É forte, mas é a verdade.

“Porque o SENHOR tem piedade” do Seu povo “e fará o seu deserto como o Éden, e a sua solidão, como o jardim do SENHOR; regozijo e alegria se acharão nela, ações de graças e som de música” (v. 3). “Pelo que AGORA ouve isto, ó tu que estás aflita(o)” (v. 21)… Assim diz o SENHOR, o SENHOR, teu Deus” (v. 22):
“Quem a si mesmo se exaltar será humilhado; e quem a si mesmo se humilhar será exaltado” (Mateus 23:12).
Então, amados, sigamos pela fé com os olhos no Céu e com a lei do SENHOR no coração, e, apesar de ter aqui “as costas como chão” (v. 23), despertemos para a certeza de que a nossa caminhada para Casa está quase no fim!

Bom dia, humilhados que serão exaltados!

Desafio do dia: Anote em seu caderninho de oração a seguinte ordem do SENHOR Jesus: “Amai os vossos inimigos e orai pelos que vos perseguem” (Mateus 5:44). Clame ao SENHOR para colocar esta ordem em prática e siga o caminho da perfeição aos olhos de Deus (Mateus 5:48)!

Rosana Garcia Barros

#PrimeiroDeus
#Isaías51
#RPSP

Anúncios

Deixe um comentário so far
Deixe um comentário



Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: