Reavivados por Sua Palavra


SALMO 80 – COMENTÁRIOS SELECIONADOS by jquimelli
19 de janeiro de 2017, 0:50
Filed under: Sem categoria

O Salmo 80 foi escrito numa época de grande angústia nacional. Ele é uma oração pela restauração do favor de Deus para com o povo. Nesta linda e comovente elegia, o salmista compara Israel a uma videira que fora cuidadosamente cultivada e transplantada do Egito, mas que, naquele momento, estava exposta à ruína. CBASD, vol. 3. p. 921.

Asafe (ou um de seus descendentes) provavelmente escreveu este salmo após o reino do norte [ver com. v. 2] ter sido derrotado e deportado para a Assíria. Life Application Study Bible Kingsway.

Pastor de Israel. Israel é o rebanho de Deus (ver com. de Sl 23:1-4; Gn 49:24; 74:1; 77:20; 78:52). CBASD, vol. 3. p. 921.

Querubins. Melhor seria “querubim” (ver com. de Sl 18:10). “Querubins” é na verdade um plural duplo, formado pela aposição de s, o sinal de plural em português, com im, o sinal do plural hebraico [Em hebraico, querub é o singular e querubim é o plural]. CBASD, vol. 3. p. 921.

Querubim são anjos poderosos. Life Application Study Bible Kingsway.

Efraim. As três tribos mencionadas neste verso [Efraim, Benjamim, Manassés] procediam da mesma mãe (ver Gn 46:19, 20; Nm 2:18-24; 10:22-24). [Efraim era a principal tribo do reino do norte.] CBASD, vol. 3. p. 921.

3, 7, 9 Três vezes o escritor pede a Deus: “restaura-nos”. Antes de restauração deve vir o arrependimento, o afastamento do pecado. O arrependimento envolve humilhar a nós mesmos e voltar-se para Deus para receber Seu perdão. Ao nos voltarmos para Deus, Ele nos ajuda a nos vermos, inclusive nosso pecado, com mais clareza. Então, quando vemos o nosso pecado, devemos repetir o processo de arrependimento. Somente então podemos ser constantemente restaurados para comunhão com Deus. Life Application Study Bible Kingsway.

Contra a oração. Deus parece estar furioso até quando Seu povo ora (ver Lm 3:44). CBASD, vol. 3. p. 921.

Copioso. Deus parece medir a tristeza deles como se serve uma bebida a alguém. CBASD, vol. 3. p. 921.

Trouxeste. O salmista descreve Israel sob a imagem do vinho. A descrição é feita com beleza e emoção (v. 8-19). CBASD, vol. 3. p. 922.

Videira. Árvore frutífera empregada frequentemente como símbolo de Israel (ver Is 5:1-7; Os 10:1; DTN, 675). Na época de Jesus, uma videira feita em ouro e prata que estava à entrada do templo representava Israel como uma videira próspera e frutífera (ver DTN, 575; cf. Jo 15:1-5). CBASD, vol. 3. p. 922.

Expulsaste. Deus despojou as nações da Palestina por causa dos pecados delas e permitiu que Israel herdasse suas terras (ver Êx 3:8; 33:2). CBASD, vol. 3. p. 922.

Dispuseste-lhe. Do heb. panah, sugerindo, neste verso, a ideia de “limpar”. A amorosa preocupação de Deus está claramente retratada. CBASD, vol. 3. p. 922.

Encheu. A extensão do domínio de Israel é representada por uma exuberante videira se espalhando sobre uma vasta área. CBASD, vol. 3. p. 922.

10 Cedros. A passagem é traduzida de forma mais simples como “os formosos cedros foram cobertos com seus ramos”. O salmista ilustra as fronteiras de Israel se estendendo até o norte, no Líbano. CBASD, vol. 3. p. 922.

11 Mar. O Mediterrâneo, a oeste. CBASD, vol. 3. p. 922.

Rio. O Eufrates, a fronteira a leste (ver Js 1:4; ver com. de 1Rs 4:21). CBASD, vol. 3. p. 922.

12 Cercas. Ver Is 5:5. Isto dá a impressão de que Deus deixou as fronteiras de Israel desprotegidas. CBASD, vol. 3. p. 922.

13 Devasta. Do mesmo modo que animais como o porco selvagem, o leão, o tigre e o lobo arruinavam a vinha, assim também os inimigos de Israel devastariam a região. CBASD, vol. 3. p. 922.

14 Visita. Não com ira, mas com misericordia. CBASD, vol. 3. p. 922.

16 Queimada. Este verso descreve a devastação da vinha, como se estivesse sido destruída pelo fogo ou pelo machado. CBASD, vol. 3. p. 922.

18 Vivifica-nos. Isto é, “produza vida em nós”. CBASD, vol. 3. p. 922.

Invocaremos o Teu nome. Ou seja, “adoraremos a Ti”. O salmista fala em nome da nação. CBASD, vol. 3. p. 922.

Anúncios

Deixe um comentário so far
Deixe um comentário



Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: