Reavivados por Sua Palavra


ECLESIASTES 10 – ACESSE AQUI O POST DESEJADO by Jeferson Quimelli
11 de agosto de 2020, 1:10
Filed under: Sem categoria

TEXTO BÍBLICO ECLESIASTES 10 – Primeiro leia a Bíblia

ECLESIASTES 10 – COMENTÁRIO BLOG MUNDIAL (Associação Geral)

ECLESIASTES 10 – COMENTÁRIOS SELECIONADOS

COM. TEXTO ROSANA GARCIA BARROS

COM. TEXTO PR. HEBER TOTH ARMÍ

COM. VÍDEO PR ADOLFO SUAREZ (link externo)

COM. VÍDEO PR EVANDRO FÁVERO (link externo)

VÍDEO PR WEVERTON CASTRO E EQUIPE (link externo)

VÍDEO PR VALDECI JÚNIOR (link externo)

VÍDEO PR RONALDO DE OLIVEIRA (link externo)

VÍDEO PR MICHELSON BORGES(link externo)



ECLESIASTES 10 by Jobson Santos
11 de agosto de 2020, 1:00
Filed under: Sem categoria

Texto bíblico: https://pesquisa.biblia.com.br/pt-BR/NVI/ec/10

Salomão começa este capítulo com uma comparação entre o processo muito frágil usado por um perfumista e o processo ainda mais frágil da vida do crente que tenta ser uma testemunha perfeita, especialmente se ele ou ela é considerado alguém sábio e honrado.

Nos velhos tempos, uma mosca morta, pequena, insignificante e inofensiva, era capaz de estragar o equilíbrio nas essências e óleos necessários para fazer o perfume. Quando as essências do perfume ficavam contaminadas, elas eram simplesmente descartadas. A mesma coisa acontece com uma pequena expressão de raiva, um palavrão, um defeito em nosso caráter ou um mau hábito. Qualquer uma dessas coisas torna inútil a influência de uma pessoa boa.

Espero que nossa oração seja assim:
“Senhor, dá-me um coração sábio e compreensivo, para que eu possa pensar e falar corretamente e possa representá-lo dignamente diante dos outros. Amém.”

Roberto O. Gullón
Secretário Executivo da União Argentina
Divisão Sul Americana

Texto original: https://www.revivalandreformation.org/?id=915
Tradução: Pr Jobson Santos/Jeferson Quimelli/Gisele Quimelli



ECLESIASTES 10 – COMENTÁRIOS SELECIONADOS by Jeferson Quimelli
11 de agosto de 2020, 0:50
Filed under: Sem categoria

1 Mosca morta. Literalmente “moscas da morte” ou seja, moscas prestes a morrer. As regiões orientais são particularmente afetadas por pestes de moscas e de outros insetos, Se, ao morrer, as moscas caíssem dentro de um perfume e se decompusessem ali, o perfume se estragaria.

Um pouco de estultícia… Um único ato de loucura pode arruinar uma boa reputação. Uma vida discreta pode terminar em ruína em resultado de um único ato insensato.

2 O coração do sábio… O lado direito era considerado o lado do favor, da honra e do sucesso (ver Sl 16:8, 11: 110:5; Mt 25:31-34… Lc 1:11).

Para o da esquerda. O lado esquerdo era considerado o do mal e do infortúnio…

4 Espírito (ARC). Do heb. ruach, “sopro” (…). Aqui a referência é ao temperamento ou disposição mental (a ARA diz “indignação”). A palavra também pode ser traduzida como “ira” (Jz 8:3).

Não deixes o teu lugar. Não desista de seu posto de dever. Uma ação precipitada, feita em espírito de retaliação, reflete instabilidade emocional e falta de bom senso. Além disso, a pessoa que age assim geralmente é afetada negativamente. É melhor suportar o descontentamento temporário do superior.

5 Erro… Quando, sem escrúpulos, um príncipe se cerca de favoritos, cujo propósito único é lisonjeá-lo, seus erros de conduta e de julgamento são multiplicados.

7 … Príncipes andando a pé. Isto é, homens de alto nível sendo tratados indignamente.

8 … Uma cobra. Nos países orientais, fendas nos ásperos muros construídos sem argamassa eram excelentes esconderijos para cobras e escorpiões (ver Am 5:19).

9 Arranca… isto é, tirar uma pedra talhada para fora do muro e da pedreira. era grande o perigo neste trabalho feito com métodos primitivos…

Racha lenha… Talvez Salomão não esteja falando em cortar lenha, o que não é perigoso, mas em derrubar árvores.

10 Ferro. Isto é, a cabeça de um machado (ver 2 Rs 6:5).

A sabedoria é excelente (ARC). Preparação adequada para qualquer empreendimento resulta  em uma melhor obra, realizada com menos esforço. Preparação hábil, muitas vezes, faz a diferença entre o sucesso e o fracasso. O cristão deve procurar fazer uso das melhores ferramentas de habilidade espiritual para a tarefa da construção do caráter. Esforço, somente, é insuficiente; deve haver conhecimento e zelo (ver Rm 10:2).

11 Antes de estar encantada. O sentido é que, se uma cobra morde o encantador antes de ser encantada, não há nenhum mérito em sua habilidade como encantador.

12 … Devoram. Isto é, a causa de sua própria ruína, de envergonhá-lo (ver Pv 10:8, 21; 18:7; 29:9).

14 … O homem. Isto é, aquele que ouve o discurso do tolo. É difícil entender o que  o tolo diz e o que ele quer dizer. Quanto mais tola for uma pessoa, mais ela estará inclinada a fazer afirmações dogmáticas com relação  aos mais profundos mistérios.

15 … Nem sabe. O tolo é tão néscio que, se for enviado à cidade com uma missão, se sentará à beira da estrada, esquecerá a missão e se verá perdido (ver Pv 10:26; 26:6; Ec 4:5). A estrada para a cidade era claramente marcada, de modo que somente um tolo poderia se perder (ver Is 35:8).

16 Rei. Literalmente, “moço”. A juventude é enfatizada, pois é uma idade marcada, com frequência, por falta de reflexão e bom senso (ver Is 3:4).

17 … Refazerem as forças. De acordo com as necessidades físicas, e não para ceder ao apetite ou exercer uma atividade social.

18 … Goteja. Literalmente, “vazamentos”. Os terraços das casas orientais necessitam de atenção constante. as goteiras são comuns (ver Pv 19:13; 27:15). da mesma forma, a negligência da pessoa responsável leva um país à ruína.

20 Nem no teu pensamento amaldiçoes. Uma advertência para cuidar do pensamento e da expressão. É perigoso fazer declarações fortes sobre outras pessoas, especialmente contra as que possuem autoridade (ver Êx 22:28).

Fonte: Comentário Bíblico Adventista do Sétimo Dia, vol. 3.



ECLESIASTES 10 – Comentado por Rosana Barros by Ivan Barros
11 de agosto de 2020, 0:45
Filed under: Sem categoria

“O coração do sábio se inclina para o lado direito, mas o do estulto, para o da esquerda” (v.2).

Usando comparações próprias à sua época, Salomão exaltou a sabedoria em contraste com a tolice. O sábio e o tolo foram colocados em lados opostos, respectivamente, direito e esquerdo. Na perspectiva do pregador, não pode haver a junção de ambos, pois seria como um inseto morto em frasco de perfume (v.1). Também não há dificuldade em reconhecer um tolo, pois, em algum momento de sua vida isso fica bem evidente (v.3). Em síntese, este capítulo aponta para a sabedoria como um recurso divino que poucos possuem em discrição, mas que muitos alegam possuir por exibição.

Entre um rei e um servo, um pobre e um rico, um culto e iletrado, não existem barreiras que os impeça de receber sobre si a promessa liberal: “Se, porém, algum de vós necessita de sabedoria, peça-a a Deus, que a todos dá liberalmente e nada lhes impropera; e ser-lhe-á concedida” (Tg.1:5). Então, a inclinação do sábio sempre será para o lado direito, para o que é reto e justo, para a Palavra de Deus como regra de fé e prática. De uma cova aberta na terra ao duro ferro, Salomão empregou ditados morais com prováveis aplicações do cotidiano para concluir que o que o tolo busca pela força, sem sucesso, “a sabedoria resolve com êxito” (v.10).

Amados, não podemos e não devemos nos desgastar com as formas, enquanto a essência do evangelho, Jesus Cristo, não for a motivação principal para realizá-las. Ostentação, más conversações e sentimentos cultivados para o mal enchem de simpatizantes o lado esquerdo. Mas como um príncipe que se senta à mesa apenas para refazer as forças e não para orgias, o “sábio conhece o tempo e o modo” (Pv.8:5), de maneira que sua vida se torna em um luminar em constante ascendência, porque “a vereda dos justos é como a luz da aurora, que vai brilhando mais e mais até ser dia perfeito” (Pv.4:18). O justo sabe que “o ânimo sereno acalma os ofensores” (v.4) e no manancial da oração encontra a mansidão de que necessita. Ele se aprofunda nas Escrituras, e em cada verdade revelada, em cada palavra inspirada, reconhece “a boa, agradável e perfeita vontade de Deus” (Rm.12:2).

A sabedoria está à distância de uma oração. O “lado direito” (v.2) pode ser trafegado pelo acesso do pedágio do “eu aceito”. Pela fé, podemos abalar o mundo com a última mensagem de esperança e sabedoria. Inclina-te, agora, para o lado direito! Estude com humildade a Palavra do Senhor. Ore com perseverança até que a presença de Jesus ao seu lado seja praticamente palpável. Acrescente à sua vida, a suavidade e simplicidade do Salvador, que Se portava com polidez diante das autoridades e com singeleza diante dos marginalizados. Permita que o Espírito Santo realize a Sua mais importante obra em tua vida: que você reconheça o seu lugar de criatura e o lugar do Senhor como Criador. Então, naquele Grande Dia, do lado direito você ouvirá: “Vinde, benditos de Meu Pai! Entrai na posse do reino que vos está preparado desde a fundação do mundo” (Mt.25:34). Vigiemos e oremos!

Bom dia, peregrinos do lado direito!

Rosana Garcia Barros

#PrimeiroDeus #Eclesiastes10 #RPSP

Comentário em áudio: youtube.com/user/nanayuri100



COMENTÁRIO ECLESIASTES 10 – PR. HEBER TOTH ARMÍ by Jeferson Quimelli
11 de agosto de 2020, 0:40
Filed under: Sem categoria

ECLESIASTES 10 – A revelação do mistério daquilo que para nós está oculto se dá graças à misericórdia de Deus. “Só a revelação divina pode dar simetria e significado à vida. O homem ‘debaixo do sol’ dá aqui mais provas da sua falta de iluminação espiritual”, comenta Merril Frederick Unger.

• A distinção entre aqueles que assimilam a revelação divina em sua vida e os que vivem de sua própria intuição é tão contrastante quanto é diferente o sábio e o tolo.

Harold L. Willmington destaca que neste capítulo “Salomão reflete sobre os diferentes tipos de pessoas”, e, então, oferece-nos o seguinte esboço:

I. OS INDIVÍDUOS DESCRITOS POR SALOMÃO:
1. O sábio:
a) Seu coração direciona-se pelo que é certo (v. 2a);
b) Sua boca pronuncia palavras graciosas (v. 12a).
2. O tolo:
a) Seu coração direciona-se pelo que é mal (v. 2b);
b) A maneira que anda denuncia suas tolices (v. 3);
c) A ele é frequente e tragicamente dada autoridade (vs. 6-7);
d) Ele é consumido por suas próprias palavras (vs. 12b-14);
e) Ele se esgota com tarefas simples (v. 15).
3. O que possui autoridade:
a) Fique calmo, não desista se seu superior irar-se com você (v. 4);
b) Ai da terra cujo rei é uma criança (v. 16);
c) Feliz da terra cujo rei é um nobre (v. 17);
d) Não amaldiçoe o rei [líder político], nem mesmo em pensamento (v. 20).
4. O preguiçoso: Deixa o teto desabar e goteiras na casa (v. 18).

II. OS DANOS SOBRE OS QUAIS SALOMÃO ALERTA. Ele recomenda cuidado:
1. Cavando uma cova, não caia nela (v. 8a);
2. Derrubando um muro, cuidado para que a cobra não o pique (v. 8b);
3. Trabalhando em pedreira, atente para que as pedras não o machuquem (v. 9a);
4. Derrubando árvores, vigie para que o machado não o acerte (vs. 9b-10).

III. AS OBSERVAÇÕES DE SALOMÃO:
1. Uma festa produz risadas (v. 19a);
2. A vinha produz felicidade (v. 19b);
3. O dinheiro produz tudo (v. 19c).

Deus deseja nosso bem e desenvolvimento integral. Rejeitar Sua revelação é dar preferência ao mal e à decadência em nossa existência. As instruções espirituais fazem bem inclusive nos aspectos físicos, emocionais e sociais.

Portanto, precisamos priorizar Deus e Seus princípios! – Heber Toth Armí.




%d blogueiros gostam disto: