Reavivados por Sua Palavra


ZACARIAS 5, Comentado por Rosana Barros by Ivan Barros
12 de janeiro de 2018, 0:30
Filed under: Sem categoria


“… porque qualquer que furtar será expulso segundo a maldição, e qualquer que jurar falsamente será expulso também segundo a mesma” (v.3).


Duas visões, mas uma só mensagem. O rolo tão utilizado naquela época para documentos civis e religiosos aparece como um símbolo da corrupção de Israel. Apesar do anjo não descrever o seu conteúdo, o que estava ali escrito representava maldição. A quebra do oitavo e do nono mandamentos do Decálogo foi destacada como motivo pelo qual foi despertada a ira de Deus. Todos aqueles que não se arrependessem de tais pecados, teriam de sofrer as consequências de suas más ações.

Da mesma sorte, a visão do efa é uma ilustração acerca da “iniquidade em toda a terra” (v.6). E, a mulher dentro do efa, a impiedade da nação israelita. As duas mulheres com asas “como de cegonha” (v.9) não são identificadas pelo anjo, mas a sua missão era a de elevar “o efa entre a terra e o céu” (v.9), “para edificarem àquela mulher uma casa na terra de Sinar” (v.11). Deus desejava remover a iniquidade do Seu povo, mas, todo aquele que insistisse em carregar Babilônia no coração, para lá retornaria.

Se fossem expostos os registros de sua vida e Deus lhe mostrasse quais são as suas transgressões, qual seria a sua reação? E se eu te disser que isto já tem sido feito? As três mensagens angélicas de Apocalipse quatorze nos mostram um caminho sobremodo excelente, mas também revelam a perturbadora realidade de um “mundo inteiro” que “jaz no Maligno” (1Jo 5:19). A mensagem é praticamente nesta ordem: Tema e adore somente ao Deus Criador, Babilônia já caiu, os ímpios serão condenados à morte eterna e “a perseverança dos santos” (Ap 14:12) os preservará para a vida eterna. Diante desta revelação espiritual e de tudo que temos examinado nas Escrituras, qual tem sido a tua reação?

 “Ai dos que andam à vontade… e dos que vivem sem receio” (Am 6:1). Estamos vivendo em “tempos difíceis” (2Tm 3:1), onde o mundo não mais faz diferença entre o certo e o errado. Tempos onde ser cristão não significa ser um seguidor de Cristo, mas um “criador” do seu próprio cristo. Onde o privilégio de adorar foi trocado pelo desejo de sentir emoções que desaparecem tão logo os pés toquem fora da igreja. São realmente tempos mui difíceis e que requer dos filhos do Reino uma fé inabalável e perseverante disciplina.

 “Ora, o Espírito afirma expressamente que, nos últimos tempos, alguns apostatarão da fé, por obedecerem a espíritos enganadores e a ensinos de demônios” (1Tm 4:1). Isto é muito sério, amados. A mesma apostasia que levou maldição para Israel tem sido manifestada entre nós hoje. Assim como Israel depositava a sua segurança em seu título, muitos cristãos têm vivido relaxadamente julgando estar em posição privilegiada com relação aos “pecadores do mundo”. Pensam: “Eu não mato, eu não roubo, eu devolvo o dízimo, eu guardo o sábado e trabalho na igreja. Então, tá tudo certo. Estou de bem com Deus”. Mas esquecem do principal: conhecer a Deus. Não podemos apresentar a quem não conhecemos.

Enquanto a oração não for o nosso fôlego de vida; enquanto a “Palavra que sai da boca de Deus” (Mt 4:4) não for o nosso principal alimento diário; enquanto não permitirmos que o Senhor realize em nós o transplante diário do coração (Ez 36:26), todos os nossos feitos, quer sejam religiosos ou não, serão contados como obras inúteis. Mas, se tão-somente buscarmos a Deus em primeiro lugar (Mt 6:34), todos os dias, confiando na provisão divina e na atuação do Espírito Santo, Este cuidará de nos mostrar os nossos pecados e nos conduzir ao arrependimento.

Deus deseja colocar uma “tampa de chumbo” (v.7) em cima dos nossos pecados e lançá-los no abismo inalcançável (Mq 7:19). Você aceita esta intervenção gratuita?

Bom dia, perdoados pelo Pai das misericórdias!

Desafio do dia: “Levanta, agora, os olhos” (v.5) e para um pouco para contemplar a grandeza e a beleza do firmamento. Pense que é dali que, muito em breve, você avistará o teu Redentor e faça uma pequena prece pedindo para estar pronto para aquele grande Dia.

Rosana Garcia Barros

#PrimeiroDeus
#Zacarias5
#RPSP


Deixe um comentário so far
Deixe um comentário



Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: