Reavivados por Sua Palavra


ECLESIASTES 11 – ACESSE AQUI O POST DESEJADO by Jeferson Quimelli
12 de agosto de 2020, 1:10
Filed under: Sem categoria

TEXTO BÍBLICO ECLESIASTES 11 – Primeiro leia a Bíblia

ECLESIASTES 11 – COMENTÁRIO BLOG MUNDIAL (Associação Geral)

ECLESIASTES 11 – COMENTÁRIOS SELECIONADOS

COM. TEXTO ROSANA GARCIA BARROS

COM. TEXTO PR. HEBER TOTH ARMÍ

COM. VÍDEO PR ADOLFO SUAREZ (link externo)

COM. VÍDEO PR EVANDRO FÁVERO (link externo)

VÍDEO PR WEVERTON CASTRO E EQUIPE (link externo)

VÍDEO PR RONALDO DE OLIVEIRA (link externo)

VÍDEO PR MICHELSON BORGES(link externo)



ECLESIASTES 11 by Jeferson Quimelli
12 de agosto de 2020, 0:55
Filed under: Sem categoria

Texto bíblico: https://pesquisa.biblia.com.br/pt-BR/NVI/ec/11

A mensagem deste capítulo é que utilizemos plenamente os dons e bênçãos que o Senhor nos deu – desenvolvê-los o mais que possamos, empregá-los no serviço, compartilhando e distribuindo.

É um erro comum entre os homens pensar que tudo sairá conforme planejamos e desejamos. Deus nos chama a atenção, dizendo: “Assim como você não conhece o caminho do vento, nem como o corpo é formado no ventre de uma mulher, também não pode compreender as obras de Deus, o Criador de todas as coisas” (v. 5 NVI). Deus nos convida a nos humilharmos diante da majestade da Sua obra. Não devemos concentrar a nossa atenção sobre a adversidade e os obstáculos aparentes, enquanto temos a oportunidade de levar a cabo a Sua missão. Precisamos ver esses problemas como oportunidades para desenvolver a nossa fé (v. 1, 2, 4, 10).

Devemos saber que as mãos de Deus governam tudo. Assim, devemos andar pela fé, sem questionar a sabedoria ou a bondade de Deus. Em Suas mãos encontramos segurança.

Pr. Luis Martínez
Secretário Executivo da União Paraguaia da IASD

Texto original: https://www.revivalandreformation.org/?id=916
Tradução: Pr Jobson Santos/Jeferson Quimelli/Gisele Quimelli



ECLESIASTES 11 – COMENTÁRIOS SELECIONADOS by Jeferson Quimelli
12 de agosto de 2020, 0:50
Filed under: Sem categoria

1 … O teu pão. A interpretação tradicional é de exercitar a caridade ou bondade para com os outros porque a recompensa virá algum dia. Outra interpretação possível seria ter sábias iniciativas comerciais de vários tipos.

Depois […] o acharás. Comparar com Lc 16:9. Qualquer que seja o sentido de “pão”, a lição é que se deve agir com espírito de liberdade, sem esperar retorno imediato.

2 Raparte. Talvez um aviso para diversificar as atividades comerciais em lugar de confiná-las a uma única área, para investir capital em diversos empreendimentos comerciais. Eticamente, sugere benevolência a todos  quantos seja possível. Os dois números sete e oito, usados juntos, sugerem um número indefinido, com uma tendência ao maior (para exemplos desta numeração , ver Jó 33:14; Sl 62:11; Pv 30:15, 18, 21; Is 17:6, Mq 5:5).

Mal. Ninguém pode dizer que calamidade sobrevirá: inundação, terremoto, guerra ou recessão nos negócios.

3 Caindo a árvore. Uma pessoa não pode determinar a direção em que a árvore cairá uma tempestade de vento. Deve aprender a preparar-se para a tempestade o melhor possível e submeter-se a ela, ao invés de tentar controlá-la…

5 … Os ossos. O crescimento e desenvolvimento da estrutura óssea no feto são maravilhosos (Jó 10:8-11; Sl 139:13-17).

6 … Não repouses. O fato de não se conhecer o futuro não justifica a indolência. Os resultados não surgem por acidente. É preciso preparo diligente e minucioso antes e depois.

Ambas. A incerteza deve ser um incentivo a um esforço adicional, não à inatividade. esforço e experimentação constantes são um prelúdio ao sucesso.

7 Doce é a luz. Somente na luz é possível  apreciar as belezas do mundo natural ou viajar com segurança. Seguindo o conselho dado no v. 6, pode-se perceber uma experiência mais completa e satisfatória na vida.

8 Dias de trevas. As experiências adversas da vida devem ser lembradas por seu valor disciplinar. Libertação do perigo e  perda devem ser devidamente apreciados…

9 Alegra-te. A boa disposição e uma atitude alegre diante da vida são louváveis. Há alegrias que fazem a vida valer a pena. O conselho de Salomão não é  um convite ao excesso, mas para apreciar as bênçãos da vida.

Fonte: Comentário Bíblico Adventista do Sétimo Dia, vol. 3.



ECLESIASTES 11 – Comentado por Rosana Barros by Ivan Barros
12 de agosto de 2020, 0:45
Filed under: Sem categoria

“Doce é a luz, e agradável aos olhos, ver o sol” (v.7).

De todas as coisas apreciadas e de tudo o que Salomão aplicou o coração a examinar, a prudência, aliada à sabedoria, sem dúvida, é indispensável para quem deseja ter uma vida harmoniosa e feliz. Aquele que é prudente pratica a sabedoria com diligência e evita o mal com urgência. Diante da realidade de que não conhecemos o amanhã (v.2) e nem as misteriosas obras de Deus (v.5), ser prudente é ser grato pelos dias bons, sem esquecer “de que há dias de trevas” (v.8) também, buscando viver cada um deles, com paciência, “até à vinda do Senhor” (Tg.5:7).

Nossos olhos são “a lâmpada do corpo” (Mt.6:22), disse Jesus, e precisamos preservá-los puros. O final do verso 9 nos revela o limite da visão: “sabe, porém, que de todas estas coisas Deus te pedirá contas”. É na luz que percebemos as coisas com nitidez. Da mesma forma, Deus espera que tenhamos prazer na luz, no que pode ser revelado pelo sol. Que nossas ações, além de prudentes, sejam transparentes. Tudo aquilo que está envolto em trevas e que pode macular nosso coração e nossos olhos deve ser evitado e até detestado. Recebemos do Alto o privilégio de sermos luz, e de cumprir uma missão que os anjos gostariam de realizar: “Assim brilhe também a vossa luz diante dos homens, para que vejam as vossas boas obras e glorifiquem a vosso Pai que está nos céus” (Mt.5:16).

Afasta, pois, do teu coração” (v.10), e dos teus olhos, tudo o que pode colocar em risco a tua salvação e do teu semelhante. “Lança o teu pão sobre as águas” (v.1), pregando a Palavra de Deus, e “reparte” (v.2) o que a bondade do Senhor tem lhe concedido. Que a sabedoria que tens recebido não fique “debaixo do alqueire, mas no velador” (Mt.5:15) e ilumine a todos ao seu redor, pois isto é prudente. Que a luz e tudo o que dela provém seja o que lhe agrade os olhos e que o desgosto, a dor (v.10) e as trevas deste mundo não tomem o lugar da verdadeira alegria que só o Senhor pode dar. Quando o mundo nos identificar como um povo que vive o que prega, quando o semblante do Salvador brilhar em nossa face, a Terra será iluminada com o último chamado de Deus e Jesus voltará. Vigiemos e oremos!

Bom dia, luz do mundo!

* Oremos pelo fruto do Espírito Santo em nossa vida.

Rosana Garcia Barros

#PrimeiroDeus #Eclesiastes11 #RPSP

Comentário em áudio: youtube.com/user/nanayuri100



ECLESIASTES 11 – COMENTÁRIO PR HEBER TOTH ARMÍ by Jeferson Quimelli
12 de agosto de 2020, 0:40
Filed under: Sem categoria

ECLESIASTES 11 – A vaidade é glória pessoal chamada vanglória. Dependendo do estilo de vida e da decisão que permeia a essência da existência, viver será uma sequência de desapontamentos e frustrações.

• Por mais que se faça ou se adquire, sem Deus fazendo parte de tudo o que fazemos tudo será em vão – nada dará real e absoluto sentido à vida.

O humanismo é uma corrente filosófica que envolveu muita gente, o qual gerou o racionalismo impregnando os lugares mais longínquos de nossa sociedade; o secularismo resultou da junção do humanismo e o racionalismo; e, por fim, materialismo e hedonismo afloraram de todas as outras correntes filosóficas.

• Nesse emaranhado de filosofias mutantes, fica provado que fora da filosofia divina não há vida, nem prazer, alegria e felicidade permanentes. TUDO É VAIDADE!

Estamos quase no fim do livro que é uma reflexão filosófica inspirada por Deus, escrito pelo sábio rei Salomão; o qual nos envolve numa meditação bem elaborada sobre a vida e a sua vaidade.

Em Eclesiastes 11, a filosofia divina…

• …revela-se prática, exige ação: Seja generoso, não mesquinho; seja bênção, não maldição da vida alheia. Você colhe em abundância o que planta na vida do próximo (vs. 1-2);
• …torna-nos aprendizes da natureza: Ventos vêm e vão, chuvas vem e passam, tempestades derrubam árvores e se despedem. Assim, devemos “tocar” nossa vida adiante enfrentando os desafios pela frente (vs. 3-4);
• …motiva-nos apesar das situações inexplicáveis: Os mistérios da vida não devem estagnar-nos, relaxar-nos, mas desafiar-nos a viver avançando (vs. 5-6);
• …incentiva-nos a viver o máximo focando em Deus: Desconsiderar Deus em nossas atividades é a decisão mais idiota a tomar (vs. 7-10).

Quanto mais cedo na vida entender que sem Deus tudo é ilusão, melhor será! Desde jovem, viva com responsabilidade diante dEle! Não tem coisa melhor na vida!

Essa é a filosofia de Eclesiastes! “Para acentuar sua ideia, o pregador mostra que a vida sem Deus, por mais desejável que pareça, acaba sendo insatisfatória e frustrante. Ele revela que a sabedoria, bens materiais, prazer sensual, festas extravagantes, poder e prestígio não satisfazem. O melhor conceito no qual a filosofia secular consegue chegar é: a vida é curta, cheia de incertezas, sem significado e despida de qualquer paz de espírito real” (Walter A. Elwell).

Reavivemo-nos! – Heber Toth Armí.




%d blogueiros gostam disto: