Reavivados por Sua Palavra


SALMO 116 – #RPSP – COMENTÁRIO ROSANA BARROS by Ivan Barros
24 de fevereiro de 2017, 0:10
Filed under: Sem categoria

“Amo o SENHOR, porque Ele ouve a minha voz e as minhas súplicas” (v. 1).


Vou começar hoje lhe fazendo uma pergunta simples, mas intrigante: VOCÊ AMA A DEUS?

Com 99,9% de chance de você ter respondido sim, eu lhe faço a segunda pergunta: AMA MESMO?

Temos uma noção muito rasa do que seja amar de verdade. Jesus disse: “Se Me amais, guardareis os Meus mandamentos” (João 14:15). E eu não estou aqui me referindo ao “amor” fariseu ou legalista, mas ao amor em sua mais profunda e total essência: A VIDA DE CRISTO.

Antes de Cristo vir a este mundo para cumprir a Sua missão salvífica, poucos foram os que entenderam de verdade o que é o amor. O salmista compreendeu que, pela salvação já alcançada (v. 13), a sua vida deveria ser uma oferta de gratidão a Deus.

“Eu cria, ainda que disse: estive sobremodo aflito”(v. 10) é a expressão de alguém com uma fé que persevera mesmo diante das tribulações; que tem prazer em entregar toda a sua vida ao SENHOR porque Ele já o salvou (v. 6). O amor gera obediência pela salvação já obtida, e não para alcançar a salvação.

Quando professamos amar a Deus, estamos de fato amando-O porque Ele já nos salvou, ou para MOSTRAR que O amamos? Diante da cena do Getsêmani, enquanto via o seu Salvador sendo preso como um criminoso, Pedro desembainhou a sua espada e prontamente cortou a orelha de um centurião. Para quem presenciou aquilo, poderia pensar: 

💭 Uau! Que coragem! Ele amava mesmo o seu Mestre! 💭

Mas sabemos o que aconteceu pouco tempo depois. Em meio a palavrões e gestos rudes, o mesmo Pedro negou a Jesus por três vezes seguidas. Após ter andado lado a lado com Cristo por três anos e meio, Pedro ainda não passava de um fariseu. Enquanto estivesse disposto a ferir os outros “por amor” a Deus, não estaria pronto para falar do genuíno amor divino a ninguém.

Não foi sem propósito que, após a Sua ressurreição, Cristo fez a seguinte pergunta a Pedro, POR TRÊS VEZES consecutivas: “Simão, filho de João, tu Me amas?” (João 21:15, 16 e 17).

“Sim, Senhor, Tu sabes que Te amo”, foi assim a resposta do discípulo nas duas primeiras vezes. Na terceira, ele entristeceu-se. Sabem porque, amados? Porque, em seu íntimo, ele desejava muito amar a Jesus de verdade, mas ainda tinha que passar por uma conversão genuína. Por isso que esta foi a sua terceira resposta: “Senhor, Tu sabes todas as coisas, Tu sabes que eu Te amo”. Opa! Que mudança! Pedro percebeu que a sua autoconfiança não era o suficiente naquela hora. Ele estava diante dAquele que tudo vê e que tudo sabe. Pedro havia negado o Mestre e que dor sentiu após encontrar os olhos do Salvador com o mesmo olhar quando no princípio, a lhe dizer: “Segue-Me”. O rude pescador viu-se cercado por laços de morte e caiu “em tribulação e tristeza” (v. 3). Mas Jesus não o condenou, Jesus o amou, e ele precisava fazer o mesmo com os seus semelhantes.

O cumprimento do amor está na resposta dada a Pedro pelo Salvador: “Apascenta as Minhas ovelhas” (João 21:17). Ou seja, tu me amas, mesmo? Então não fere as pessoas, salva as pessoas! “Nisto conhecemos que amamos os filhos de Deus: quando amamos a Deus e praticamos os Seus mandamentos. Porque este é o amor de Deus: que guardemos os Seus mandamentos” (I João 5:2-3). Compreende filho de Deus? O amor não condena, O AMOR SALVA! Pedro só reconheceu que a salvação estava bem ali diante de seus olhos, na pessoa de Jesus Cristo, quando permitiu que Ele quebrasse as cadeias de seu orgulho. Só então, ele foi salvo pelo amor e, através deste amor foi instrumento do SENHOR para a salvação de muitos. Quer oferecer ao SENHOR “sacrifícios de ações de graças” (v. 17)?

TRANSBORDE O AMOR QUE JÁ LHE SALVOU! NÃO CONDENE, SALVE VIDAS!

Bom dia, testemunhas do Amor!

Desafio do dia: Escreva nos comentários o seu resumo do Salmo 116 e o quanto ele é importante para você. #PrimeiroDeus

*Leiam #Salmo116

Rosana Garcia Barros


2 Comentários so far
Deixe um comentário

MINHA ORAÇÃO: Que Salmo inspirador! Aqui está o resumo de minha História. Jesus Cristo é o mesmo ontem, hoje e eternamente. Todos os que em angustia e aflição, que já se achavam às portas da morte, desenganados e ouviram a Voz do Senhor através das promessas fieis de Sua Palavra, e crerem e se humilharam diante de Deus, Ele os resgatou do Vale da sombra da morte. Sim, tirou-me do poço mais profundo; Sua mão me alcançou e me salvou, e me firmou na Rocha (Jesus), e colocou louvor e alegria em minha vida. Sal 40:1-5. Através de Sua Palavra, encontrei a Vida, vida plena e abundante, e a Saúde completa. Sal 107: 17-22.

Por isto Senhor, em resposta a Seu grande amor pro mim. Quero dedicar minha vida inteiramente ao Teu Louvor, ao teu serviço, levando esperança ao cansado, ao abatido, ao aflito, àquele que não tem quem o ajude, partilhado suas infalíveis promessas, dando meu testemunho, e levando pecadores à Cristo, Fonte de Toda a plenitude de vida e bênçãos.

Bendito e louvado seja o nome do Senhor, por suas maravilhas e misericórdias na vida de todo àquele que crê.

Comentário por Paulo Roberto de Oliveira

Deus nos ouve, nos livra e protege dos males desta vida. Ele cuida de todos nós. Tudo de mim em resposta ao tudo de Deus. Ele não mede esforços para me alcançar, Ele já me salvou e obedecê-lo é o mínimo para demonstrar amor e gratidão ao meu Senhor!

Comentário por Maíra Eloíza




Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: