Reavivados por Sua Palavra


MATEUS 3 by Jobson Santos
1 de maio de 2021, 0:55
Filed under: Sem categoria

Texto bíblico: https://pesquisa.biblia.com.br/pt-BR/NVI/mt/3

Todos os quatro Evangelhos dedicam atenção a uma pessoa específica além de Jesus. Na verdade, Marcos começa seu Evangelho não com o nascimento de Jesus, mas com alguém que teria uma influência profunda e duradoura no Cristianismo. Seu nome era João Batista.

Em certo sentido, a história de Jesus e do Cristianismo começa no momento em que João batiza Jesus. O próprio Jesus diz em Mateus 11:11: “Entre os nascidos de mulher não surgiu ninguém maior do que João Batista.” Mas, entre os cristãos, há uma tendência de subestimar João como nada mais do que um mensageiro do Messias.

O que há de tão significativo em João Batista que tantas pessoas se tornaram seus seguidores? A resposta a esta pergunta está na mensagem de João Batista: “Arrependam-se, pois o Reino dos céus está próximo.” O ministério de João é um exemplo para todos os cristãos. Afinal, o próprio Jesus foi batizado, não porque precisava, mas como um exemplo para nós. O batismo é mais do que um ritual simbólico; é uma confissão pública de fé e compromisso com Cristo e Sua igreja. Isso significa uma verdadeira mudança de vida.

Oleg Kostyuk
Docente, Advent Health University, Orlando, Flórida, EUA

Texto original: https://www.revivalandreformation.org/?id=1178
Tradução: Pr Jobson Santos/Jeferson Quimelli/Gisele Quimelli/Luis Uehara


Deixe um comentário so far
Deixe um comentário



Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.



%d blogueiros gostam disto: