Reavivados por Sua Palavra


II CRÔNICAS 3 – COMENTÁRIOS SELECIONADOS by jefersonquimelli
17 de outubro de 2019, 0:05
Filed under: Sem categoria

685 palavras

1 Monte Moriá.O único texto no AT onde o Monte Sião é identificado com o monte Moriá, o lugar onde Deus ordenou Abraão a sacrificar Isaque (Gn 22.2, 14). Bíblia de Estudo NVI Vida.

O sítio do templo tinha um significado de redenção, pois foi ali [a eira de Ornã] que o sacrifício que Davi ofereceu interrompera o castigo divino à cidade de Jerusalém (1Cr 21.18-30) e … foi ali que Abraão levara Isaque para oferecê-lo segundo a ordem de Deus (Gn 22.2; Hb 11.17). Bíblia Shedd.

O lugar onde Abraão deveria sacrificar seu filho Isaque (Gen 22:2). Os samaritanos, por outro lado, acreditavam que isto estava ligado ao monte Gerizim. Andrews Study Bible.

3 côvados, segundo o primitivo padrão. Era igual a 20,5 polegadas era o usado por Ezequiel no templo do qua lteve

6 Parvaim. Um lugar provavelmente localizado na Arábia e famoso por seu fino ouro. Andrews Study Bible.

8 Nove metros de comprimento e nove metros de largura (NVI; ARA: “vinte côvados”). Tinha, também, nove metros de altura (1Rs 6.20), fazendo com que as dimensões do Lugar Santíssimo formassem um cubo perfeito … Na Nova Jerusalém não existe templo (AP 21.22); pelo contrário, a cidade inteira tem a forma de um cubo (Ap 21.16), pois a cidade inteira se torna “o Lugar Santíssimo”. Bíblia de Estudo NVI Vida.

9 pregos de ouro. É improvável, por ser o ouro um metal tão mole, que os pregos fossem feitos dessa substância. É provável que essa quantidade pequena (só 600 g) representasse ouro em folha para dourar as cabeças dos pregos. Bíblia de Estudo NVI Vida.

10 Santo dos Santos. O lugar mais santo do templo, separado do Lugar Santo por um véu (Êx 26.31-37). Nele, somente uma vez por ano, no dia da Expiação, o sumo sacerdote entrava para oferecer um sacrifício por si mesmo e depois o sacrifício pelos pecados do povo. Quando Jesus expirou na cruz, o véu do templo rasgou-se de alto a baixo (Mc 15.38) e desde essa ocasião o pecador tem livre acesso a Deus por intermédio do perfeito Sumo Sacerdote que é Jesus Cristo (Hb 9.27; 10.19-22). Bíblia Shedd.

querubins (ARA; NKJV: “querubim”). Esta palavra hebraica está no plural [o sufixo “im” indica o plural]. Um querub (ou querube) era uma criatura composta geralmente representada com cabeça de leão, asas de águia e corpo humano ou de leão. Andrews Study Bible.

A palavra “querubins” é na verdade incorreta, pois “querubim” já é uma transliteração da forma hebraica plural; portanto, o “s”seria desnecessário. A forma mais correta para o singular seria “quérube” (que, embora exista no português, é praticamente desconhecida). CBASD – Comentário Bíblico Adventista do Sétimo Dia, vol 3, p. 223.

Representações físicas de seres angélicos que, com suas asas estendidas, simbolizavam a glória da presença de Deus. Não poderiam ser vistos pelo povo, e muito menos adorados, pois ficavam dentro do Santo dos Santos. Veja Êx 36.35n. Bíblia Shedd.

11 Vinte côvados. Isto é, o comprimento total das asas dos dois querubins era de 20 côvados. Uma vez que o lugar santíssimo tinha vinte côvados de largura, as asas estendidas dos dois querubins juntos iam de uma parede a outra. Assim, cada querubim ocupava dez côvados, e cada asa tinha cinco côvados. Dessa forma, a asa externa de cada querubim tocava uma das paredes externas do edifício, enquanto a asa interna de ambos se tocavam. CBASD, vol 3, p. 223.

14 véu. Também fazia separação entre os dois aposentos do tabernáculo (Êx 26.31). Portas de madeira também podiam ser fechadas para tampar a abertura (4.22; 1Rs 6.31, 32; v. Mt 27.51; Hb 9.8). Bíblia de Estudo NVI Vida.

O templo de Salomão acompanhava o padrão do tabernáculo de Moisés, mas tinha o dobro das suas dimensões (Êx 26.31-35). … O véu simbolizava a restrição do acesso à presença de Deus, uma restrição eliminada pela obra mediatória da morte de Cristo (Mt 27.51, nota; Hb 9.1-14, nota; 10.11-12, nota). Bíblia de Genebra.

17 Colunas. Seus nomes, Jaquim (“Ele estabelece”) e Boaz (“Ele virá com poder”), simbolizavam a firmeza e o poder, representando o propósito de Deus de ser fiel à Sua Promessa (cf 1Rs 7.21n). Bíblia Shedd.

As consoantes destas duas palavras hebraicas podem ser lidas como uma oração a Deus pela proteção do templo e da dinastia de Salomão: “Que Ele estabeleça a força”. Andrews Study Bible.


Deixe um comentário so far
Deixe um comentário



Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.



%d blogueiros gostam disto: