Reavivados por Sua Palavra


I SAMUEL 23 by jquimelli
28 de junho de 2019, 1:00
Filed under: Sem categoria

Texto bíblico: http://biblia.com.br/novaversaointernacional/1-samuel/1sm-capitulo-23/

Nosso Pai Celestial é um amigo compassivo e misericordioso. 1 Samuel 23:4 nos mostra como Deus nos compreende mesmo em nossos momentos de dúvida e medo.

“Davi consultou ao Senhor novamente.” Depois de já terem recebido uma resposta direta do Senhor, os homens de Davi tiveram medo de fazer o que Ele instruiu. Mesmo assim, “O Senhor respondeu-lhe e disse: “Levante-se … vá à cidade de Queila, pois estou entregando os filisteus em suas mãos.” (1Sm 23:4 NVI). Apesar da dúvida, o Senhor garantiu que Ele estaria com eles ao enfrentar o inimigo.

Mesmo nos momentos em que nos falta a coragem, o nosso Deus compreende o nosso sentimento e nos encoraja a avançar em fé, confiando na Sua força. Não importa as inseguranças que temos ou os medos que surjam dentro de nós, não importa quão grande o inimigo possa parecer ou quão inadequado possamos nos sentir, tudo o que Deus nos pede é “Levante-se, vá”. Ele nos livrará, Ele nos salvará e nos usará de maneiras poderosas, desde que estejamos dispostos a seguir aonde Ele nos conduzir.

Jessica Jimenez
Tesoureira da Igreja, Líder de Adoração, Coordenadora de Evangelismo, Ex-Aluna
Centro REACH para Evangelismo Urbano
Filadélfia, Pensilvania, EUA

Fonte: https://www.revivalandreformation.org/?id=505
Equipe de tradução: Pr. Jobson Santos, Jeferson e Gisele Quimelli



1 SAMUEL 23 – VÍDEO COMENTÁRIO PR. ADOLFO SUÁREZ by Maria Eduarda
28 de junho de 2019, 0:55
Filed under: Sem categoria



I SAMUEL 23 – COMENTÁRIO PR. HEBER TOTH ARMÍ  by Maria Eduarda
28 de junho de 2019, 0:45
Filed under: Sem categoria

Nossas fraquezas são fortalecidas ao permitirmos que Deus trabalhe em nossa existência. Para Deus as consequências de nossos erros podem ser pedagógicas para ajudar-nos a crescer, amadurecer e desenvolver na fé, na confiança e no relacionamento com Ele.

O foco do rei Saul era incorreto. Como rei ele estava intentando destruir seus súditos. Sendo assim, os verdadeiros inimigos filisteus sentiam-se livres para invadir cidades do povo de Deus (vs. 1, 27).

• Governos focados em alvos errados é uma tremenda decepção, deixam muito a desejar à população!

O foco de Davi era Deus, sua oração consultando-o revela submissão. A busca por orientação sobre se devia defender Queila dos filisteus produziu questionamentos entre seus projetos de soldados. Davi não hesitou orientar-se novamente com Deus. Desta forma, saiu vitorioso (vs. 2-6).

• A oração é o meio de comunicação que aproxima-nos do Deus que conhece cada problema e conhece a solução para todos eles. Portanto, quem ora experimenta indescritíveis vitórias!

Ao tentar capturar Davi na cidade murada, o intento estratégico de Saul falhou. Por quê? Seu alvo era um homem de oração (vs. 7-14).

• “A súplica penetra a ralé dos assuntos da terra e do homem no que mais têm de decadentes e apropria-se da ordem soberana de Deus. É por isso que a chamamos de ‘a oração que faz contrato com Deus’ […]. Provavelmente verdade alguma é tão exigente quanto a oração” (Jack W. Hayford).

Deus nos surpreende fazendo que Jônatas, filho de Saul fizesse aliança com Davi. Inacreditável! Mas nada fez com que o rei Saul desistisse de destruir àquele que fora ungido para reinar em seu lugar. Afastado de Deus, Saul cria que Deus estava do seu lado e que Davi era astutíssimo/espertíssimo (vs. 15-29). A falta de oração e consagração de Saul impediu-o ter visão clara da realidade espiritual.

• Quem não tem experiência com a oração julga os resultados da oração na vida dos outros como esperteza.

Davi aprendeu e estava amadurecendo espiritualmente depois de sua loucura na terra dos filisteus. É necessário que amadureçamos também. “A fim de evitar o desânimo que pode vir quando falhamos em fazer que algo aconteça mediante a oração, devemos procurar crescer nos caminhos divinos” (Hayford).

Ao orar somos revigorados para glorificar a Deus! Reavivemo-nos! – Heber Toth Armí.



1SAMUEL 23 – Comentado por Rosana Barros by Ivan Barros
28 de junho de 2019, 0:30
Filed under: Sem categoria

“Pelo que Saul desistiu de perseguir a Davi e se foi contra os filisteus. Por esta razão, aquele lugar se chamou Pedra de Escape” (v.28).

Antes de tomar qualquer decisão, Davi consultava ao Senhor. Ele permaneceu “no deserto, nos lugares seguros”, e “Saul buscava-o todos os dias, porém Deus não o entregou nas suas mãos” (v.14).

Entre uma perseguição e outra, Davi teve a chance de rever o amigo que pensou que não veria mais. Jônatas apareceu num dos esconderijos de Davi e “lhe fortaleceu a confiança em Deus” (v.16), enquanto Saul colocou em risco o seu povo, pois “os filisteus invadiram a terra” (v.27). E aquele lugar em “que Saul desistiu de perseguir a Davi” (v.28), ficou conhecido como Pedra de Escape.

O Salmo 37 revela bem a confiança que Davi tinha no Senhor: “Entrega o teu caminho ao Senhor, confia nEle, e o mais Ele fará” (Sl.37:5). Deus ajuda e livra todos os que confiam em Sua justiça, “livra-os dos ímpios e os salva, porque nEle buscam refúgio” (Sl.37:40). Antes de buscar refúgio em qualquer lugar da terra, Davi buscava nos braços do Senhor. Percebam que Saul, em sua insanidade, cogitou ser plano divino cerrar Davi “numa cidade de portas e ferrolhos” (v.7) a fim de capturá-lo. Sobre esta atitude,o apóstolo Paulo escreveu: “No tocante a Deus, professam conhecê-lO; entretanto, O negam por suas obras; é por isso que são abomináveis, desobedientes e reprovados para toda boa obra” (Tt.1:16).

Creio que num momento de maior necessidade foi que Deus enviou Jônatas até Davi. Como é maravilhoso ter um amigo em quem se pode confiar. Deus muito se alegra com amizades como esta. Contudo, ainda que não tenhamos um amigo assim, Jesus nos diz: “Vinde a Mim” (Mt.11:28). Antes de falar com qualquer pessoa, Davi falava com Deus. Como o Senhor almeja que façamos o mesmo! Ele deseja fortalecer a nossa confiança nEle e estabelecer uma amizade cujos laços sejam fortalecidos à cada experiência diária. “Assim diz o Senhor, o teu Redentor, o Santo de Israel: Eu sou o Senhor, o teu Deus, que te ensina o que é útil e te guia pelo caminho em que deves andar” (Is.48:17).

Eis o que diz o Conselho Inspirado: “Em vos converterdes e em sossegardes, está a vossa salvação; na tranquilidade e na confiança, a vossa força” (Is.30:15). Por mais que fosse difícil enfrentar a perseguição de Saul, Davi podia vislumbrar o cuidado de Deus em cada livramento. Mesmo que surjam situações em nossa vida que nos coloquem em um beco sem saída, o Senhor está disposto a transformar o intransponível em Pedra de Escape. Todo aquele que aprende a “consultar o Senhor” (v.4) através de uma vida de intimidade com Ele, no estudo de Sua Palavra e na oração, jamais será deixado às escuras. Seja esta a minha e a sua oração: “Lembra-te, Senhor, a favor de [Rosana], de todas as suas provações” (Sl.132:1).

Vigiemos e oremos!

Bom dia, os que confiam no Senhor!

Rosana Garcia Barros

#PrimeiroDeus #1Samuel23 #RPSP

youtube.com/user/nanayuri100



1 SAMUEL 23 – VÍDEO COMENTÁRIO PR. RONALDO DE OLIVEIRA by Maria Eduarda
28 de junho de 2019, 0:05
Filed under: Sem categoria



I SAMUEL 23 – COMENTÁRIOS SELECIONADOS by jquimelli
28 de junho de 2019, 0:05
Filed under: Sem categoria

308 palavras

eiras [pátios de debulha e estocagem do cereal]. Os filisteus programaram suas investidas sobre Israel para exatamente após a colheita, para roubar o cereal colhido. Comparar com Jz 6:3-11. Andrews Study Bible.

Davi salvou os moradores de Queila. Eis a razão da ordem de Gade a Davi para que voltasse a Judá (22.5). Bíblia Shedd.

12 Entregarão. Os habitantes de Queila, cientes da matança dos sacerdotes em Nobe (22.18-19), entregariam Davi a Saul para não sofrerem o mesmo destino. Bíblia Shedd.

14 deserto de Zife. Localizado ao sul de Hebrom. Andrews Study Bible.

17 reinarás sobre Israel. Jônatas veio encorajar a Davi e para reafirmar seu apoio à sua liderança futura. Estas são as últimas palavras registradas de Jônatas. Andrews Study Bible.

Ficava … nas proximidades do Mar Morto, uma região montanhosa e inóspita. Bíblia Shedd.

20 toca-nos a nós entregarmo-lo nas mãos do rei. Os [israelitas] zifeus agiam motivados por cálculos políticos e imediatistas. Bíblia Shedd.

23 buscá-lo-ei entre todos os milhares de Judá. Pensamento paralelo ao que se refere a Cristo (Mq 5.2). Bíblia Shedd.

24 Davi e seus homens estavam no deserto de Maom. Davi se moveu ainda mais ao sul ao longo do Mar Morto. Andrews Study Bible.

26 Saul e seus homens cercaram Davi. Os homens de Saul rodearam o monte mais depressa e surpreenderam a Davi pela frente. O choque era inevitável. Bíblia Shedd.

27 os filisteus invadiram a terra. Deus enviou um socorro a Davi, mediante o ataque inesperado dos filisteus, o que obrigou os homens de Saul a se desviarem para outra frente. Bíblia Shedd.

28 Pedra de Escape [NVI: Selá-Hamalecote]. “Pedra de Separação”. Deus separou os dois exércitos, prontos a se chocarem, por um terceiro – o dos filisteus. Bíblia Shedd.

Nomes na Bíblia muitas vezes comemoram importantes eventos das vidas das pessoas. Andrews Study Bible.

29 En-Gedi. O nome significa “fonte das cabras selvagens”. Um oásis conhecido por seus vinhedos (Ct 1:14). Andrews Study Bible.




%d blogueiros gostam disto: