Reavivados por Sua Palavra


SALMO 58 – Comentado por Rosana Barros by Ivan Barros
31 de março de 2020, 0:45
Filed under: Sem categoria

“Então, se dirá: Na verdade, há recompensa para o justo; há um Deus, com efeito, que julga na Terra” (v.11).

Impressionado pelas injustiças e pela impunidade dos perversos, Davi não ocultou a sua ira. A parcialidade das autoridades jurídicas da época e seu julgamento iníquo provocava no grande rei e guerreiro fome e sede de justiça. A prosperidade e tranquilidade dos ímpios despertava-lhe o anseio pela justiça divina e pela vingança dos justos. Seu sentimento, porém, não lhe era peculiar, nem tampouco eram exclusivas de seu tempo as obras que contemplava.

Desde Abel, “a voz do sangue” dos filhos de Deus “clama da terra” (Gn.4:10). O mesmo símbolo é apresentado na visão de João na abertura do quinto selo: “Até quando, ó Soberano Senhor, santo e verdadeiro, não julgas, nem vingas o nosso sangue dos que habitam sobre a Terra?” (Ap.6:10). Elencados como justos pela dispensação de Cristo, muitos dormem no pó da terra até que se completem “o número dos seus conservos e seus irmãos” (Ap.6:11). No juízo final veremos o cumprimento da profecia dada a Daniel: “Muitos que dormem no pó da terra ressuscitarão, uns para a vida eterna, e outros para vergonha e horror eterno” (Dn.12:2).

A Bíblia apresenta uma impiedade adquirida desde a concepção (v.3); de pessoas que já nascem com a índole corrompida. Muitos estudiosos classificam a índole como um conjunto de peculiaridades e de características inerentes à pessoa desde o seu nascimento. Ou seja, são as heranças biológicas, tendências transmitidas dos pais aos filhos. A índole, contudo, difere do caráter, pois este é adquirido através da educação e do ambiente em que o indivíduo é exposto. Há esperança, portanto, para todo aquele que se dispõe a aprender na escola de Cristo. Pois, assim diz o Senhor: “Mas, se o perverso se converter de todos os pecados que cometeu, e guardar todos os Meus estatutos, e fizer o que é reto e justo, certamente viverá; não será morto” (Ez.18:21).

Tão perto como estamos da gloriosa aparição de nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo, que pela graça de Deus não façamos parte do grupo descrito pelo apóstolo Paulo (2Tm.3:1-5). Não há herança de sangue que não possa ser lavada pelo sangue do Cordeiro! Os últimos apelos estão sendo feitos antes que os ímpios “Desapareçam como águas que se escoam” (v.7). Eis o desejo do Eterno: “que ninguém pereça, senão que todos cheguem ao arrependimento” (2Pe.3:9). “Ouvi isto, vós, todos os povos” (2Cr.18:27), antes que chegue o tempo em que se dirá: “Continue o injusto fazendo injustiça, continue o imundo ainda sendo imundo; o justo continue na prática da justiça, e o santo continue a santificar-se” (Ap.22:11). “Arrependei-vos, porque está próximo o reino dos céus” (Mt.3:2). Vigiemos e oremos!

Bom dia, lavados pelo sangue de Cristo!

Desafio da semana: Intensifique os seus momentos de comunhão com Deus e as orações “por todos os santos” (Ef.6:18).

Rosana Garcia Barros

#PrimeiroDeus #Salmo58 #RPSP

Comentário em áudio: youtube.com/user/nanayuri100


Deixe um comentário so far
Deixe um comentário



Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.



%d blogueiros gostam disto: