Reavivados por Sua Palavra


II CRÔNICAS 11 – COMENTÁRIOS SELECIONADOS by Jeferson Quimelli
25 de outubro de 2019, 0:05
Filed under: Sem categoria

844 palavras

1-23 O cap. 11 ressalta as recompensas pela obediência ao mandamento de Deus (v. 1-4): Roboão desfruta de prosperidade e poder (v. 5-12), de apoio popular (v. 13-17) e de uma descendência (18-23). O cap. 12 mostra o inverso: A desobediência leva ao castigo (Bíblia de Estudo NVI Vida).

1 A insensatez de Roboão dividiu o seu reino e ele tentou reuni-lo novamente pela força.A verdadeira unida, entretanto, não pode ser forçada – ela deve ser a resposta de corações dispostos. Se você deseja a lealdade de empregados, crianças ou qualquer outro a seu encargo, ganhe seus respeitos através do amor ao invés de tentar ganhar suas submissões através da força (Life Application Study Bible Kingsway).

lutar contra Israel. O autor de Crônicas omite o relatório da escolha de Jeroboão como rei de Israel (Andrews Study Bible).

4 Eu é que fiz isso. É claro que não era vontade de Deus que o reino de Davi fosse dividido em duas monarquias. A vontade divina era que os israelitas andassem em Seus caminhos e caminhassem a crescer até que, por seus esforços missionários, tivessem proclamado Seu nome por toda a Terra. Mas, quando os israelitas andaram em seus róprios caminhos e abandonaram o Senhor, Sua mão protetora foi retirada e forças separatistas inevitavelmente entraram em ação (CBASD, vol. 3, p. 246,247).

Por que Deus apoiaria esta rebelião? Era parte da punição às nações por terem se desviado de Deus (1 Rs 11:11). Era também um modo de Deus salvar o pequeno reino de Roboão da derrota. Agindo assim, Deus preservou a linhagem de Davi e manteve intacto o Seu plano para o Messias ser um descendente de Davi (ver 2 Sm 7:16). Quando vemos divisão, especialmente em uma igreja que se divide, tentamos imaginar o que Deus poderia nos ter feito. Deus deseja unidade, mas enquanto devamos sempre trabalhar pela reconciliação, devemos reconhecer que somente Deus conhece o futuro. Ele pode permitir uma divisão para alcançar seus propósitos maiores (Life Application Study Bible Kingsway).

5-10 Essa lista de cidades não se acha em Reis. Roboão fortificou suas fronteiras do leste, do oeste e do sul, mas não do norte, talvez como demonstração da sua esperança da reunificação dos reinos, e como reação à ameaça da invasão da parte do Egito (Bíblia de Estudo NVI Vida).

10 Hebrom. A cidade mais importante na Judá central, aonde os patriarcas foram enterrados e onde Davi reinou por sete anos (Andrews Study Bible).

13-17 O cronista toma por certo que seus leitores estão familiarizados com 1Rs 12.26-33. Essa matéria é exclusividade de Crônicas e reflete o interesse do autor tanto pelo templo com seus funcionários, bem como por demonstrar que o reino de Judá era o remanescente de todo o Israel (Bíblia de Estudo NVI Vida).

15 Ídolos … em forma de bodes e bezerros. O relato em Reis menciona somente os bezerros de ouro (quanto à adoração aos ídolos de bodes ou de sátiros, v. Lv. 17.7) (Bíblia de Estudo NVI Vida).

Jeroboão constituiu seus próprios sacerdotes, para sua própria religião, importada do Egito, com adoração de sátiros, ídolos em forma de bode semi-humano, também chamados “demônios” (Lv 17.7) e “bodes” (Lv 4.24, 9.15). O rito que os acompanhava, assim como o rito egípcio dosbezerros, era degradante e imoral (Bíblia Shedd).

para os sátiros. As versões ACF, ARC e NTLH traduzem a palavra como “demônios”. deus considera a vil adoração aos ídolos como sendo adoração a demônios (ver Dt 32:17; Sl 106:37, 38; 1Co 10:20) (CBASD, vol. 3, p. 248).

foram a Jerusalém. Essas pessoas se mudaram para Judá. Seu propósito ao sair de Israel e ir para Judá era ter oportunidade de adorar em Jerusalém. A política de Jeroboão era impedir visitas a jerusalém para propósitos de adoração. No tempo de Asa houve novamente uma migração de adoradores fiéis de Yahweh para o reino do sul (2Cr 15.9) (CBASD, vol. 3, p. 248).

16 Estas pessoas obedeceram a Deus ao invés de Jeroboão. Pelas suas ações, eles preservaram sua integridade e o fortalecimento do reino do sul. No futuro, a maioria do povo do norte seguiria os perversos desígnios dos reis, tentando conseguir benefícios pela cooperação. Não siga o seu exemplo racionalizando o abandono dos ensinos de Deus para tentar conseguir recompensas terrenas (Life Application Study Bible Kingsway).

18 Jerimote. Não consta entre os filhos legítimos de Davi (1 Cr 3.1-8; 14.4-7); deve ter sido o filho de uma concubina (Bíblia Shedd).

20 Maaca, filha de Absalão. Todas as descendentes em linha direta eram chamadas de “filha”, em heb. Essa deve ser filha de Tamar, a única de Absalão (2 Sm 14.27) (Bíblia Shedd).

21 Na concupiscência da carne, Roboão seguiu o pior exemplo de seu pai, entrando naquele caminho … que levara a nação à divisão e à desgraça (Dt 17.17) (Bíblia Shedd).

21,22 Esses versos explicam por que o filho mais velho não foi nomeado sucessor por Roboão (Bíblia de Estudo NVI Vida).

Parece que Jeús (19) era o primogênito e herdeiro legítimo do trono. O amor do rei por sua esposa Maaca levou-o a deixar sua indulgência aos favoritos violar a Lei de Moisés (Dt 21.15-17) (Bíblia Shedd).

23 procedeu prudentemente. Dispersando seus filhos por toda a Judá, onde sem dúvida ocuparam posições de responsabilidade e desenvolveram interesses locais além dos do trono, Roboão sabiamente promoveu os interesses do reino (CBASD, vol. 3, p. 248).


Deixe um comentário so far
Deixe um comentário



Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.



%d blogueiros gostam disto: