Reavivados por Sua Palavra


ISAÍAS 42 – COMENTÁRIO ROSANA BARROS by Ivan Barros
1 de julho de 2017, 0:30
Filed under: Sem categoria


“Eu, o SENHOR, te chamei em justiça, tomar-te-ei pela mão, e te guardarei, e te farei mediador da aliança com o povo e luz para os gentios” (v. 6).


O ser humano tem uma grande facilidade em desvirtuar a adoração ao SENHOR para pessoas ou coisas. Somos adoradores por natureza. Portanto, se não adoramos a Deus, algo está tomando o lugar que só a Ele pertence. O prenúncio da vinda do Servo do SENHOR mostra a manifestação do direito (v. 3) e da devida glória e honra (v. 8) ao único Deus digno de toda a adoração. A Sua primeira vinda não só seria o cumprimento de uma promessa, mas o início de uma nova fase para o mundo, onde o antes e depois de Sua vida deixaria bem clara a Sua missão: abrir “os olhos aos cegos” e tirar “da prisão o cativo e do cárcere, os que jazem em trevas” (v. 7).

Cristo não viria como Israel esperava, mas viria como Israel e todo o mundo gentílico necessitava. Até então, tudo o que o SENHOR prometera que aconteceria havia se cumprido. “Novas coisas” (v. 9) surgiriam, mas o povo não estaria desavisado. As profecias apontavam para o nascimento de um Deus que decidiu despir-Se das vestes reais para vestir-Se de Servo sofredor. A Sua vida determinaria não só o destino da nação eleita, mas de todas as nações. O mesmo SENHOR que “formou a terra e a tudo quanto produz; que dá fôlego de vida ao povo que nela está” (v. 5), viria “como valente” (v. 13), não fazendo caso de Sua vida, para a salvação de “todo aquele que nEle crê” (João 3:16).

Porém, o cântico ao SENHOR (v. 10) que deveria ter sido entoado por Israel diante daquele estábulo em Belém, foi por ele aviltado, e os anjos precisaram descer para louvar ao Rei da glória. A cegueira espiritual os havia tomado o coração de tal forma, que não conseguiram enxergar a glória que reis do Oriente viajaram quilômetros para contemplar. Deixando de olhar para o alto, perderam o vislumbre da luz que os conduziria para bem perto do Santo de Israel. Ao contrário do que esperava, o Messias não viria para glorificar Israel, mas para guiá-lo e conduzi-lo em caminhos planos (v. 16). Ele viria para “engrandecer a lei e fazê-la gloriosa” (v. 21), mostrando ao Seu povo a verdadeira essência da obediência: o amor (João 14:15).

Estamos diante de um tempo parecido com aquele que precedeu o nascimento do nosso Salvador. Assim como o povo de Deus experimentou um período do silêncio divino (v. 14), também atravessamos um período de considerável silêncio. Aguardamos o regresso de Jesus. Ou melhor, estamos de fato O aguardando? A expectativa deste evento, decisivo para toda a humanidade, também contém o mesmo perigo de cegueira espiritual. Israel se autoproclamava a única nação “digna” de salvação, enquanto ignorava o chamado de ser luz para as demais nações. Já a igreja dos últimos dias, com o grande e sagrado ministério de, igualmente, ser “luz para os gentios” (v. 6), está a ponto de ser vomitada da boca de Deus, pois diz: “Estou rico e abastado e não preciso de coisa alguma” (Apocalipse 3:16 e 17).

O SENHOR chamou Israel para uma obra além de suas fronteiras, “contudo, não o entenderam” (v. 25). Esta terrível situação não precisa ser real em nossa vida se tão-somente aceitarmos “fazer compras” no lugar certo (Leia Apocalipse 3:18). “Surdos, ouvi, e vós, cegos, olhai, para que possais ver” (v. 18) a seara madura e pronta para ser colhida! “Deem honra ao SENHOR e anunciem a Sua glória nas terras do mar” (v. 12). “Cantai ao SENHOR um cântico novo” (v. 10) e despertai para a missão que Paulo e a igreja primitiva (Atos 13:47) abraçaram, cheios do Espírito Santo (v. 1). O SENHOR promete nos tomar pela mão e nos conduzir nesta obra. Você aceita este serviço?

Feliz sábado, servos do SENHOR!

Desafio do dia: Faça algo gentil para seu(s) vizinho(s). O(s) presenteie com um pão ou um bolo caseiro, por exemplo. Não se esqueça de orar antes. Não dê um passo sequer sem oração.

Rosana Garcia Barros

#PrimeiroDeus
#Isaías42
#RPSP
#IASD


Deixe um comentário so far
Deixe um comentário



Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.



%d blogueiros gostam disto: