Reavivados por Sua Palavra


JEREMIAS 6 – ACESSE AQUI O POST DESEJADO by Jeferson Quimelli
1 de novembro de 2020, 1:10
Filed under: Sem categoria

TEXTO BÍBLICO JEREMIAS 6 – Primeiro leia a Bíblia

JEREMIAS 6 – COMENTÁRIO BLOG MUNDIAL (Associação Geral)

JEREMIAS 6 – COMENTÁRIOS SELECIONADOS

COM. TEXTO ROSANA GARCIA BARROS

COM. TEXTO – PR HEBER TOTH ARMÍ

COM. VÍDEO PR ADOLFO SUÁREZ(link externo)

COM. VÍDEO PR EVANDRO FÁVERO (link externo)

VÍDEO PR WEVERTON CASTRO E EQUIPE (link externo)

VÍDEO PR RONALDO DE OLIVEIRA (link externo)

VÍDEO PR VALDECI JÚNIOR (link externo)

VÍDEO PR MICHELSON BORGES (link externo)

VÍDEO PR RONALDO DE OLIVEIRA (link externo)



JEREMIAS 6 by Jeferson Quimelli
1 de novembro de 2020, 0:55
Filed under: Sem categoria

Texto bíblico: https://pesquisa.biblia.com.br/pt-BR/NVI/jr/6

Já aconteceu de você abrir a Bíblia e não sentir vontade de lê-la? Comigo isto já aconteceu. Eu particularmente me sinto assim quando estou lutando com um pecado voluntário na minha vida, mesmo que pequeno. Meu desejo natural é ficar o mais longe possível da Bíblia e seus ensinos. Eu sei que suas páginas estão cheias de conselhos, reprovação e correção. O problema é que eu não quero ser corrigido e repreendido.

Os israelitas devem ter sentido o mesmo desprazer pela Palavra de Deus. Deus perguntou a Jeremias no versículo 10: “Quem me escutará? Os ouvidos deles são obstinados, e eles não podem ouvir. A palavra do Senhor é para eles desprezível, não encontram nela motivo de prazer” (NVI).

Quando eu peco, não encontro prazer na leitura da Bíblia. Deus não quer que permaneçamos em nossos pecados. Ele quer nos tirar dessa situação.

Isto é o que o Senhor diz : “Assim diz o Senhor: … perguntem pelos caminhos antigos, perguntem pelo bom caminho. Sigam-no e acharão descanso.”(v. 16a). Por que nós ecoaríamos os israelitas ao dizer: ” “Não seguiremos!”? (v. 16b).

Ore comigo:
Querido Deus, ajuda-me a me agarrar a Ti e não ao pecado que me afasta de Ti. Com Tua ajuda, eu quero ler a Bíblia todos os dias. Amém”.

Andrew McChesney
Editor da revista Adventist Mission

Texto original: https://www.revivalandreformation.org/?id=1036
Tradução: Pr Jobson Santos/Jeferson Quimelli/Gisele Quimelli/Luis Uehara



JEREMIAS 6 – COMENTÁRIOS SELECIONADOS by Jeferson Quimelli
1 de novembro de 2020, 0:50
Filed under: Sem categoria

285 palavras

9 Diligentemente se rebuscarão. Nesta figura, as uvas são os judeus e os invasores babilônicos são os respigadores. O cativeiro e a destruição ocorreriam várias vezes e seriam rigorosos. CBASD – Comentário Adventista do Sétimo Dia, vol. 4, p. 408.

Os resíduos de Israel. O reino de Judá era tudo o que restava de Israel nos dias de Jeremias. As dez tribos haviam sido levadas pelos assírios (ver Is 24:13; Jr 49:9; Ob 5). CBASD, vol. 4, p. 408.

Paz. Heb. shalom, palavra frequentemente usada para abranger todas as coisas boas da vida. Shalom foi definida no sentido não apenas de “paz”, mas também de “completude”, “prosperidade”, “bem-estar”, “saúde”, “amizade”, etc. … Os falsos profetas dos dias de Jeremias encobriam os pecados da nação, e pintavam quadros agradáveis das perspectivas futuras de Judá (er Jr 8:11; 14:13; 23:17; cf. Mq 3:5). Por meio de seus ensinamentos agradáveis e enganosos, esses líderes infiéis embalavam os pecadores num sono fatal. Eles deveriam ter avisado sobre a calamidade iminente e a necessidade de arrependimento, mas, em vez disso, asseguraram que não havia nada a temer (ver Ez 13:22). Profetas que anunciam paz e segurança, apesar da transgressão, enquanto Deus declara que o pecado está prestes a recolher seu salário, estão repetindo a primeira mentira satânica falada no jardim do Éden: “É certo que não morrereis” (Gn 3:4). CBASD, vol. 4, p. 409.

16 Ponde-vos à margem do caminho. A metáfora é de um viajante que, tendo perdido o caminho, para na encruzilhada de várias estradas diferentes, considerando cuidadosamente e perguntando pelo caminho certo. CBASD, vol. 4, p. 409, 410.

Veredas antigas. O verdadeiro caminho era aquele em que andaram os piedosos antepassados de Judá. A observância dos princípios éticos e morais da aliança trariam as mais altas bênçãos espirituais para a nação e para os indivíduos (ver PR, 411). CBASD, vol. 4, p. 410.



JEREMIAS 06 – Comentado por Rosana Barros by Ivan Barros
1 de novembro de 2020, 0:45
Filed under: Sem categoria

“Assim diz o Senhor: Ponde-vos à margem no caminho e vede, perguntai pelas veredas antigas, qual é o bom caminho; andai por ele e achareis descanso para a vossa alma; mas eles dizem: Não andaremos” (v.16).

Uma das piores coisas que pode acontecer a alguém, por pior que seja, não é uma doença terminal, nem tampouco a perda de bens materiais, mas o afastamento de Deus. Quem, propositadamente, se recusa a ouvir a voz do Senhor e a seguir os Seus mandamentos (v.19), corre o sério risco de entrar em estado de coma espiritual. Assim como um paciente em coma clínico fica incapaz de manifestar algum tipo de reação, uma pessoa que escolhe estar longe de Deus não reage ao tratamento oferecido pelo Médico dos médicos, pois “que a Palavra do Senhor é para eles coisa vergonhosa; não gostam dela” (v.10).

Mesmo diante de um povo onde eram “todos corruptores” (v.28), Deus enviou o Seu mensageiro com um apelo após o outro. Cometiam “abominação sem sentir por isso vergonha” (v.15). Fechavam os olhos para o bem enquanto praticavam o mal como se fosse algo natural. Se não se envergonhavam de seus atos, não havia arrependimento, e se não havia arrependimento, não poderia haver perdão, e, sem perdão, não há salvação. Deus enviou os Seus atalaias, mas, ainda assim, qual rebeldes insistiam: “Não escutaremos” (v.17).

A terrível obra de Satanás tem amortizado os sentidos da humanidade através da teoria de que não existe nada absoluto, tudo é relativo. Vivemos em uma geração onde tudo é “normal”. Casados que vivem uma vida de solteiros? Ah, é normal! Mídia que incita o sexo livre e a violência ao alcance de crianças? Ah, é normal! Meninas que querem ser meninos e vice e versa? Ah, é normal! Enquanto isso, líderes religiosos passam a mão na cabeça dos inconstantes, confundindo inclusão com abominação, e dizendo: “Paz, paz; quando não há paz” (v.14).

Eis que a Palavra do Senhor é a mesma e não muda! Porque “seca-se a erva, e cai a sua flor, mas a Palavra de nosso Deus permanece eternamente” (Is.40:8). Ela nos chama a atenção para os abusos que muitos têm feito em nome de Deus. É muito bom e agradável aos ouvidos ouvir de paz, amor e prosperidade. Mas Deus não nos fala o que queremos ouvir, e sim o que precisamos ouvir. Se tão-somente nos colocarmos nem que seja à margem de ouvir a verdade sobre o “bom caminho” (v.16) e demonstrarmos algum interesse por ele, o nosso bom Pastor nos fará achar descanso. Ele nos convida a dEle aprender e nEle descansar: “Tomai sobre vós o Meu jugo e aprendei de Mim, porque sou manso e humilde de coração; e achareis descanso para a vossa alma” (Mt.11:29). Jesus Cristo é o bom Caminho (Jo.14:6). Andai por Ele (Is.30:21), é o apelo do Espírito Santo a todos nós.

Os atalaias de Deus continuam falando. Cada vez que abrimos a Bíblia com o objetivo de conhecer a Deus, a visão de que Ele é um Deus tirano e pronto a castigar é mudada para um Deus que é amor e pronto a salvar. O procedimento da nação que Ele escolheu como “a menina dos olhos” (Sl.17:8), não merecia qualquer tipo de piedade, porém o Senhor estava disposto a absolvê-la caso se voltasse para Ele. Ele não deseja sacrifícios e holocaustos vazios (v.20), mas a oferta de corações sinceros e convertidos. “Dá-Me, filho Meu, o teu coração…”, é um texto que tem sido extremamente distorcido pela teologia barata que diz que Deus só quer o nosso coração. De fato, o Senhor só pede o nosso coração, mas para que aconteça o que diz na conclusão do verso: “… e os teus olhos se agradem dos Meus caminhos” (Pv.23:26).

Portanto, ouvi, ó nações… Ouve, tu, ó terra!” Não insistam em dizer: “Não andaremos” (v.16) e “Não escutaremos” (v.17). Porque o Dia do Senhor está chegando, onde “cairão pais e filhos juntamente” e onde “o vizinho e o seu companheiro perecerão” (v.21). Mas também será o tempo em que, “ao som da trombeta” (v.17) de Deus, “ouvida a voz do arcanjo”, o Senhor “descerá dos céus, e os mortos em Cristo ressuscitarão primeiro; depois, nós, os vivos, os que ficarmos, seremos arrebatados juntamente com eles, entre nuvens, para o encontro do Senhor nos ares e, assim, estaremos para sempre com o Senhor” (1Ts.4:16-17). “Informa-te, ó congregação” (v.18)! Estude a Palavra de Deus, “aceita a disciplina” (v.8) do Senhor e, “mediante o lavar regenerador e renovador do Espírito Santo” (Tt.3:5), “achareis descanso para a vossa alma” (v.16)! Vigiemos e oremos!

Feliz semana, os que amam a Palavra do Senhor!

Rosana Garcia Barros

#PrimeiroDeus #Jeremias6 #RPSP

Comentário em áudio: youtube.com/user/nanayuri100



JEREMIAS 6 – COMENTÁRIO PR HEBER TOTH ARMÍ by Jeferson Quimelli
1 de novembro de 2020, 0:40
Filed under: Sem categoria

JEREMIAS 6 – O servo do Senhor não quer a desgraça do pecador, não quer a destruição de sua nação, não deseja ver o fim de sua comunidade, nem de sua igreja.

• Jeremias tem visão do futuro, Deus o revelou. Ele está descontente com o que vê. Ele sabe que a desgraça vem por rejeição da graça, entende que o caos resulta do afastamento de Deus, compreende que opressão, malícia e violência afastam a proteção e as bênçãos divinas. Por isso, Jeremias aproveita todas as oportunidades para exortar seu povo ao reavivamento e reforma espirituais (vs. 1-8).

• Fazer a obra de Deus entre os homens é tremendamente desafiador. Jeremias demonstra que envolver-se na missão de Deus significa lidar com a indiferença (ou mesmo rejeição). Arrogância e ganância das pessoas, a falsidade dos líderes espirituais e a imoralidade reinante na sociedade atraem o juízo divino. Satanás, sabendo disso, intenta anestesiar a percepção das pessoas para não interpretarem corretamente a situação deprimente, mas alguém será levantado por Deus para advertir a multidão desavisada (vs. 9-15).

• Babilônia foi instrumento de Deus para disciplinar Seu povo de coração duro. Ele tem usado diversos tipos de instrumentos visando nossa correção. Angústia, terror e pranto de amargura podem levar pecadores à reflexão e, por fim, ao amadurecimento espiritual (vs. 22-26).

• Deus quer moldar pecadores para deixarem de refletir o pecado a fim de que reflitam Seu caráter. Jeremias é Seu instrumento para purificar rebeldes que eram como metais dos quais precisam ser removidas as escórias (vs. 27-30).

Neste capítulo, “a oração: ‘perguntai pelas veredas antigas’ (Jr 6:16) é a favorita das pessoas que se opõem a mudanças na igreja e querem mantar um status quo árido e entediante. No entanto, as ‘veredas antigas’ referem-se à verdade de Deus conforme revelada em Sua Palavra, e não a métodos de ministério. Observe que Jeremias instruiu: ‘andai por ele e achareis descanso’. Andamos na verdade de Deus para descansar em Sua vontade” (W. W. Wiersbe).

Status quo árido e entediante carecem de reavivamento e reforma. Deus quer que voltemos ao Seu caminho. Jesus é o caminho, a verdade e a vida. Fora desse caminho estamos perdidos, num atalho para o inferno.

“Senhor, não nos deixe ter coração duro. Molda-nos e elimine as nossas escórias!” – Heber Toth Armí




%d blogueiros gostam disto: