Reavivados por Sua Palavra


Êxodo 9 – Comentado por Rosana Barros by Ivan Barros
10 de dezembro de 2018, 0:45
Filed under: Sem categoria


“Mas, deveras, para isso te hei mantido, a fim de mostrar-te o Meu poder, e para que seja o Meu nome anunciado em toda a terra” (v.16).


O Egito estava em colapso. A população, afetada pelas manifestações divinas, gemia diante da possibilidade de novas pragas. De forma que alguns do povo começaram a temer a palavra do Senhor e obedecer às orientações dadas por Moisés. Peste nos animais, úlceras e chuva de pedras arrasaram aquela superpotência da antiguidade de uma forma tão grande, que o Egito jamais voltaria a ser uma nação de destaque novamente. Tudo o que o Senhor fizera ganharia notoriedade mundial e todos os povos saberiam quem era o Deus de Israel.

O Senhor designou certo tempo” (v.5) para a realização de Seu quinto prodígio. Ele jamais manifesta a Sua ira sem que haja tempo para o homem se arrepender. Mais uma vez, Faraó recebeu o prazo divino, mas ao invés de buscar ao Senhor diante dos resultados de sua rebelião, “mandou ver” (v.7) se realmente os animais dos hebreus não haviam sofrido dano. E, tomando ciência de que, em Gósen, havia paz e tranquilidade, de novo endureceu o coração, de forma que Deus ainda mostraria outras revelações de Seu poder.

Para quem dizia não conhecer ao Senhor, Faraó tornou-se instrumento involuntário para revelar ao mundo inteiro que só o Senhor é Deus. Após terem sofrido com muitas úlceras, “o Senhor deu trovões e chuva de pedras, e fogo desceu sobre a terra” (v.23). Toneladas de pedras caíam do céu ao chão, ferindo homens, animais e vegetação. O som dos trovões era tão intenso e alto e a chuva e o fogo causaram tanta ruína e sofrimento, que o próprio Faraó, pela primeira vez, reconheceu a sua condição de pecador e ao Senhor como justo Juiz. E pedindo que os líderes de Israel orassem por ele, não mostrou resistência quanto a permitir que o povo finalmente fosse mandado embora. Mas, cessada a chuva, “tornou a pecar” (v.34), cauterizando o coração, tornando-o cada vez mais endurecido.

Deus nunca avalia ninguém pelo que tem ou pela situação em que se encontra. Deus olha para o que somos e sonha com o que podemos ser se apenas aceitarmos a Sua graça transformadora. A presunção, o orgulho e a cobiça são a escória da maldade, muitas vezes disfarçados das vestes da humildade. Muitos há que, à semelhança de Faraó, demonstram arrependimento e confessam seus pecados, mas basta a tempestade passar para que tornem a pecar e endurecer o coração. Não possuem intenções sinceras e nem o desejo real de fazer a vontade de Deus. Baseados em conceitos criados pelo próprio coração rijo de maldade, aparentam arrependimento, mas na primeira oportunidade, demonstram o que realmente contém dentro de si.

Meus irmãos, será que realmente estamos sendo tementes à Palavra do Senhor, ou não estamos lhe dando a devida importância deixando o que temos e somos ao relento, onde facilmente podemos perecer? Há livramento e segurança para aqueles que permanecem no aprisco do Senhor; para aqueles que entendem que praticar a Palavra de Deus não é um teatro, não é um discurso convincente, e sim o temor genuíno de quem verdadeiramente se dispõe a conhecer ao Senhor e adorá-Lo com inteireza de coração. A todo aquele que ainda não fez esta entrega total e completa, ainda há esperança. Ainda não foi encerrada a maravilhosa obra da graça de Cristo. Entregue o seu enganoso coração aos cuidados do Senhor e, certamente, Ele não permitirá que caia sobre você a chuva da destruição e sim a chuva de poder do Espírito Santo.

Bom dia, tementes à Palavra do Senhor!

Rosana Garcia Barros

#PrimeiroDeus #Êxodo9 #RPSP

Comentários em áudio:
https://www.youtube.com/user/nanayuri100
https://www.youtube.com/channel/UCzzqtmGdF4UqBopc6CRiqLA


Deixe um comentário so far
Deixe um comentário



Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: