Reavivados por Sua Palavra


Comentário semanal Pr Valdeci by jquimelli
10 de abril de 2016, 23:46
Filed under: Sem categoria



II Samuel 7 by jquimelli
10 de abril de 2016, 1:00
Filed under: Sem categoria

Comentário devocional:

O Senhor, através de Natã, promete a Davi um trono eterno, estabelecendo-o firmemente ao lado do trono de Deus no Céu. Por esta promessa, Deus não estava sendo seletivo. Não houve favoritismo aqui. Entre os descendentes de Davi estaria o Prometido e, por meio dele, viria o tempo em que Israel teria descanso de todos os seus inimigos (v. 11). Esta promessa de descanso eterno nos inclui (Israel espiritual) e está disponível a nós através da morte de Jesus Cristo.

Deus prometeu que, mesmo após a morte de Davi, Ele levantaria uma descendência (espiritual). O Israel espiritual – aqueles que aceitaram a Cristo como Salvador – levarão o legado da Palavra de Deus e, por fim, receberão um lugar no Reino de Cristo, quando todos reinarão juntos com Ele (v. 13-16)

Querido Deus,
Obrigado porque todos na terra, independente de raça, cor ou sangue, tem a chance de se tornar Teus filhos, sentarem-se em um trono para sempre com Cristo no Céu e receber bênçãos em adoração diante de Ti. Queremos fazer parte da Sua família espiritual, que começou com Adão e se estenderá até a Segunda Vinda de Cristo. Amém.

 

Koot van Wyk
Kyungpook National University
Sangju, Coréia do Sul

 

Também disponível em: http://www.revivalandreformation.org/bhp/pt/biblia/2sa/7 e https://www.facebook.com/ReavivadosPorSuaPalavra
Texto original: http://www.revivalandreformation.org/bhp/en/bible/2sa/7 e http://revivedbyhisword.org/en/bible/2sa/7/
Texto traduzido anterior: https://reavivadosporsuapalavra.org/2013/01/14/
Tradução: Jeferson Quimelli/Pr Jobson Santos/Gisele Quimelli
Texto bíblico: II Samuel 7
Comentário em áudio
Leituras da semana programa Crede em Seus Profetas: Patriarcas e Profetas, cap. 20



II Samuel 7- Comentário Pr Heber Toth Armí by jquimelli
10 de abril de 2016, 0:45
Filed under: Sem categoria

II SAMUEL 7 – Ideias pré-concebidas impedem-nos compreender e interpretar corretamente à Palavra de Deus. Julgamos-la equivocadamente e, consequentemente, acabamos condenando instrumentos enviados por Deus para abençoar-nos.

Reflita: Um profeta falha? Ele volta atrás em suas declarações? Biblicamente, a resposta é afirmativa!

• O profeta Natã, confraternizando com Davi, ouviu os planos do rei de construir um templo ao Rei do Universo; então, concordou e incentivou-o a concretizar o desejo de seu coração. Entretanto, após uma audiência com Deus, Natã voltou atrás em suas palavras (vs. 1-17).

O “não” de Deus limita o ser humano? Quando Deus não quer nossos planos, inevitavelmente ficamos chateados, revoltados e abandonamos a Deus? Na Bíblia, Davi é um exemplo de alguém que se alegra quando recebe um “não” diante de suas nobres aspirações!

• Davi aceitou humildemente a reação negativa de Deus quanto a suas motivações positivas. Tal atitude diante do impedimento de planos para Deus pelo próprio Deus deve caracterizar cada súdito/servo do Rei do Universo (vs. 18-29).

“Davi estava decepcionado por que Deus não lhe permitira construir a casa do Senhor? Talvez. No entanto, para ele”, analisa Warren W. Wiersbe, “não era importante quem construiria a casa do Senhor, mas que a vontade de Deus se cumprisse e que o nome do Senhor fosse glorificado”.

• Por isso, o reino de Davi seria eterno (v. 16) – em vez de limitar, o “não” de Deus expande nossos planos!

“Quase nenhum (ou mesmo nenhum) texto gera tantas opiniões exegéticas e reações canônicas como 2Samuel 6 e 7. Dois eventos dominam a passagem. Primeiro, Davi leva a arca a Jerusalém, assim fazendo da cidade o centro da adoração israelita (6.1-23). Segundo, o rei deseja erigir um templo para abrigar a arca e lhe é negado o direito de fazê-lo, mas em compensação, lhe é oferecido um reino eterno (7.1-17). Compreensivelmente Davi fica surpreso com esse desdobrar dos acontecimentos e declara sua gratidão ao Senhor (7.18-29)” – conclui Paul R. House.

Medite…

1. Tua preocupação é a vontade de Deus ou a execução de tua própria vontade?
2. Teu real desejo em fazer coisas para Deus é agradá-lO ou querer aparecer diante de pessoas?
3. “A grata resignação, assim manifesta [por Davi], raro se vê, mesmo entre cristãos” (Ellen G. White).

Humilhemo-nos perante Deus! Reavivemo-nos! – Heber Toth Armí.



II Samuel 7 – Comentário Rosana Barros by jquimelli
10 de abril de 2016, 0:40
Filed under: Sem categoria

#rpSp #2Samuel7 – "Porém a tua casa e o teu reino serão firmados para sempre diante de ti; teu trono será estabelecido para sempre" (v. 16).

Davi estava no conforto de sua própria casa e Deus lhe concedeu o descanso de seus inimigos. Só que, de alguma forma, aquela situação aparentemente estável começou a incomodá-lo pelo fato de, enquanto ele morava numa linda construção, a casa de Deus ainda era uma tenda. O profeta Natã aconselha Davi a fazer o que achar melhor, mas esta não era a vontade do SENHOR. E, na mesma noite, Deus falou ao profeta dizendo que não seria Davi quem edificaria casa ao SENHOR, mas o seu descendente o faria. O SENHOR prometeu a Davi que a sua descendência seria perpetuada e que lhe seria como um pai, corrigindo quando fosse necessário (v. 14). Após Natã proferir esta aliança do SENHOR com Davi, Davi entrou na tenda, que até então era a Casa do SENHOR, e proferiu as seguintes palavras: "Quem sou eu, SENHOR Deus, e qual é a minha casa, para que me tenhas trazido até aqui?" (v. 18). Então dá início a um culto particular de ação de graças a Deus. Davi estava maravilhado diante da promessa do SENHOR. Em Sua infinita graça, prometeu jamais se apartar de Davi e de sua descendência para sempre. Que promessa!

Meus amados, imaginem a surpresa de Davi mediante tal promessa. Já lhe era demais o fato de ter sido escolhido para liderar Israel, quanto mais em saber que o próprio Deus se faria seu Pai e de toda a sua descendência. Davi reconheceu a sua condição imerecedora: "Pois Tu conheces bem a teu servo, ó SENHOR Deus" (v. 20). Deus realmente conhecia, e muito além do que ele mesmo. Onde Davi enxergava defeitos, Deus enxergava virtudes. Porque onde Davi caía, Deus com Seu poder o erguia. A diferença estava em reconhecer que caiu e, como Davi clamar: "Compadece-te de mim, ó Deus" (Salmo 51:1)! Quando Cristo andou por sobre as águas e chamou a Pedro para andar também, o discípulo, enquanto fixou seus olhos no Salvador, andava sobre as águas agitadas com pés firmes. Mas quando resolveu volver os olhos para os lados, a imagem do mar bravio o levou ao medo e, afundando, em completo desespero, clamou: "Salva-me, SENHOR!" (Mateus 14:30). E Jesus, prontamente lhe estendeu a mão e o salvou. Não somos também assim? Deus nos promete ajudar, nos promete andar por sobre as águas turbulentas dos problemas. Então, ao invés de fixarmos os olhos no Único capaz de nos sustentar, insistimos em volver nossa atenção para o que nos aflige. Só que grandíssimo é o SENHOR, não há outro semelhante a Ele, não há outro Deus além dEle (v. 22), por isso que ainda estamos neste mundo. Porque as misericórdias do SENHOR se renovam dia após dia (Lamentações 3:22-23) e porque Ele é longânimo, extremamente paciente, não querendo que ninguém pereça, "senão que todos cheguem ao arrependimento" (2 Pedro 3:9). E, "que é o homem para que dele Te lembres? E o filho do homem para que o visites?" (Salmo 8:4). Somos todos pecadores e, portanto, carecedores da glória de Deus (Romanos 3:23). Se dependêssemos de nós mesmos estaríamos completamente perdidos! Mas graças ao SENHOR por Suas promessas, pois cada uma delas são verdade! "Ó SENHOR Deus, Tu mesmo és Deus, e as Tuas palavras são verdade" (v. 28). O SENHOR tem prazer em nos erguer! Ele só espera por uma palavra nossa para poder agir maravilhosamente! E a mesma promessa que Ele fez a Davi, Ele almeja fazer a nós hoje. Por isso que a mesma citação do verso 14, a Bíblia repete por mais três vezes no Novo Testamento (2 Coríntios 6:18; Hebreus 1:5; Apocalipse 21:7). Assim como Deus falou ao coração de Davi, a Bíblia é uma carta de amor do SENHOR para você! E o convite do SENHOR para você hoje é este (oro para que você o aceite):

— Filho, Eu te amo, e quero ser o Teu Pai! Quero estender a Minha bênção sobre ti e tua casa e perpetuar o teu lar! Já estive neste mundo e morri por você. O castigo que você merecia, Eu tomei sobre Mim (Isaías 53:5). Não há mais com o que se preocupar, a não ser Me entregar todos os teus temores, porque Eu prometo cuidar de você (1 Pedro 5:7). As Minhas promessas são reais e verdadeiras, e como as tenho cumprido até hoje, continuarei sendo sempre fiel (2 Timóteo 2:13)! E a Minha maior promessa há de se cumprir, "cabalmente e em breve" (Romanos 9:28). Só espero uma coisa de ti: entrega. Se entrega, filho. Confia e Eu farei o que for preciso para salvá-lo (Salmo 37:5)! Portanto, não entregue o seu coração ao medo, creia em Deus, creia em Mim que dei a vida por você! Porque lá na Casa do Meu Pai, onde Eu estou, tem tantas casas lindas, construídas pelo próprio Deus para o teu deleite! Se isto não fosse verdade, pode ter certeza que Eu não diria nada! Mas, Eu fui na frente para organizar o teu lugar especial , e, quando tudo estiver pronto, quando você estiver pronto para receber este presente eterno, Eu voltarei! Isso mesmo, EU VOU VOLTAR! Sabe porque? Porque o Meu maior desejo é que onde Eu moro, neste lugar eternal e feliz, você também possa morar Comigo! (João 14:1-3) E sabe o que mais Eu vou fazer? Eu vou tocar a tua face e enxugar todas as tuas lágrimas. Você nunca mais vai sofrer, nunca mais vai chorar, nunca mais vai ficar de luto (Apocalipse 21:4). A bênção que Eu lhe prometo não é apenas para esta terra. Eis que Eu farei novos céus e nova terra (Apocalipse 21:1) e serás bendito eternamente!

Assim como Davi desejou não somente a bênção terreal, mas a bênção eterna, que este seja também o nosso maior desejo! Que reconheçamos, como Davi, que somos imerecedores da graça divina, mas que a aceitemos, a cada dia, como ela é: um presente do Pai para Seus filhos!

Bom dia, herdeiros do presente divino!

*Leiam #2Samuel 7

Rosana Garcia Barros



II Samuel 7 – Comentários selecionados by jquimelli
10 de abril de 2016, 0:30
Filed under: Sem categoria

O cap. 7 é o clímax dos livros de Samuel. Contém uma profecia ampla de atos imediatos e de atos remotos. Os imediatos tratam de Davi e seus descendentes seculares; os remotos, tratam da pessoa de Cristo e do seu reinado eterno (11-14). Bíblia Shedd.

Neste capítulo, Deus se opõe ao plano de Davi de construir a Ele uma casa (templo) e, então, promete construir uma casa duradoura(dinastia) para Davi. Andrews Study Bible.

Embora a palavra aliança [concerto] não seja explicitamente mencionada aqui, ela é utilizada em outras passagens para descrever esta ocasião (23:5; Sl 89:3, 4, 28, 34-37). Life Application Study Bible Kingsway.

Natã, o profeta. Enquanto que antes Davi consultava a Deus através de um sacerdote, agora ele o faz através de um profeta. Andrews Study Bible.

a palavra do SENHOR. Os sentimentos pessoais de Natã a respeito dos planos de Davi não estão em acordo com os planos de Deus. Para um caso similar ocorrido com Samuel, ver 1Sm 8:6-7. Andrews Study Bible.

5 Nesta mensagem através de Natã, Deus está dizendo que não quer que Davi construa uma “casa” para Ele. Por que Deus não queria que Davi Lhe construísse um templo? … Em 1Cr 28:3 aprendemos que Deus não queria que Seu templo fosse construído por um guerreiro. Portanto, Davi fez os planos e reuniu o material para que seu filho Salomão pudesse começar o trabalho no  templo logo que se tornasse rei (1Rs 5-7). Davi aceitou sua parte no plano de Deus e não tentou ir além disso. Por vezes Deus diz “não” aos nossos planos. Quando Ele faz isto, devemos aproveitar as outras oportunidades que Ele nos dá. Life Application Study Bible Kingsway.

uma casa. Pode ser traduzido “um santuário”. Andrews Study Bible.

tribos. É provável que em lugar de “tribos” (Shbti), originalmente fosse “juízes”  (Shfti), visto que a grafia das duas palavras é igual, apenas com a diferença de um pequeno sinal. Bíblia Shedd.

8-16 O pedido de Davi para Deus era bom, mas Deus disse “não”. Isso não significa que Deus rejeitou a Davi. De fato, Deus estava planejando fazer algo ainda maior na vida de Davi do que lhe conceder o prestígio de Lhe construir um templo. … Tem você orado com boas intenções somente para ouvir um “não” de Deus? Este é o modo de Deus de direcionar você para um propósito maior em sua vida. Life Application Study Bible Kingsway.

11 Ele, o SENHOR, te fará casa. A casa refere-se à descendência de Davi, particularmente à pessoa de Cristo. Bíblia Shedd.

12 descansares com teus pais. Quando Davi morrer pacificamente, será enterrado na tumba de sua família. Andrews Study Bible.

o teu descendente. Uma referência, primeiro a Salomão, porém de forma definitiva ao Messias, cujo reino durará para sempre. Andrews Study Bible.

13 Este versículo, praticamente, é a razão de ser dos livros de Samuel. Refere-se a Cristo e a Seu reino, embora se refira, também a Salomão. A paráfrase deste versículo se acha em Mt 16.18. Bíblia Shedd.

Meu nome. Tendo em vista que Deus habita no Céu, somente Seu nome habita no templo terrestre. Andrews Study Bible.

16 para sempre. A palavra original significa “por um longo, longo tempo”. Andrews Study Bible.

firmados para sempre diante de ti; teu trono será estabelecido. Na [versão] Siríaca e no texto grego (LXX) se lê: “diante de Mim; teu trono…”, o que parece mais certo. Não diante de Davi, mas sim diante de Deus; não o trono de Davi, mas o trono de Cristo. Bíblia Shedd.

18 perante Ele [o Senhor]. Ao lado da arca da aliança. Andrews Study Bible.

Quem sou eu, SENHOR Deus…? Um atitude semelhante de humildade foi demonstrada por Moisés (Êx 3:11), Gideão (Jz 6:15) e Saul (1Sm 9:21). Andrews Study Bible.

21 fizeste toda esta grandeza. A promessa de uma dinastia duradoura. Andrews Study Bible.

22 não há semelhante a Ti. A unicidade de Deus é um dos mais importantes temas na Bíblia, no qual se baseia a unicidade da nação de Israel. Andrews Study Bible.

23 o teu povo… gente única. “Um povo único”. O povo de Israel é um milagre. Esparso pela face da terra, perseguido e chacinado, continua com sua nacionalidade, tradição, religião e cultura. E isso por cerca de dois milênios. … Foi este povo que legou à humanidade do AT e foi dele que nasceu Jesus Cristo. Se o povo de Israel desaparecesse da terra, a Bíblia perderia o seu valor e a obra de Deus, em relação ao homem, em relação ao homem, estaria em “xeque-mate”. Bíblia Shedd.

24 e Tu, ó SENHOR, Te fizeste o seu Deus. Esta é uma promessa particular ao povo de Deus que se encontra por toda a Bíblia (Gn 17.7 … Ap 21.3). Bíblia Shedd.

27 Edificar-te-ei casa. Não se refere à casa-edifício, mas sim, à descendência de Davi e, particularmente, à pessoa de Cristo. Bíblia Shedd.




%d blogueiros gostam disto: