Reavivados por Sua Palavra


PROVÉRBIOS 30 – Comentário Rosana Barros by Ivan Barros
29 de abril de 2017, 0:30
Filed under: Sem categoria


“Toda palavra de Deus é pura; Ele é escudo para os que nEle confiam. Nada acrescentes às Suas palavras, para que não te repreenda, e sejas achado mentiroso” (v. 5-6).


Independente de quem foi Agur, de onde ele veio ou das conjecturas a seu respeito, estas palavras inspiradas revelam tanta sabedoria como as que temos estudado até agora. O desabafo de alguém que reconhece a sua condição pecaminosa e a sua total dependência do Todo-Poderoso nunca será por Ele rejeitado. Agur, seja ele quem for, traçou uma espécie de passo a passo na direção de Deus. Além de reconhecer a Sua incapacidade, ele exaltou o Criador e ergueu em plataforma insuperável a santa e pura Palavra de Deus. O seu pedido, semelhante ao de Salomão (I Reis 3:9), também não envolveu benefícios materiais, muito pelo contrário, ele pede fuga contra “a falsidade e a mentira” (v. 8) e sustento que não o afaste de Deus.
 
Longe da intenção de ser tido melhor do que seus semelhantes, o sábio descreve a verdadeira intenção do coração do perverso: maldição que não dispensa nem os próprios progenitores (v. 11), orgulho próprio (v. 12-13) e ganância desmedida (v. 14-15). Logo em seguida faz um jogo de palavras incluindo três e quatro opções negativas e também positivas, usando de ilustrações para auferir sabedoria. Mas de tudo o que ele disse, se tivesse resumido nos versos 5 e 6, já teríamos desfrutado de uma verdade absoluta: A Palavra de Deus é pura e não precisa e nem deve receber acréscimo algum! “Puríssima é a Tua Palavra” (Salmo 119:140), exclamou o salmista! Não há verdade em nada que a contrarie. Por isso que logo após exaltar a pureza da Bíblia, Agur pede livramento contra a falsidade e contra a mentira. Ele não temia a morte, mas o afastamento de Deus e de Sua Palavra.
 
A corrupção humana está atingindo o seu limite e até a vida, que é o bem mais precioso que temos, está perdendo o seu valor. Pessoas morrem por muito pouco ou por quase nada. Pessoas tiram a própria vida por razões banais. O ser humano perdeu a noção de que há diferença entre o certo e o errado. Não fazendo distinção entre o bem e o mal, cai na cilada maligna de preencher a vida com coisas que promovem prazeres momentâneos, desprezando a sabedoria da Palavra divina. Que terrível engano! Rejeitando o escudo protetor de Deus, os homens tornam-se vulneráveis às consequências de seus próprios procedimentos insensatos (v. 32).
 
O que ocorre hoje no meio cristão é uma massa falida de falsos adoradores em busca de êxtase emocional e de milagres condicionais. A Bíblia torna-se um objeto de decoração ou uma espécie de amuleto que só serve se for aberta onde possa atender as necessidades particulares de cada um. Ou seja, muitos têm “acrescentado” às Escrituras a sua própria interpretação. Não a buscam no sentido de ouvir a voz do SENHOR, mas de favorecer as suas próprias vontades. E, como sanguessugas, suas orações se resumem em: “Dá, Dá” (v. 15). E se Deus “ousar”, com o perdão da expressão, não atendê-las ou se as provações lhe batem a porta, simplesmente dão as costas e com o coração endurecido dizem: “Não conheço o SENHOR” (Êxodo 5:2).
 
Meus amados, todos os que almejam a vida eterna precisam conhecer a Deus: “E a vida eterna é esta: que Te conheçam a Ti, o único Deus verdadeiro, e a Jesus Cristo, a Quem enviaste” (João 17:3). E como podemos conhecê-Lo? Através da Sua pura Palavra! Por isso, não desistam de buscá-la e por ela serem santificados (João 17:17). Como Agur, clamemos ao SENHOR que nos livre de ensinos mentirosos que têm levado multidões à destruição. Cristo mesmo nos advertiu para termos cuidado, principalmente agora nos últimos dias (Mateus 24:24). Satanás bem sabe que pouco tempo lhe resta e tem feito de tudo para “roubar, matar e destruir” (João 10:10) todos os que têm dado as costas às profecias e aos mandamentos de Deus. Estes serão achados mentirosos e não poderão ter parte na Cidade Santa (Apocalipse 21:27). Um povo está sendo santificado e, por fim, será por Deus glorificado (I Coríntios 15:52): “os que guardam os mandamentos de Deus e têm a fé em Jesus” (Apocalipse 14:12). Oxalá que você e eu façamos parte do seleto remanescente que perseverará até o fim em defesa de Deus e de Sua eterna Palavra (Salmo 119:160)!
 
Bom dia, remanescente do SENHOR!
 
Desafio do dia: “É lícito, nos sábados, fazer o bem” (Mateus 12:12). Que o SENHOR nos dê mãos que ajudem, palavras que confortem e pés formosos “que anunciam coisas boas!” (Romanos 10:15).
 
Rosana Garcia Barros
reavivadosporsuapalavra.org
#PrimeiroDeus
#Provérbios30
#RPSP
Anúncios

1 Comentário so far
Deixe um comentário

Que incrível. Hoje é,, \30|04\ PROV-30; no ultimo Sábado do ms terminando o livro de provérbios. O que u aprendi é o que Agur está dizendo para agradecer o que aprendemos durante essa leitura da PALAVRA de PROVÉRBIOS, e praticar para nossa felicidade Espiritual. A-L-E-L-U-I-A

Comentário por Elias Nascimento Rodrgues Rodrigues




Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: