Reavivados por Sua Palavra


I Sm 29 – Orientação vital e segura by Jeferson Quimelli
1 de abril de 2016, 10:16
Filed under: Sem categoria

Queridos,

aprendi algo muito importante do capítulo de hoje: temos que pedir a orientação do Senhor em cada decisão que tomarmos, mesmo as mais simples. Isto porque não conhecemos as consequências dos nossos atos – e o Senhor conhece todas elas.

A decisão de Davi em se refugiar entre os filisteus trouxe muito dissabor a ele: viver uma vida de mentiras e dissimulação, assassinato de crianças e outros inocentes para não deixar vestígio de suas campanhas entre os amalequitas (o que o impediu de construir o templo, por ter muito sangue em suas mãos, o que deve o ter levado a muitas horas de amargo arrependimento e confissão), o constrangimento de ter de sair à batalha contra seu próprio povo, ter sua família sofrendo violência e momentos de pavor ao ser aprisionada pelos amalequitas (1Sm 30), entre outras más consequências. Dissabores que poderiam ter sido evitados se ele fizesse uma simples consulta ao Senhor, através do sacerdote, pela estola sacerdotal (Urim e Tumim): “Senhor, devo ir procurar refúgio fora de Israel?”

Nós, hoje, deveríamos colocar, com submissão total, nossos caminhos nas mãos do Senhor, mesmo quando o caminho parece óbvio (já perceberam que é exatamente nesses momentos que fazemos os maiores erros?). Com disposição de refrear nossos impulsos quando ouvirmos um claro “NÃO” do Senhor ou mesmo quando as coisas parecem contraditórias (pode ser uma inconsistência que o seu inconsciente detectou e você ainda não se deu conta disso. Aliás, a mulheres são especialmente boas nisso, naquilo que chamamos de “sexto sentido”).

Como disse o amigo Carlos Luize, há 35 anos atrás: principalmente nas horas de crise e pressão, ouça o que dizem a tua família, as pessoas que gostam de você. Deus pode os estar usando (e usa!) para te proporcionar uma visão mais ampla de todo o cenário.

Tenha certeza que não existe ninguém que quer mais o teu bem do que o Senhor. Portanto, a vontade dEle nunca será contrária ao que Ele já expôs claramente em Sua Palavra. Além disso, ler e meditar na Palavra iluminados pelo Espírito Santo nos coloca em outro patamar mental e espiritual, cada vez mais aptos para reconhecer a voz e os conselhos deste mesmo Espírito.

Que possamos, a cada decisão que tomarmos, mesmo as mais simples, sempre perguntar, mesmo que rápida e silenciosamente: “É este o Teu caminho, Senhor? É isto que queres para mim?”

Sempre com a disposição de aceitar a decisão do Senhor, mesmo que seja claramente contrária à nossa vontade. É, aqui, vital a atitude da submissão. É aqui que a salvação realmente se processa, é o “abrir da porta”.

Um sábado abençoado, um ótimo final de semana a todos.
Jeferson.

PS: E você? O que este capítulo ensinou a você?


1 Comentário so far
Deixe um comentário

O Senhor nos mostra sempre quando lemos a Biblia, o seu amor incondicional, ao estar constantemente nos falando, através da nossa consciência ou por situações de momento, mesmo que sendo coisas de aparencia negativa. Mas Ele, que conhece tudo, nos orienta para o que é certo ou mesmo o que convém para o momento, mas antes porém é necessário que consultemos a Ele e, aceitemos o seu parecer. A submissão ao nosso Deus faz toda a diferença em nossas vidas, inclusive para a nossa salvação.

Comentário por Antonio Pedro Hartmann




Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.



%d blogueiros gostam disto: