Reavivados por Sua Palavra


SALMO 128 by jquimelli
8 de março de 2017, 1:00
Filed under: Sem categoria

Comentário devocional:

Você deve conhecer pelo menos uma família que aparentemente tenha tudo. E quando digo “tudo”, não me refiro a coisas materiais. Na verdade, o tipo de família que tenho em mente pode ter muito pouco em termos de bens materiais, mas são espiritualmente completos em Cristo. Eles têm paz. Eles irradiam alegria. Eles transbordam contentamento. Eles são as pessoas ideais para terem muitos filhos, porque a mãe e o pai parecem ter sido presenteados com uma dose extra de sabedoria divina para exercerem a paternidade e a maternidade.

Este é um Salmo que exalta a família. Será que existe uma família como a que descrevi? Sim, mas uma família como esta não pode existir a menos que o líder espiritual dessa família caminhe sob a autoridade de Deus.

Vivemos em uma cultura saturada com o “evangelho da prosperidade”, onde erroneamente interpretamos nosso aumento financeiro como sendo evidência da bênção de Deus. Nesse contexto, considero apropriado ser lembrado pelo salmista que o verdadeiro significado da bênção e da prosperidade é uma família temer ao Senhor e seguir os Seus caminhos. Uma família unida, vivendo à altura do seu chamado em Cristo, eis um grupo de pessoas verdadeiramente abençoadas.

Cindy Nash
Collegedale, Tennessee, Estados Unidos

Texto original: http://www.revivalandreformation.org/bhp/en/bible/psa/128 e http://revivedbyhisword.org/en/bible/Psa/128/
Texto anterior expandido: https://reavivadosporsuapalavra.org/2013/12/13/
Tradução: Pr Jobson Santos/Jeferson Quimelli
Texto bíblico: Salmo 128 NVI
Comentário em áudio Pr Valdeci
Leituras da semana do programa Crede em Seus Profetas: https://credeemseusprofetas.org/



SALMO 128 – COMENTÁRIO PR EVANDRO FÁVERO by jquimelli
8 de março de 2017, 0:55
Filed under: Sem categoria



COMENTÁRIO SALMO 128 – Pr. Heber Toth Armí by jquimelli
8 de março de 2017, 0:45
Filed under: Sem categoria

SALMO 128 – Priorizar Deus não é apenas dedicar mais tempo a Ele do que à TV, filmes, seriados, novelas, esporte, trabalho, estudos, etc. mas aplicar Seus princípios ao realizar estas coisas e ainda levá-Lo junto contigo em cada uma das tuas atividades.

Nosso maior desafio não é ser cristão na igreja, mas fora dela, principalmente em casa. Pois, se Deus não ocupar o primeiro lugar na vida de um indivíduo, Deus não será o Deus dele. Por outro lado, tudo o que ocupar o lugar de Deus na vida de um indivíduo será uma espécie de ídolo.

Muitos querem ir para o Céu, tomando estradas que dão com destino no inferno. Assim como não tem como chegar à velha Jerusalém pegando qualquer estrada, é preciso tomar o caminho certo para chegar à Nova Jerusalém.

· Para que um casamento seja pleno de satisfação é preciso ter Deus sempre presente. Só assim um casamento poderá ser ricamente abençoado e feliz. Deus deve reger nossa vida, não redes sociais; nem TV (ou qualquer outro tipo de entretenimento como jogos eletrônicos, esportes, etc.). Só Deus! (v. 1).

· Para que uma profissão seja repleta de satisfação Deus precisa ser parte central dela, Sua presença deve ser buscada tanto quanto na igreja; então, o trabalho será uma bênção e, o trabalhador abençoado (v. 2).

· Os pais serão prósperos na educação de seus filhos caso os eduquem no caminho que leva o Céu, não apenas apontando o Caminho que é Jesus, mas tomando-os pela mão e andando com eles pelo Caminho, priorizando Deus até na hora das refeições (vs. 3-4).

· Os pais que realmente priorizam Deus e Seus princípios revelados na Bíblia verão e aproveitarão os filhos de seus filhos (netos), os quais serão felizes, unidos, formando uma grande família harmoniosa, aprovada e abençoada por Deus (vs. 5-6).

Num mundo em conflito, a família pode ser um oásis. Pois, aplicando princípios do Céu, o lar jamais se torna um pedaço do inferno. O segredo é colocar Deus em primeiro lugar para não sobrar espaço para o diabo.

Do namoro ao casamento, do casamento ao envelhecimento, os princípios da Bíblia devem ser prioridade em nossa vida. Só assim paz, alegria, prosperidade e longevidade nos acompanharão em cada fase de nossa existência! Reavivemo-nos! – Heber Toth Armí.



SALMO 128 #RPSP COMENTÁRIO ROSANA BARROS by Ivan Barros
8 de março de 2017, 0:30
Filed under: Sem categoria

“Bem-aventurado aquele que teme ao SENHOR e anda nos Seus caminhos” (v. 1).

“Eis como será abençoado o homem que teme ao SENHOR” (v. 4):

  1. Será mais do que feliz (v.1);
  2. Estará satisfeito com o seu trabalho e tudo lhe irá bem (v. 2);
  3. Terá um casamento feliz e filhos que o honram (v. 3);
  4. Terá longevidade e saúde para conviver com seus netos (v. 5-6).

A paz que tanto almejamos inicia quando reconhecemos que ela só pode vir de Deus (v. 6). Ele é a fonte de toda a paz e de toda a felicidade.

E o que dizer do temor? Ontem vimos a história de duas mulheres que temeram a Deus e por isso foram por Ele abençoadas. Afinal, o que há de tão importante nesta ação a ponto de ser uma das últimas advertências que deve ser proclamada ao mundo nestes últimos dias? (Apocalipse 14:7). O temor a Deus tem a ver com confiança, obediência e amor. Quando Noé recebeu de Deus a incumbência de construir a arca, ele confiou na palavra do SENHOR, obedeceu às Suas instruções porque O amava, porque andava com Deus (Gênesis 6:9); e o SENHOR salvou a ele e sua família. Sifrá e Puá foram tementes a Deus, preferindo ser fiéis ao SENHOR do que às ordens de Faraó, e Deus lhes constituiu família (Êxodo 1:21). Josué, diante da indecisão do povo, tomou uma firme decisão: “Eu e a minha casa serviremos ao SENHOR” (Josué 24:15), e Deus abençoou a sua descendência e o fez longevo (Josué 24:29). Ana cumpriu seu voto levando o menino Samuel ao templo para servir ao SENHOR, e o SENHOR a abençoou concedendo-lhe mais filhos (I Samuel 2:21).

Diante destes e de tantos outros exemplos na Bíblia, podemos ter a certeza de que há bênção quando tememos a Deus e andamos em Seus caminhos. A bênção é tamanha que não pode ficar restrita somente a nós, ela precisa irradiar para todo o nosso lar. Quando o carcereiro perguntou a Paulo e Silas o que poderia fazer para ser salvo, a resposta poderia ter sido assim: “Crê no SENHOR Jesus e serás salvo”. Ponto. Mas aqueles servos de Deus não pararam por aí. Eles conheciam as Escrituras e o plano de Deus para as famílias. Por isso que a resposta foi a seguinte: “Crê no SENHOR Jesus e serás salvo, TU E TUA CASA” (Atos 16:31). A ordem de fazer discípulos foi executada por eles e deveria ser iniciada na vida do carcereiro PRIMEIRO PARA OS SEUS.

Jesus também nos deixou exemplo ao libertar o endemoninhado geraseno. Vendo-se livre da furiosa casta de demônios, aquele homem estava profundamente grato e o seu desejo era o de seguir o Mestre onde quer que Ele fosse. Mas Jesus lhe deu a seguinte ordem: “Volta PARA CASA e conta AOS TEUS tudo o que Deus fez por ti” (Lucas 8:39). Compreendem, amados? Por melhores que sejam as nossas intenções em servir ao SENHOR, Ele nos deixou uma ordem expressa de que o discipulado deve começar em nosso lar. O carcereiro não obrigou sua família a aceitar o mesmo evangelho, mas a mudança que ele permitiu que Deus fizesse em sua vida foi o que levou toda a sua casa a fazer a mesma escolha. Talvez você esteja esperando que um grande prodígio aconteça para que sua família tome uma decisão ao lado do SENHOR, mas o maior milagre pode acontecer da forma mais simples e inimaginável: através do que Jesus já fez em você. Por isso, ore, confie, obedeça ao SENHOR e ame-O acima de todas as coisas: TEMA A DEUS. O resultado disto? “Serás salvo, tu e tua casa”!

Bom dia, salvos em Jesus Cristo!

Desafio do dia: Compartilhe conosco o que você aprendeu no Salmo de hoje.Deus é… Deus pode… Deus quer isto de mim…

#primeiroDeus #Salmo128

Rosana Garcia Barros




%d blogueiros gostam disto: