Reavivados por Sua Palavra


I SAMUEL 30 by jquimelli
5 de julho de 2019, 1:00
Filed under: Sem categoria

Texto bíblico: http://biblia.com.br/novaversaointernacional/1-samuel/1sm-capitulo-30/

Quando Davi e seus homens retornaram a Ziclague, para seu horror eles encontraram a cidade queimada e vazia. Suas esposas e filhos haviam sido levados e todos eles choraram. Em sua amargura, os homens de Davi falavam até em apedrejá-lo.

Mas nesta crise Davi não se esqueceu do Senhor. O versículo 6 diz: “porém Davi se reanimou no Senhor, seu Deus.” O Senhor não deixou Davi a lutar sozinho. Então, quando ele perguntou ao Senhor através de Abiatar, o sacerdote que estava com ele, se deveria perseguir o bando invasor, a resposta foi: “Persegue-o, porque, de fato, o alcançarás e tudo libertarás ” (v. 8).

Com 400 homens, Davi atacou ao entardecer e lutou toda a noite até à tarde do dia seguinte. Ele destruiu todos os amalequitas com exceção de 400 deles que escaparam montados em camelos. Ele libertou todas as mulheres e crianças e levou consigo uma grande quantidade de pilhagem.

Se Saul houvesse destruído todos os amalequitas quando o Senhor lhe ordenou, esta batalha contra Ziclague nunca teria acontecido.

O capítulo 30 relata o sucesso de Davi quando ele confiou no Senhor. O capítulo 31 relata a derrota de Saul e sua morte, porque ele não confiou no Senhor.

Ralph Neall
Professor e missionário aposentado

Fonte: https://www.revivalandreformation.org/?id=512
Equipe de tradução: Pr. Jobson Santos, Jeferson e Gisele Quimelli


Deixe um comentário so far
Deixe um comentário



Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.



%d blogueiros gostam disto: