Reavivados por Sua Palavra


SALMO 18 – Comentado por Rosana Barros by Ivan Barros
20 de fevereiro de 2020, 0:30
Filed under: Sem categoria

“Eu te amo, ó Senhor, força minha” (v.1).

Esta foi a declaração de amor de um filho a seu Pai. Expressa a essência do relacionamento de Davi com o Senhor e a maturidade espiritual de uma fé infantil. Como “a criança desmamada se aquieta nos braços de sua mãe”, disse Davi, “como essa criança é a minha alma para comigo” (Sl.131:2). Ontem, ao segurar em meus braços minha recém-nascida sobrinha, fiquei contemplando seu rostinho tranquilo e sossegado. Não há cena que ilustre melhor a calma e a serenidade do que essa. Davi encontrou essa calma nos braços de Deus, uma experiência que o Senhor deseja que todos nós experimentemos.

Quando cercado por inimigos mortais, o salmista invocou o Senhor e Lhe gritou por socorro, e a resposta divina operou em Davi uma inabalável confiança. Ele reconheceu que não foram suas qualidades de guerreiro que lhe garantiram as vitórias, mas “Ele adestrou as minhas mãos para o combate” (v.34), declarou Davi com relação a Deus. Como um homem cuja posição e conquistas despertavam a inveja e a cobiça, até mesmo dos próprios filhos, sofreu amargas decepções. As guerras que venceu não foram mais numerosas do que as aflições que sofreu. Contudo, à vista de seu Pai que não o deixou a perecer no pecado, antes, enviando Seu profeta, o conduziu ao arrependimento e confissão (2Sm.12:9), Davi era movido pela gratidão do inexplicável amor divino.

A linguagem do salmista a respeito do cuidado de Deus por ele ilustra o grandioso zelo do Senhor por cada filho Seu individualmente. Davi aponta para Aquele que abala os céus e a terra e descobre “os fundamentos do mundo” (v.15) para agir em favor de um filho em aflição. O Altíssimo levanta a voz (v.13), e salva “o povo humilde” (v.27). Como criança tão completamente dependente, Davi depôs a sua vida nas mãos de Deus, e suas trevas tornaram-se em grande luz (v.28).

“O caminho de Deus é perfeito” (v.30). Jesus declarou: “Eu sou o caminho, e a verdade, e a vida; ninguém vem ao Pai senão por Mim” (Jo.14:6). Todo aquele que busca conhecer esse Caminho e nEle andar, em cada passo faz novas descobertas e encontra a confiança necessária para não vacilar (v.36). Jesus é a resposta segura às nossas aflições. Aquele que não negou entregar a inocente vida, suportou o peso dos nossos pecados, “tendo sob os pés densa escuridão” (v.9). O Pai abalou o Universo ao nos enviar o bem mais precioso do Céu. E sabem o que é mais lindo nisso tudo? Ele teria feito isso, ainda que fosse apenas por você.

O Senhor lhe convida a estudar a Sua Palavra como uma carta endereçada a você. Você é o destinatário da mais valiosa correspondência de todos os tempos. É com você que Ele deseja falar cada vez que a sua Bíblia é aberta. Este não é apenas mais um Salmo de Davi. Este é um recado de Pai para filho. Do Benigno para o benigno. Do Íntegro para o íntegro. Do Puro para o puro. Virtudes que só podem ser concedidas àqueles que reconhecem em Jesus a inesgotável Fonte. Vá a Jesus como uma criancinha, em humildade e completa dependência, e de seu coração brotará o perfeito louvor: “Vive o Senhor, e bendita seja a minha Rocha!” (v.46). Vigiemos e oremos!

Bom dia, filhos do Pai da Eternidade!

Rosana Garcia Barros

#PrimeiroDeus #Salmo18 #RPSP

Comentário em áudio: youtube.com/user/nanayuri100


Deixe um comentário so far
Deixe um comentário



Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.



%d blogueiros gostam disto: