Reavivados por Sua Palavra


LUCAS 5 – Comentado por Rosana Barros by Ivan Barros
15 de março de 2018, 0:30
Filed under: Sem categoria


Ele, porém, Se retirava para lugares solitários e orava” (v.16).


Constantemente assediado pelas multidões, Jesus prosseguia de cidade em cidade ensinando “a palavra de Deus” (v.1). Por vezes, precisava usar de estratégias para não ser comprimido pelas massas. Dirigindo-Se à praia, “viu dois barcos” (v.2) e fez de um deles o Seu púlpito provisório. O barco pertencia a Simão, um rude pescador que havia “trabalhado toda a noite” (v.5) com seus sócios, sendo que nada conseguiram pescar. “Quando acabou de falar” (v.4), Jesus disse a Simão para afastar o barco e lançar as redes. Aquele pedido poderia ser facilmente ignorado haja vista o fracasso da noite anterior. Mas a resposta de Simão Pedro revelou sua disposição em seguir a Jesus: “Mestre, havendo trabalhado toda a noite, nada apanhamos, mas sob a Tua palavra lançarei as redes” (v.5).

Este episódio nos apresenta alguns princípios essenciais que devem nortear a vida de todo aquele que deseja ser um discípulo, pois um discípulo de Cristo:

  1. Confia em Sua Palavra (v.5);
  2. Pratica a Sua Palavra (v.6);
  3. Não trabalha sozinho. Ele mobiliza mais discípulos (v.7);
  4. Reconhece a sua condição pecaminosa e a sua dependência de Cristo (v.8);
  5. Conhece a sua missão (v.10);
  6. Renuncia o que for para segui-Lo (v.11).

Cobertos pela lepra do pecado, precisamos ir a Cristo do jeito que estamos e suplicar-Lhe que nos purifique. O maior desejo de Jesus é o de nos tocar e de nos purificar. Quer você hoje receber o toque de cura de Jesus? Então vá até Ele, pois eis que a Sua resposta diante de um pecador que se arrepende será sempre a mesma: “Quero, fica limpo!” (v.13). Jesus deseja fazer da nossa vida um “testemunho ao povo” (v.14). Os Seus seguidores mais fiéis não eram aqueles que se mostravam mais santos, mas “os publicanos e pecadores” (v.30) que nEle reconheciam a sua única chance de cura.

Através de uma vida de oração e plena comunhão com o Pai, Cristo Se fortalecia para o cumprimento de Seu ministério e missão, deixando-nos o perfeito exemplo de como e onde podemos encontrar forças para enfrentar as batalhas desta vida de forma vitoriosa: Como? Vigiando e orando. Onde? Em “lugares solitários” (v.16), ou lugares desertos. Amados, o objetivo da oração não é o de informar a Deus o que está em nosso coração, mas o de informar ao nosso enganoso coração que nós necessitamos de Deus. Era óbvio que aquele homem coberto pelas chagas da lepra desejava ser purificado, mas o seu clamor foi o reconhecimento de quem sabia que só Jesus poderia lhe devolver a vida.

Que arrazoais em vosso coração?” (v.22). Jesus sabe exatamente o que se passa em seu e em meu íntimo neste momento. Ele conhece as nossas dores e as nossas necessidades. No entanto, Ele aguarda a nossa atitude diante de Seu chamado: “Segue-Me!” (v.27). E para todo aquele que crê em Sua palavra e “deixando tudo” (v.28) O segue; que abre mão de suas vontades egoístas, de suas maiores ambições, para tornar-se “pescador de homens” (v.10), a primeira coisa que Ele faz é passar uma borracha em nossos erros passados. Pela fé, coloque o seu nome na sentença seguinte e ouça Jesus a lhe dizer, agora: “_______, estão perdoados os teus pecados” (v.20). Então, “a paz de Deus, que excede todo o entendimento, guardará o vosso coração e a vossa mente em Cristo Jesus” (Fp 4:7), e a sua vida manifestará a glória de Deus, dando testemunho de Jesus “até aos confins da Terra” (At 1:8).

Bom dia, pescadores de homens!

Rosana Garcia Barros

#PrimeiroDeus
#Lucas5
#RPSP


Deixe um comentário so far
Deixe um comentário



Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: