Reavivados por Sua Palavra


OBADIAS, Comentado por Rosana Barros by Ivan Barros
16 de dezembro de 2017, 0:30
Filed under: Sem categoria


“Porque o Dia do SENHOR está prestes a vir sobre todas as nações…” (v.15).


Em viagem recente a São Paulo, trafeguei por estradas privatizadas, passando pelos pedágios. E saindo do aeroporto até uma cidade próxima percebi em todo o trajeto estradas impecáveis, muito bem sinalizadas e também vários pontos de “SOS”. Caso alguém enfrentasse alguma dificuldade, poderia fazer uso deste recurso para conseguir ajuda.

Apesar de conter apenas um capítulo, podemos considerar o livro de Obadias como mais um “SOS” de Deus em favor da humanidade. Como mais um sinal do Senhor a dizer para cada um de nós: “Deixa Eu te ajudar”! Há um duelo entre irmãos e entre montes neste livro. Descendentes de Esaú, os edomitas tornaram-se rivais dos israelitas, assim como houve rivalidade entre Esaú e Jacó. Mas todos os crimes e maldades cometidos contra o Seu povo seriam vingados.

Não era propósito do Senhor que Edom fosse destruído, contudo a soberba do seu coração o enganou (v.3). Não havia “em Edom entendimento” (v.7). Não quiseram conhecer o Senhor e não deram ouvidos às palavras de Seus profetas. Olharam com prazer para o dia mau de Israel e deleitaram-se “no dia da sua calamidade” (v.13). A sua maldade tornaria sobre a sua cabeça (v.15).

E, novamente, a Bíblia faz referência a “todas as nações” (v.15) com relação ao dia do juízo final. Conforme as profecias de Daniel e Apocalipse, estamos vivendo no tempo do fim. Crentes e descrentes, todos, muito em breve, terão de enfrentar o grande Dia do SENHOR. E nos últimos dias da história de pecado deste planeta, nos deparamos com multidões sendo enganadas por seguir o próprio coração. Pois está escrito que “enganoso é o coração, mais do que todas as coisas, e desesperadamente corrupto” (Jr 17:9). Isto é, seguir a “voz” do coração é o mesmo que trafegar por estradas perigosas e com sinalizações que ao invés de ajudar, podem causar terríveis acidentes ou até mesmo a morte, e morte eterna.

Mais uma oportunidade é estendida a cada um de nós nas palavras deste pequeno livro. Mais uma vez, Deus deixa claro que há sim diferença entre o santo e o profano, “entre o que serve a Deus e o que não O serve” (Ml 3:18). Em que “monte” você está? No “monte de Esaú” (v.8), que guiado pelo enganoso coração consentiu em fazer guerra contra seu próprio irmão, alegrando-se de seu infortúnio? Ou no “monte Sião” (v.17), buscando conhecer ao Senhor e confiando em Sua justiça?

Naquele Dia, não haverá desculpas para o erro. Todos nós estaremos diante do justo Juiz. “Porque Deus há de trazer a juízo todas as obras, até as que estão escondidas, quer sejam boas, quer sejam más” (Ec 12:14). Portanto, não adianta de nada tentar encobrir, à vista dos homens, o que Deus vê com uma lupa. O último chamado de Deus a cada ser humano pode ser resumido nas palavras de João Batista: “Arrependei-vos, porque está próximo o reino dos céus” (Mt 3:2). Pois “o Deus do céu suscitará um reino que não será jamais destruído” (Dn 2:44). E é Ele mesmo, o Rei dos reis e Senhor dos senhores, que nos convida: “Vinde a Mim” (Mt 11:28). Qual será a tua resposta?

Aceitemos este convite de amor e não consideremos de menor importância este “pequeno” aviso em forma de livro, “porque o SENHOR o falou” (v.18).

Feliz sábado, “casa de Jacó” (v.17)!

Rosana Garcia Barros

#PrimeiroDeus
#Obadias
#RPSP


Deixe um comentário so far
Deixe um comentário



Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: