Reavivados por Sua Palavra


II Samuel 21 – Comentário Rosana Barros by jquimelli
24 de abril de 2016, 0:40
Filed under: Sem categoria

‪#‎rpSp‬ ‪#‎2Samuel21‬

"… Há culpa de sangue sobre Saul e sobre a sua casa, porque ele matou os gibeonitas" (v. 1, up).

Para o pecado existe uma remuneração chamada morte (Romanos 6:23). É inevitável. Ou melhor, seria, se o texto de Romanos não continuasse dizendo que "o dom gratuito de Deus é a vida eterna em Cristo Jesus, nosso SENHOR".
Todos nascemos e em algum momento morremos. Mas ninguém está preparado para esta que é a pior consequência do pecado.
Saul cometeu pecados sem pensar nas consequências. E, em decorrência disso, as suas gerações sofreriam muitos danos e perdas. A morte de sete de sua linhagem e o sofrimento de todo um povo que padeceu de fome por três anos consecutivos, são provas de que nada do que façamos atinge só a nós mesmos, mas geralmente afetam aqueles que estão mais próximos de nós, ou aqueles que mais amamos. Nossa, mas isso é uma injustiça, não? Pagar pelos erros de outro? Sim. E quem disse que o pecado gera justiça? Vivemos neste mundo vil porque um dia o pecado entrou aqui por um homem. "Portanto, assim como por um só homem entrou o pecado no mundo, e pelo pecado, a morte, assim também a morte passou a todos os homens, porque TODOS pecaram" (Romanos 5:12). Entendem? O pecado é como uma doença contagiosa. Quando ele entrou no mundo, TUDO mudou. O homem sentiu, a natureza sentiu e foi se alastrando geração após geração até nos alcançar.
Quando Cristo veio a este mundo a Bíblia relata que Ele chorou em pelo menos três ocasiões (João 11:35; Lucas 19:41; Lucas 22:44). Cristo não chorou pelo que as ocasiões lhe causaram, Cristo chorou pela situação miserável do homem que Ele mesmo havia criado (João 1:1-3) para ser perfeito. Jesus contemplou e viveu na pele as mazelas que o pecado causou.
Mas, meus amados, assim como Davi poupou a vida de Mefibosete porque havia feito uma aliança com Jônatas; Deus poupará a vida de todos aqueles que aceitam a aliança com Cristo. Pois se alianças terrenas devem ser cumpridas, muito mais a aliança de sangue, do precioso sangue de Jesus, esta JAMAIS falhará!
Um dia, Davi teve que enfrentar um gigante, hoje lemos que ele teve que enfrentar mais quatro, e foi vitorioso. Porque assim como foi com Golias, ele não estava só, mas o SENHOR dos Exércitos lutava por ele. Porque pode surgir um exército de gigantes diante dos filhos do Reino, Deus promete derrotar um após o outro. E nem a morte é um gigante invencível que possa nos separar de um Cristo que a venceu (Romanos 8:38)!
O pecado pode causar dores aqui, mas Deus promete que, muito em breve, a dor não mais existirá (Apocalipse 21:4).
Vivemos em um mundo de pecado em que já nascemos pecadores (Salmo 51:5), mas, se crermos (João 3:16), iremos, muito em breve (Apocalipse 3:11), para um novo Lar onde a verdadeira justiça reinará.
Prepare-se aqui para viver lá!
Pois, O REI VEM VINDO!

Bom dia, filhos do Reino!

*Leiam ‪#‎2Samuel‬ 21

Rosana Garcia Barros


2 Comentários so far
Deixe um comentário

Amém! Grande mensagem…

Comentário por Artur Chaves Artur

Linda meditação! Obrigada! Deus continue usando vocês!

Comentário por Patricia C. Leandro Romão




Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.



%d blogueiros gostam disto: