Reavivados por Sua Palavra


SALMO 49 – BUSQUE AQUI O POST DESEJADO by jquimelli
22 de março de 2020, 22:16
Filed under: Sem categoria

TEXTO BÍBLICO Salmo 49

COMENTÁRIO BLOG MUNDIAL (CONFERÊNCIA GERAL)

COM. TEXTO ROSANA GARCIA BARROS

COM. TEXTO PR. HEBER TOTH ARMÍ

COMENTÁRIOS SELECIONADOS

COM. VÍDEO PR WEVERTON

COM. VÍDEO PR ADOLFO SUAREZ

COM. VÍDEO PR MICHELSON BORGES

COM. VÍDEO PR RONALDO DE OLIVEIRA

COM. VÍDEO PR. VALDECIR Jr



SALMO 49 by jquimelli
22 de março de 2020, 1:00
Filed under: Sem categoria

Texto bíblico: https://pesquisa.biblia.com.br/pt-BR/NVI/sl/49

Somos lembrados neste salmo que o rico não comprará favores ou acomodações para além desta vida. “Não se aborreça quando alguém se enriquece e aumenta o luxo de sua casa; pois nada levará consigo quando morrer; não descerá [à sepultura] com ele o seu esplendor” (v. 16,17 NVI). Nos tempos antigos, as pessoas abasteciam seu túmulos com bens terrenos para tornar a pós-vida mais confortável. Mas os únicos que se beneficiaram disso foram os ladrões de túmulos.

Será que algum dia compreenderemos o quanto custou nos redimir da sepultura? “porque o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna em Cristo Jesus, nosso Senhor” (Rm 6:23). Qual foi o preço deste presente? O que custou a Deus para que Seu Filho se tornasse um ser humano, se vinculasse para sempre a esta raça humana, e ao final, se submetesse a abuso degradante e uma morte horrível?

O próprio Deus pagou pela nossa redenção. Qualquer coisa que ofereçamos como pagamento não poderia contribuir em nada para a nossa redenção. A expressão “Deus amou o mundo de tal maneira” abre uma dimensão totalmente nova de existência para nós. A poderosa atração da sepultura é interceptada por Sua promessa de que “todo aquele que crê n’Ele não pereça, mas tenha a vida eterna”.

Garth Bainbridge
Sydney, Austrália

Fonte: https://www.revivalandreformation.org/?id=772
Texto original: https://reavivadosporsuapalavra.org/2016/12/19/

Tradução: Jobson Santos, Jeferson e Gisele Quimelli



SALMO 49 – COMENTÁRIO PR. WEVERTON CASTRO by Maria Eduarda
22 de março de 2020, 0:55
Filed under: Sem categoria



SALMO 49 – COMENTÁRIO PR. MICHELSON BORGES by Maria Eduarda
22 de março de 2020, 0:50
Filed under: Sem categoria



SALMO 49 – COMENTÁRIO PR. ADOLFO SUÁREZ by Maria Eduarda
22 de março de 2020, 0:45
Filed under: Sem categoria



SALMO 49 – COMENTÁRIO PR. RONALDO DE OLIVEIRA by Maria Eduarda
22 de março de 2020, 0:40
Filed under: Sem categoria



SALMO 49 – Comentado por Rosana Barros by Ivan Barros
22 de março de 2020, 0:35
Filed under: Sem categoria

“Povos todos, escutai isto; dai ouvidos, moradores todos da Terra” (v.1).

Visto se tratar de um chamado global, o Salmo de hoje contém uma mensagem que se aplica a todos, sem distinção, “tanto plebeus como os da fina estirpe” (v.2). Não é apenas uma questão que envolve os ricos, mas “todos juntamente, ricos e pobres” (v.2). Existem ricos que não se encaixam na realidade deste Salmo, porém, há pobres que podem estar vivendo isso. Não é difícil apegar-se a coisas que ocupam o lugar onde somente Deus deveria estar. No final das contas, porém, essas coisas são deixadas para outros quando a vida se vai (v.10).

Estamos diante de uma mensagem de advertência a todas as pessoas, inclusive àquelas que pensam estar longe dessa realidade. Todo ser humano está sujeito a agir como se fosse viver aqui para sempre, e “chegam a dar seu próprio nome às suas terras” (v.11). E como um Salmo 23 às avessas, “a morte é o seu pastor” (v.14) e, ao invés de habitar “na Casa do Senhor para todo o sempre” (Sl.23:6), “a sepultura é o lugar em que habitam” (v.14).

No entanto, a certeza dos salmistas e a que deve transbordar de nosso coração é que nada neste mundo, e nem todas as riquezas que possam existir, podem ser comparadas ao preço que foi pago pela nossa redenção, pois ela “é caríssima” (v.8): “Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu o Seu Filho unigênito, para que todo aquele que nEle crê não pereça, mas tenha a vida eterna” (Jo.3:16). Este foi o inigualável preço pago para Deus nos remir “do poder da morte” (v.15).

Não podemos permitir que coisas perecíveis ocupem o lugar do Eterno em nosso coração e nem precisamos temer os que nos perseguem e usam de glórias terrenas para nos oprimir. Pois o pastor deles não é o nosso Pastor. Lembrem que uma das características principais das ovelhas de Cristo é que elas seguem a Sua voz, pois O conhecem. Elas conhecem o preço de seu resgate. Sabem a que voz seguir e não dão ouvidos a estranhos (Jo.10:5). Não fomos criados para ser levados como ovelhas condenadas à morte, mas Cristo tomou para Si essa cruel penalidade e, “como Cordeiro foi levado ao matadouro” (Is.53:7). Ele pagou o maior resgate da história da humanidade uma vez “para sempre” (v.8), para nos livrar do pastor da morte (v.14) e nos “tomar para Si” (v.15).

Que possamos reconhecer as nossas limitações e que o que temos vem de Deus. Então, estas coisas serão consideradas um nada comparado ao que Cristo nos deu na cruz: tudo. O caminho das ovelhas de Jesus pode apresentar o “vale da sombra da morte” (Sl.23:4), mas lembre-se de que ele é apenas um pedaço do caminho e não o destino final. Que a nossa riqueza seja ouvir a voz do nosso bom Pastor e segui-Lo por onde quer que formos. Então, habitaremos em Sua Casa e com Ele reinaremos “pelos séculos dos séculos” (Ap.22:5). Vigiemos e oremos!

Feliz semana, ovelhas de Cristo!

Rosana Garcia Barros

#PrimeiroDeus #Salmo49 #RPSP

Comentário em áudio: youtube.com/user/nanayuri100




%d blogueiros gostam disto: