Reavivados por Sua Palavra


JOÃO 19
24 de julho de 2021, 0:55
Filed under: Sem categoria

Texto bíblico: https://www.bibliaonline.com.br/nvi/jo/19

Carregando a própria cruz. . .

Que imagem! O Criador das galáxias, o Inventor do arco-íris, o Criador do passarinho patola de pés azuis, o próprio Filho de Deus está agora arqueado por estar carregando a pesada cruz de madeira de um criminoso. Suas costas cheias de cicatrizes devido às chicotadas estão curvadas sob o peso dos pecados do mundo, carregando uma cruz que Ele não merece.

Tendo sido o primeiro a carregar a cruz, Ele chama a cada um de nós para seguirmos o Seu exemplo, para tomarmos nossa própria cruz personalizada e segui-Lo (Mt 16:24). Viajar com Cristo em direção ao céu sempre envolve carregarmos a nossa cruz. Ele sempre exige uma crucificação da vontade própria diária, na verdade, a cada momento.

A sua cruz será muito diferente da minha cruz. Aquilo para o qual você é chamado a morrer, pode ser muito diferente do que devo crucificar em minha vida. Ninguém carrega exatamente a mesma cruz, mas cada um de nós, se estivermos sinceramente seguindo a Cristo em nossos pensamentos, sentimentos e comportamentos, morrerá mil mortes por dia. Cristo nos mostrará ternamente o que Ele quer que crucifiquemos, se escutarmos à sua mansa e suave voz.

Se queremos viver eternamente, devemos morrer diariamente. Se não quisermos morrer hoje, significa que depois receberemos a morte eterna.

Pai, batiza-me com o Espírito Santo, a fim de que eu seja capacitado a morrer para o eu e a viver para amar supremamente a Deus e ao próximo.

Lori Engel
Capelã, Eugene, Oregon, EUA

Texto original: https://www.revivalandreformation.org/?id=1262
Tradução: Pr Jobson Santos/Jeferson Quimelli/Gisele Quimelli/Luis Uehara



JOÃO 18
23 de julho de 2021, 0:55
Filed under: Sem categoria

Texto bíblico: https://www.bibliaonline.com.br/nvi/jo/18

O que é a verdade?

Hoje, a pergunta cínica de Pilatos corre solta em todo o mundo. A verdade objetiva não é mais vista como desejável ou mesmo possível. Pelo contrário, a verdade é definida como aquilo que funciona para qualquer indivíduo em particular. Valores que antes eram valorizados têm sido considerados antiquados. Não mais ancorada firmemente à âncoras espirituais ou éticas, a cultura está à deriva nas ondas do relativismo.

No meio desse caos, Jesus ainda insiste que Ele é a Verdade encarnada – a verdade sobre o coração de Deus, a verdade sobre a natureza humana e a verdade sobre a vida eterna. Ele insiste que, se você quer descobrir a verdade, deve ouvi-lo. Ouvir atentamente a Cristo demonstra que você está do lado da verdade.

Nem sempre é fácil ouvir a Cristo. Você ouvirá verdades essenciais que lhe atingem no âmago da alma e viram seu mundo de cabeça para baixo. Você O ouvirá pedindo-lhe para abrir mão de falsas crenças e comportamentos que lhe trouxeram segurança e conforto. O eu será crucificado e nascerá de novo. Ouvir a Cristo sempre envolve investigar os motivos do coração.

No entanto, se você ouvir e se render à verdade, você a reconhecerá e será reconhecido por Aquele que é a Verdade, quando estiver diante dEle.

Lori Engel
Capelã, Eugene, Oregon, EUA

Texto original: https://www.revivalandreformation.org/?id=1261
Tradução: Pr Jobson Santos/Jeferson Quimelli/Gisele Quimelli/Luis Uehara



JOÃO 16
21 de julho de 2021, 0:55
Filed under: Sem categoria

Texto bíblico: https://www.bibliaonline.com.br/nvi/jo/16

“Eu não os chamo mais de servos, mas de amigos.”

Que honra ser um servo – até mesmo um escravo – do Deus vivo! O apóstolo Paulo se deleitava com esse privilégio – até mesmo se gabava dele! Seremos servos de alguém bondoso! Servir a Deus é mais do que maravilhoso. Como disse o poeta:

“Há uma amplitude na misericórdia de Deus como a amplitude do mar;
Há uma bondade em sua justiça que é mais do que liberdade.
Pois o amor de Deus é mais amplo do que a medida da mente do homem;
E o coração do Eterno é maravilhosamente bondoso. ” Frederick Faber

Mesmo assim, Jesus reconheceu um elemento de servidão que Ele queria transpor – o da comunicação e compreensão, ou a falta dela. Ele quer que Seus discípulos saibam o que Ele está fazendo, se preocupem com Sua causa! Ele nos convida a entrar em Seu círculo íntimo, Seu grande coração de amor, revelando-nos o Pai. “Se você me viu”, disse Ele, “você viu o Pai”.

É esse conhecimento que nos introduz naquela vida eterna que começa aqui e agora. E a única maneira de tornar a eternidade mais longa ou o infinito maior é começar mais cedo.

Virginia Davidson
Artista – projetista e construtora de vitrais,
Igreja Adventista do Sétimo Dia de Spokane Valley, Washington, EUA

Texto original: https://www.revivalandreformation.org/?id=1259
Tradução: Pr Jobson Santos/Jeferson Quimelli/Gisele Quimelli/Luis Uehara



JOÃO 15
20 de julho de 2021, 0:55
Filed under: Sem categoria

Texto bíblico: https://www.bibliaonline.com.br/nvi/jo/15

Jesus sabia que Seu tempo na terra estava chegando ao fim. Enquanto abria o coração aos discípulos, ele decidiu usar a parábola da videira e dos ramos para descrever seu relacionamento com seus seguidores. Jesus já tinha introduzido esse tema a respeito da interconexão. Em João 14:20 Ele disse: “Naquele dia compreenderão que estou em meu Pai, vocês em mim, e eu em vocês.” João 14:20, NVI.

João 15 expande esse tema. Jesus lembra a seus discípulos que Ele é a fonte de toda a vida e se eles desejam dar frutos na vida cristã, precisam permanecer nEle. Deus, o Pai, é descrito como o jardineiro. Ele estabelece nossa conexão consigo mesmo e com Jesus por meio do Espírito Santo (ver contexto dos capítulos 14-16). Então Jesus nos ordena permanecermos nele. Ou, como diz a NVI, “Permaneça em mim e eu permanecerei em vocês”. Jesus sabia que a vida sem ele estar presente pessoalmente seria um desafio para seus discípulos. Ele queria implantar em suas mentes e corações a importância de ter essa conexão viva e contínua com ele.

Tim Peters, Capelão
Stockton, Califórnia, EUA

Texto original: https://www.revivalandreformation.org/?id=1258
Tradução: Pr Jobson Santos/Jeferson Quimelli/Gisele Quimelli/Luis Uehara



JOÃO 13
18 de julho de 2021, 0:55
Filed under: Sem categoria

Texto bíblico: https://www.bibliaonline.com.br/nvi/jo/13

Desde o ano passado, celebrar a Santa Ceia tornou-se mais difícil devido às restrições e vários protocolos em vigor por causa da pandemia de COVID. Talvez o mais frustrante para alguns membros da igreja tenha sido a necessidade de eliminar o lava-pés da cerimônia. Algumas pessoas preferem dar mais importância às formas e costumes de como a Santa Ceia é realizada, dentro de seu contexto cultural, em vez de valorizar o significado prático, profundo e rico encontrado nos símbolos da cerimônia. Quer estejamos falando sobre o pão, o vinho ou o lava-pés, é fundamental lembrar que esses símbolos não são, em si mesmos, um fim. Em vez disso, eles apontam para algo maior do que nós – ou seja, a pessoa de Jesus Cristo e seu sacrifício por nós.

Será que o exemplo de Jesus em João 13 pretendia apenas ser uma instrução para praticarmos a “humildade” quatro vezes por ano, lavando os pés de um amigo que provavelmente já esteja bem limpo? O símbolo é importante, mas o significado prático pretendido com ele é muito mais importante!

Sejamos pessoas que permitem que os símbolos da Santa Ceia sejam expressos em nossa vida diária, enquanto vivemos seu significado de maneira prática com aqueles que nos rodeiam, e enquanto proclamamos a morte e a ressurreição de Jesus até que Ele volte.

Tye Davis
Pastor, Igreja Adventista de Regensburg, Alemanha

Texto original: https://www.revivalandreformation.org/?id=1256
Tradução: Pr Jobson Santos/Jeferson Quimelli/Gisele Quimelli/Luis Uehara



JOÃO 12
17 de julho de 2021, 0:55
Filed under: Sem categoria

Texto bíblico: https://www.bibliaonline.com.br/nvi/jo/12

A luz da Divindade não conseguia acabar com a escuridão que envolvia alguns corações.

Poucos dias antes de Sua crucificação, Jesus suplicou ao povo judeu de coração duro que aproveitassem a luz que brilhava entre eles. Ninguém precisava permanecer em trevas espirituais se somente entregasse seu coração a Cristo. No entanto, o ciúme e a ambição cegaram muitos corações, mesmo depois que a voz de Deus trovejou do céu.

Muitos colocaram sua fé em Jesus, incluindo alguns gregos. Contudo corações legalistas, imunes ao perfume da graça, conspiraram para matar o Criador.

Alguns líderes secretamente acreditavam nele, mas tinham tanto medo dos fariseus que não seguiram a Cristo publicamente. O medo de perder a aprovação é um vício que nos impede de fazer o que é certo. Na verdade, querer a aprovação dos outros muitas vezes nos leva a sacrificar a nossa alma. Quando vivemos para obter e continuar mantendo a aprovação das pessoas, deixamos de viver para agradar a Deus.

O medo controla você? Em que áreas você está relutante de obedecer a Deus por causa do que as pessoas podem pensar ou fazer? Viver na luz significa dedicar-se para obter a aprovação de Deus, não a aprovação dos outros.

Lori Engel
Capelã, Eugene, Oregon, EUA

Texto original: https://www.revivalandreformation.org/?id=1255
Tradução: Pr Jobson Santos/Jeferson Quimelli/Gisele Quimelli/Luis Uehara



JOÃO 11
16 de julho de 2021, 0:55
Filed under: Sem categoria

Texto bíblico: https://www.bibliaonline.com.br/nvi/jo/11

Jesus já havia ressuscitado duas pessoas dentre os mortos: 1) A filha de Jairo, onde Ele apenas falou uma palavra. 2) O filho da viúva de Naim (Cf. Lc 7:11-16 e Lc 8:40-56). Mas neste capítulo, Jesus espera até que Lázaro esteja morto por quatro dias, para que então não houvesse absolutamente nenhuma dúvida de que ele estava morto. Deste modo não haveria dúvida de que Jesus é a Ressurreição e a Vida.

Isso se refere não apenas a ressuscitar os mortos físicos, mas também a dar vida aos que estão espiritualmente mortos. Jesus tem vida em Si mesmo! E por meio dEle podemos ter uma experiência de uma “nova vida”. Você pode sentir que está preso em uma tumba espiritual por quatro dias ou quarenta anos, mas o seu Salvador da Ressurreição e Doador da vida não se esqueceu de você! Ele te ama! Deixe-O vencer suas batalhas espirituais e dar-lhe uma vida renovada. Ele morreu na cruz por você e ressuscitou no terceiro dia. Então, pela fé, abra o sepulcro do seu coração hoje para este Grande Médico e receba a VIDA em abundância!

Christopher Bullock
Harrison, Tennessee

Texto original: https://www.revivalandreformation.org/?id=1254
Tradução: Pr Jobson Santos/Jeferson Quimelli/Gisele Quimelli/Luis Uehara



JOÃO 9
14 de julho de 2021, 0:55
Filed under: Sem categoria

Texto bíblico: https://www.bibliaonline.com.br/nvi/jo/9

“Mestre, quem pecou – este homem, ou seus pais, para que nascesse cego?”

Os discípulos refletiram o mal-entendido comum da época, que toda dificuldade ou doença era punição por pecados específicos. Jesus respondeu que a condição do homem não fora causada pelo pecado, mas que a glória de Deus seria revelada nele.

Essa mensagem me coloca no trilho certo toda vez que começo aquele joguinho de culpar alguém – esteja eu julgando outra pessoa ou me martirizando por causa de algo que deu errado. “Jesus disse: “Nem ele nem seus pais pecaram, mas isto aconteceu para que a obra de Deus se manifestasse na vida dele.” João 9:3, NVI

Que perspectiva revigorante! A obra de Deus no mundo é consertar as coisas – e as pessoas também. Quando alinhados com Deus, estamos em um lugar onde podemos crescer. Permanecendo em um relacionamento correto com Ele, cresceremos e nos tornaremos tudo o que pudermos ser!

Também é verdade que não há nenhuma virtude em sacrificar-se ao ponto do auto-abuso. É correto afastar-se do perigo, responsabilizar o transgressor – até mesmo quando nos libertamos da “vingança” e já perdoamos.

Em vez disso, concentre-se no Cordeiro de Deus que tem a solução para tudo!

Virginia Davidson
Artista – projetista e construtora de vitrais,
Igreja Adventista do Sétimo Dia de Spokane Valley, Washington, EUA

Texto original: https://www.revivalandreformation.org/?id=1252
Tradução: Pr Jobson Santos/Jeferson Quimelli/Gisele Quimelli/Luis Uehara



JOÃO 7
12 de julho de 2021, 0:55
Filed under: Sem categoria

Texto bíblico: https://www.bibliaonline.com.br/nvi/jo/7

Do mesmo modo que os irmãos de Jesus, que queriam que Ele saísse da Galiléia e fosse para a Judéia mostrar o que Ele poderia fazer, há momentos em que parecemos mais interessados nas boas obras de nossa igreja. Falamos de nossas grandes reuniões evangelísticas, nossos numerosos hospitais e universidades e outras grandes coisas que fazemos. Devemos ser gratos por essas coisas. No entanto, nossa motivação deve ser sempre representar e glorificar a Deus por meio do que fazemos, e não glorificar a nós mesmos. Precisamos ser obedientes à Sua Palavra e estar preparados para aproveitar as oportunidades que Ele oferece.

Jesus deixou-nos Seu exemplo: “Fugindo à agitação e confusão da cidade, às turbas ansiosas e aos traiçoeiros rabis, Jesus desviou-Se para o sossego dos bosques das oliveiras, onde podia estar a sós com Deus” (A Ciência do Bom Viver, p 86).

Precisamos passar mais tempo em silêncio com Jesus a partir de hoje, pois é nesses momentos de solidão e comunhão com Ele que recebemos a promessa e o poder do Espírito Santo para permanecermos ativos e fiéis até o dia de Sua vinda.

Willie Oliver
Diretor do Departamento do Ministério da Família
Conferência Geral da Igreja Adventista

Texto original: https://www.revivalandreformation.org/?id=1250
Tradução: Pr Jobson Santos/Jeferson Quimelli/Gisele Quimelli/Luis Uehara



JOÃO 5
10 de julho de 2021, 0:55
Filed under: Sem categoria

Texto bíblico: https://www.bibliaonline.com.br/nvi/jo/5

O homem aleijado em João 5, além de enfrentar os desafios de suas doenças físicas, teve que enfrentar o desprezo público de ser alguém considerado desfavorecido por Deus. A única esperança que este homem tinha de vir a estar pleno novamente estava baseada no mito dos poderes de cura que se apresentavam de vez em quando no Tanque de Betesda – a Casa do Derramamento da Bênção.

Mas por anos suas esperanças de cura foram destruídas por causa de sua incapacidade de entrar na água com rapidez suficiente quando a suposta cura aparecia. Então veio Jesus fazendo uma pergunta aparentemente: “Você quer ser curado?”

Muitos acham que a fé é exigida antes que Jesus possa operar um milagre em suas vidas. Mas este homem perdera a fé. Ele nem mesmo diz “sim” para expressar o desejo de ser curado; ele apenas lamenta sua realidade pessoal de que a cura está fora de seu alcance.

Naquele momento, Jesus revela sua própria realidade e torna o homem são, apesar de uma total falta de fé. Cada um de nós precisa dessa cura plena e Jesus já a derramou por nós.

Deus, dá-nos coragem para agirmos em harmonia com a cura já derramada sobre nós, como o homem aleijado fez no tanque de Betesda.

Tye Davis
Pastor, Igreja Adventista de Regensburg, Alemanha

Texto original: https://www.revivalandreformation.org/?id=1248
Tradução: Pr Jobson Santos/Jeferson Quimelli/Gisele Quimelli/Luis Uehara




%d blogueiros gostam disto: