Reavivados por Sua Palavra


I SAMUEL 24 by jquimelli
29 de junho de 2019, 1:00
Filed under: Sem categoria

Texto bíblico: http://biblia.com.br/novaversaointernacional/1-samuel/1sm-capitulo-24/

Saul, com “três mil homens, escolhidos dentre todo o Israel” (v. 2) veio procurando por Davi. Precisando se aliviar, Saul entrou sozinho dentro da mesma caverna onde Davi estava escondido, tirou o manto, e colocou-o ao lado. Alguns de seus homens sussurraram para Davi: “Agora é a sua chance! O Senhor colocou Saul em suas mãos!”

Davi, então, rastejou até onde Saul tinha colocado o seu manto, cortou um canto do manto de Saul e se arrastou de volta. Davi não fez nenhum mal a Saul e não deixou ninguém fazê-lo. Ele disse: “O Senhor me guarde de que eu faça tal coisa ao meu senhor, […] o ungido do Senhor” (v. 6).

Se Davi tivesse matado Saul, ele teria agido como o próprio rei Saul estava agindo. Mas ele confiava o seu caso ao Senhor, que lhe havia prometido o trono de Israel. Ele iria esperar o tempo de Deus. Ele conhecia a promessa de Deus: “A Mim pertence a vingança e a retribuição” (Dt 32: 35 NVI). Ao confiar e esperar em Deus, Davi mostrou o Espírito de Cristo, quando disse: “Amai os vossos inimigos e orai pelos que vos perseguem” (Mat. 5:44).

Ralph Neall
Professor e missionário aposentado

Fonte: https://www.revivalandreformation.org/?id=506
Equipe de tradução: Pr. Jobson Santos, Jeferson e Gisele Quimelli



1 SAMUEL 24 – VÍDEO COMENTÁRIO PR. ADOLFO SUÁREZ by Maria Eduarda
29 de junho de 2019, 0:55
Filed under: Sem categoria



I SAMUEL 24 – COMENTÁRIOS PR. HEBER TOTH ARMÍ  by Maria Eduarda
29 de junho de 2019, 0:45
Filed under: Sem categoria

Aprender a confiar tudo a Deus trará experiências das mais marcantes e impactantes.

“A rejeição do Espírito de Deus torna a pessoa vulnerável aos males do orgulho, ciúme e inveja. Mas aqueles que permitem que o Espírito Santo lhes controle a vida manifestarão os belos frutos do amor, lealdade, humildade e altruísmo. A confiança em Deus habilitará a enfrentar a vida corajosamente, sabendo que o Senhor peleja por eles” (Rosalie Haffner Lee).

Saul é exemplo de quem rejeitou o Espírito Santo; Davi, em contrapartida, exemplo de quem permitiu ser conduzido pelo Espírito Santo.

Gene Getz faz a seguinte observação: “Medo gera medo! Mas fé gera fé!”, e depois acrescenta: SE VOCÊ QUER…

1. Ser medroso, junte-se a pessoas medrosas.
2. Ser pessimista, junte-se a pessoas pessimistas.
3. Aprender a confiar em Deus, junte-se a pessoas que confiam em Deus.

No capítulo em questão, nota-se um contraste entre o grupo de Davi e o grupo de Saul. Davi liderou seu grupo de homens falidos para cima, e Saul liderou seus soldados para baixo. Cuidado com quem você se alia! Com quem você anda faz toda a diferença em tua vida!

David Tsumura intitula este capítulo assim: “Davi perdoa a vida de Saul em En-Gedi” e, então apresenta estes tópicos:

1. Saul entra na cova (vs. 1-3);
2. Davi corta a ponta do manto de Saul (vs. 4-7);
3. Discurso de Davi (vs. 8-15);
4. Resposta de Saul (vs. 16-22).

Davi teve oportunidade de ouro de matar quem o queria matar. Davi poderia concluir que Deus estava dando-Lhe de bandeja seu inimigo. Contudo, ao ser guiado por Deus, as conclusões vão muito além das opiniões humanas:

• Ainda que Deus nos dê oportunidade de ter o inimigo de bandeja, não o devemos matar.

• Quando temos a maior de todas as oportunidades para fazer mal a quem nos prejudica, devemos exercer o caráter moldado por Deus fazendo o bem a ele.

• Se soubermos usar com nobreza, inteligência e sabedoria divina as oportunidades de perdoar, fazer o bem e tratar com respeito a quem nos persegue, faremos nossos inimigos corarem de vergonha.

“Não permita que o mal vença em sua vida, mas vença o mal com a prática do bem” (Romanos 12:21). Reavivemo-nos! Ore por transformação! – Heber Toth Armí.



1SAMUEL 24 – Comentado por Rosana Barros by Ivan Barros
29 de junho de 2019, 0:30
Filed under: Sem categoria

“Sucedeu, porém, que, depois, sentiu Davi bater-lhe o coração, por ter cortado a orla do manto de Saul” (v.5).

Um tempo de terrível angústia se abateu sobre Davi e seu pequeno exército. Nas profundezas das cavernas encontravam lugar de refúgio da fúria e insistente perseguição de Saul. Foi quando o rei estava sozinho em um desses lugares que aqueles homens enxergaram a oportunidade de matar o seu algoz. Davi, porém, os conteve e, cortando furtivamente “a orla do manto de Saul” (v.4), obteve a prova de que não pretendia tirar a vida do “ungido do Senhor” (v.6).

Aquela atitude, porém, causou um grande aperto no coração de Davi, que, arrependido, saiu da caverna a chamar Saul. De longe, o rei avistou a sua “caça” fazendo-lhe “reverência, com o rosto em terra” (v.8). E comprovado que Davi lhe havia poupado a vida, “chorou Saul em voz alta” (v.16), proferindo palavras de aprovação que devem ter consolado grandemente o coração do aflito fugitivo.

Diante de inimigos e de perseguidores, precisamos confiar, como Davi, na justiça divina: “Seja o Senhor o meu juiz, e julgue entre mim e ti, e veja, e pleiteie a minha causa, e me faça justiça, e me livre da tua mão” (v.15). Notem que mesmo diante das lágrimas e da confissão de Saul, a prudência não permitiu que Davi se achegasse a ele. Davi sabia que a sua luta não era contra Saul, mas contra o espírito maligno que atormentava o rei de Israel. E manter uma distância segura era o melhor a se fazer.

Tentando provar sua bondade, Davi fez algo que lhe doeu no coração. Por vezes, não sabemos ao certo como lidar com situações adversas, e acabamos tomando atitudes que, depois, nos abatem o coração. Mas Deus, em Sua infinita misericórdia, pode transformar os nossos impulsos em oportunidades de reconciliação. Confie na justiça do Senhor e siga o exemplo de Cristo fazendo sempre o bem aos seus inimigos, ainda que não aconteça o retorno desejado. Vigiemos e oremos!

Feliz sábado, homens e mulheres segundo o coração de Deus!

Rosana Garcia Barros

#PrimeiroDeus #1Samuel24 #RPSP

youtube.com/user/nanayuri100


I SAMUEL 24 – COMENTÁRIOS SELECIONADOS by jquimelli
29 de junho de 2019, 0:10
Filed under: Sem categoria

691 palavras

En-Gedi. “Fonte de cabras”. Situado numa região cheia de montanhas e cavernas, na costa ocidental do Mar Morto, é celebre por suas vinhas (Ct 1:14) e bálsamo. Bíblia Shedd.

Este capítulo deveria começar com o v. 29 do anterior, como no texto hebraico atual. En-Gedi é um belo oásis às margens do Mar Morto, na abertura do Wadi el-Kelb, um cânion tortuoso e íngreme que começa cerca de 13 km antes, no alvo deserto calcário de En-Gedi até uma elevação de aproximados 370 m acima do nível do mar. Nesta pequeno distância, o leito do wadi desce de 760 m até chegar ao nível do Mar Morto, a 398 m abaixo do nível do mar. CBASD – Comentário Bíblico Adventista do Sétimo Dia, vol. 2, p. 611.

4 Eis que te entrego nas mãos o teu inimigo. Não há registro prévio da revelação divina aqui mencionada pelos homens de Davi. Talvez fosse interpretação deles da unção de Davi para ungir Saul (v.16.13, 14), ou da garantia dada a Davi de que sobreviveria à perseguição de Saul contra ele e acabaria se tornando rei (v. 20.14, 15; 23.17). Bíblia de Estudo NVI Vida.

Sem dúvida, os homens de Davi reconheceram o rei tanto por suas roupas quanto pela aparência. Embora não se tenha registro de que o inimigo de Davi seria entregue em suas mãos, o que os homens disseram poderia ser verdade.  A oportunidade veio como um teste para Davi, para capacitá-lo a exibir as características que desenvolvera. Se, nessa ocasião, ele tivesse matado Saul, haveria mostrado que, pelo menos em um aspecto, não era melhor que ele, que em situações contrárias, teria prazer de eliminar Davi. CBASD, vol. 2, p. 612.

Sentiu Davi bater-lhe o coração. Ou seja, sua consciência o acusou. … A consciência só é um sua seguro se for iluminada pela luz que vem do Céu. CBASD, vol. 2, p. 612.

Conteve seus homens. …o único caminho para o sucesso verdadeiro é esperar pelo tempo de Deus. CBASD, vol. 2, p. 613.

8 Fez-lhe reverência, com o rosto em terra. Ninguém ficaria mais feliz do que Davi se Saul crucificasse o egoísmo e humilhasse o coração diante de Deus. Na sinceridade de sua alma, Davi provavelmente ansiava que Saul desfrutasse a mesma comunhão com o Senhor que ele tinha. Portanto, sua reverência não foi mera formalidade. CBASD, vol. 2, p. 613.

Palavras dos homens. Assim como Saul, muitos líderes tem o seu redor a companhia de pessoas que estão com ele por causa dos pães e dos peixes. A segurança de sua posição depende do amparo que podem dar ao líder no poder. Se ocorrer uma mudança de administração, perdem o apoio. CBASD, vol. 2, p. 613.

10 Que eu te matasse. Leitores superficiais das Escrituras pensam que existe um contraste entre a filosofia “olho por olho” de determinadas passagens do AT e a filosofia do amor dos escritos do NT. Neste texto, porém, séculos antes de Cristo, as ações de Davi ilustram o mesmo espírito ensinado por Jesus nas bem-aventuranças (Mt 5:11). CBASD, vol. 2, p. 614.

11 meu pai. Saul era sogro de Davi (v. 18.27). Bíblia de Estudo NVI Vida.

12 Julgue o Senhor. O rei podia falar apenas em termos de conquistas físicas e, quando Davi se referiu à questão dAquele que ungira Saul, o rei soube que precisava reconhecer a própria culpa. A resposta de Saul foi voluntária, assim como a de Judas quando devolveu o suborno que tanto cobiçara (Mt 27:3-5). Assim será no dia do juízo. Quando a inocência de Cristo e o sacrifício eterno ficarem evidentes diante das hostes d todas as eras reunidas, todo joelho se dobrará e toda língua confessará a perfeição de Seu caráter (Fp 2:10, 11). CBASD, vol. 2, p. 614.

14 A uma pulga. A declaração é uma manifestação evidente da humildade de Davi. CBASD, vol. 2, p. 614.

16-19 Os meios que utilizamos para alcançar nossos objetivos são tão importantes quento os próprios objetivos. Life Application Study Bible Kingsway.

21 Não eliminarás a minha descendência. Era costume do rei vencedor eliminar os descendentes do rei deposto. Bíblia Shedd.

Davi cumpriu sua promessa – ele nunca se vingou sobre a família de Saul ou de seus descendentes. Life Application Study Bible Kingsway.

22 fortaleza. Lugar inacessível. Davi, com base na sua experiência prévia, não tinha a mínima confiança nas palavras de arrependimento de Saul. Bíblia de Estudo NVI Vida.



1 SAMUEL 24 – VÍDEO COMENTÁRIO PR. RONALDO DE OLIVEIRA by Maria Eduarda
29 de junho de 2019, 0:10
Filed under: Sem categoria



I SAMUEL 23 by jquimelli
28 de junho de 2019, 1:00
Filed under: Sem categoria

Texto bíblico: http://biblia.com.br/novaversaointernacional/1-samuel/1sm-capitulo-23/

Nosso Pai Celestial é um amigo compassivo e misericordioso. 1 Samuel 23:4 nos mostra como Deus nos compreende mesmo em nossos momentos de dúvida e medo.

“Davi consultou ao Senhor novamente.” Depois de já terem recebido uma resposta direta do Senhor, os homens de Davi tiveram medo de fazer o que Ele instruiu. Mesmo assim, “O Senhor respondeu-lhe e disse: “Levante-se … vá à cidade de Queila, pois estou entregando os filisteus em suas mãos.” (1Sm 23:4 NVI). Apesar da dúvida, o Senhor garantiu que Ele estaria com eles ao enfrentar o inimigo.

Mesmo nos momentos em que nos falta a coragem, o nosso Deus compreende o nosso sentimento e nos encoraja a avançar em fé, confiando na Sua força. Não importa as inseguranças que temos ou os medos que surjam dentro de nós, não importa quão grande o inimigo possa parecer ou quão inadequado possamos nos sentir, tudo o que Deus nos pede é “Levante-se, vá”. Ele nos livrará, Ele nos salvará e nos usará de maneiras poderosas, desde que estejamos dispostos a seguir aonde Ele nos conduzir.

Jessica Jimenez
Tesoureira da Igreja, Líder de Adoração, Coordenadora de Evangelismo, Ex-Aluna
Centro REACH para Evangelismo Urbano
Filadélfia, Pensilvania, EUA

Fonte: https://www.revivalandreformation.org/?id=505
Equipe de tradução: Pr. Jobson Santos, Jeferson e Gisele Quimelli




%d blogueiros gostam disto: