Reavivados por Sua Palavra


Levítico 18 by jquimelli
27 de outubro de 2015, 1:00
Filed under: Sem categoria

Comentário devocional:

Deus chamou Seu povo para que fosse separado para Ele. Eles não deviam praticar as abominações do Egito, nem adotar as práticas sensuais de Canaã. Neste capítulo, vemos como Deus começa a implantar um sistema de ordenanças com objetivo de salvaguardar a santidade da família e do casamento e, o mais importante, a santidade do coração.

Como diz Paulo em 1Ts 4:3-4 e 7: “A vontade de Deus é que vocês sejam santificados: abstenham-se da imoralidade sexual. Cada um saiba controlar o seu próprio corpo de maneira santa e honrosa … Porque Deus não nos chamou para a impureza, mas para a santidade” (NVI). Acredito que este é o pensamento chave por trás deste capítulo inteiro de Levítico.

O diabo procurava expor a nudez espiritual do povo de Deus, e ainda procura. Porém, Deus trabalha ajudando o seu povo a cobrir a nudez espiritual de seus corações e corpos. Nossos revestimentos humanos são apenas trapos imundos e são quase tão bons em cobrir nossa nudez, como eram os aventais de folha de figueira de Adão e Eva.

A nudez não nos separa de Deus – ela nos mostra a necessidade de sermos cobertos, e Deus está pronto e disposto a fazer isto. “Cristo morreu em nosso favor quando ainda éramos pecadores (ou: “quando ainda éramos nus”)” (Rm 5:8).

Aceitemos a Sua cobertura de perfeita justiça hoje!

Melodious Echo Mason
Ministério A.R.M.E. de Acampamentos Bíblicos
EUA

Também disponível em: http://www.revivalandreformation.org/bhp/pt/biblia/lev/18 e https://www.facebook.com/ReavivadosPorSuaPalavra
Texto original: http://www.revivalandreformation.org/bhp/en/bible/lev/18 e http://revivedbyhisword.org/en/bible/lev/18/
Tradução/Adaptação: JQuimelli/GQuimelli
Texto bíblico: Levítico 18
Comentário em áudio
Leituras da semana do programa Crede em Seus Profetas: Parábolas de Jesus, caps.16-17



Levítico 18 – Comentários pr Heber by jquimelli
27 de outubro de 2015, 0:45
Filed under: Sem categoria

LEVÍTICO 18 – Cuidados com corpo não se relacionam apenas com o que ingerimos (gordura de animais, sangue ou carnes imundas); envolver-se com certas práticas sexuais contamina a alma, tornando-a imprópria para morada de um Deus santo; própria, porém, para esconderijo de demônios.

A imoralidade proibida no sétimo mandamento (Não adulterarás) é especificada neste capítulo. Deus fez órgãos sexuais para eliminação daquilo que o corpo não necessita e também para satisfação/prazer e procriação.

Contudo, Satanás almeja tornar maldição o que Deus fez para ser benção. Por isso, rigorosamente…

1. Deus proíbe relações sexuais com parentes próximos: Mãe, avó, irmãos, netos, enteados, madrasta/padrasto, sobrinhos, tios, nora, cunhado (vs. 6-16). Tais práticas desonram a Deus, a si mesmo, e aos familiares.

2. Deus proíbe relações sexuais com mulher e filha desta mulher (relacionar-se com ambas), nem neta (pedofilia). Proíbe casar-se com a cunhada, sem ser viúvo. Proíbe relações com a esposa na menstruação e com a esposa do vizinho (vs. 17-20). Tais práticas são perversão de caráter.

3. Deus proíbe relações sexuais do mesmo gênero sexual tanto quanto proíbe queimar filhos em sacrifícios a deuses falsos (vs. 21-22).

4. Deus proíbe relações sexuais com animais como gorila, jegue, tatú, vaca, cavalo, etc. (v. 23). Tal bestialidade é repugnante e contaminante.

Para resolver tais perversões Deus prepara juízo que condena os nefários à destruição. Tal castigo faz a terra vomitar àqueles que contaminam o mundo com sua conduta depravada.

Os verdadeiro servos de Deus não se conformam com tais coisas abomináveis. O capítulo não descreve ordens de Moisés. Deus dá ênfases para demonstrar que tais imperativos são divinos, não humanos (vs. 1-5). Estas práticas provocam ira no Deus que é santo.

Ame a Deus, afaste-se delas! Combata a pecaminosidade! Promova a santidade!

A fúria visível de Deus contra os canaanitas perversos é evidência clara aos israelitas e a nós o quanto Ele é intolerante a tais práticas detestáveis. Deus usa a destruição dos povos antigos como advertência para Seu amado povo, o qual deve ser santo (vs. 24-30).

Deus não fez ninguém para viver atolado no chiqueiro do diabo chafurdando na lama do pecado; Deus nos criou para a pureza e a beleza da santidade. Anuncie isso aos teus amigos!

Deus quer nossa companhia. Santifiquemo-nos! – Heber Toth Armí.



Levítico 18 – Comentários selecionados by jquimelli
27 de outubro de 2015, 0:30
Filed under: Sem categoria

18:1 – 27:34 Estes capítulos ensinam os israelitas como viver vidas santas. Andrews Study Bible.

18.1 – 20.27 Aqui, o povo de Deus recebe instruções a respeito dos relacionamentos entre pessoas e de uma moralidade que reflete a santidade de Deus. Dessa maneira, Israel foi sendo preparado para um estilo de vida diferente daquele dos cananeus, cujo comportamento era deploravelmente imoral. O cap 18 contém proibições na esfera moral, o cap. 19 expande os dez mandamentos para detalhar a moralidade correta, e o cap. 20 determina as penalidades pela violação dos padrões divinos da moralidade. Bíblia de Estudo NVI Vida.

1-30 Moisés instrui [a partir da palavra do Senhor] Israel acerca das práticas ilegítimas vinculadas ao sexo e à família, incluindo o incesto (vs. 6-20), os sacrifícios de crianças (v. 21), o homossexualismo (v. 22) e a bestialidade (v. 23). Os vizinhos de Israel não tinham muitas restrições nas suas atitudes sexuais e no seu comportamento (v. 3). … As leis existentes neste capítulo pressupões o casamento entre israelitas. Entretanto, uniões entre parentes em primeiro grau … e … e parentes próximos por casamento também eram proibidas. Bíblia de Genebra.

Os padrões de pureza na vida familiar que sempre tinham tomado vulto perante os olhos dos israelitas, a saber, os do Egito e de Canaã, eram corrompidos; por este motivo, Israel precisava de um padrão divinamente inspirado, por ser um povo santo, dedicado a Jeová.  As leis modernas sobre o casamento, na sua maior parte, seguem as limitações estabelecidas aqui. O casamento entre parentes consanguíneos aumenta a possibilidade de problemas de hereditariedade, especialmente no caso de doenças mentais. a pureza sexual é uma parte integrante da saúde do corpo e da alma. Bíblia Shedd.

3 Os israelitas se moveram de um país infestado de ídolos para outro. À medida que Deus os auxiliava a formar uma nova cultura, Ele os advertia para deixar todos os aspectos do ambiente pagão de onde vieram. Ele também os advertia de quão fácil seria deslizar para dentro da cultura pagã de Canaã, para onde iriam. A sociedade e as religiões de Canaã apelavam para desejos mundanos, especialmente para imoralidade sexual e embriaguez. Os israelitas deveriam se manter puros e separados para Deus. Ele não queria que Seu povo se absorvesse na cultura e ambiente ao redor. A sociedade pode nos pressionar a nos conformar com seu modo de agir e pensar, mas ceder a esta pressão: 1) criará confusão quanto a que lado devemos estar e 2) eliminará nossa efetividade de servir a Deus. Siga a Deus, e não deixe que a cultura em torno de você molde seus pensamentos e ações. Life Application Study Bible.

viverá. Com a plena bênção de Deus. A lei era o caminho da vida para os redimidos (v. Ez 20.11, 13, 21), e não o caminho da salvação para os perdidos (v. Rm 10.5; Gl 3.12). Bíblia de Estudo NVI Vida.

As leis de Deus visam o bem das pessoas (comparar com Dt 10:13). Assim, por causa e efeito, o Seu povo prosperaria aos observá-las (comparar com Êx 20:12 – “para que se prolonguem os teus dias na terra”). Mas a obediência não afasta as consequências das falhas passadas em observar as leis de Deus (Rm 3:19-26; Gl 3:10-14). Andrews Study Bible.

6-18 Casar com parentes foi proibido por Deus por razões físicas, morais e morais. Crianças nascidas de parentes próximos poderiam experimentar sérios problemas de saúde. … Relações sexuais impróprias destroem a vida familiar. Life Application Study Bible.

6-27 Vários ações abomináveis ou perversas são listadas aqui. … A sociedade de hoje trata de forma condescendente de algumas dessas práticas, chegando a fazer algumas delas aceitáveis. Mas elas ainda são pecado aos olhos de Deus. Se você as considera aceitáveis, você não as está julgando de acordo com os padrões e Deus. Life Application Study Bible.

Nenhum homem se chegará a qualquer parenta de sua carne. Esta é a proibição básica do incesto, que obviamente regula as relações sexuais com filha ou irmã. Os vs. 17-20, 22-23 aplicam a regra a outros tipos de relações sexuais proibidas. … Essas são leis morais eternas [timeless]. Andrews Study Bible.

É verdade que nos primeiros dias da raça humana irmão se casava com irmã, desde que não havia mais ninguém com quem casar. Com o firme estabelecimento da raça humana, Deus proibiu casamentos consanguíneos. Por exemplo, um homem não devia se casar com sua irmã, nem com sua tia, ou com sua nora. Bíblia Shedd.

não lhe descobrirás a nudez (ARA). NVI: “não se envolva sexualmente com ela” [também nas demais ocorrências].

é nudez de teu pai (ARA). NVI: “isso desonraria seu pai” [de forma análoga, nas demais ocorrências].

16 a mulher de seu irmão. Casar-se com a viúva do irmão, além de ser imoral, poderia lesar a herança do irmão. A lei do levirato, em Dt 25.5, 6, oferecia uma exceção no caso de ser necessário preservar a herança do irmão falecido e continuar sua linhagem. Bíblia de Estudo NVI Vida.

18 Não tome por mulher a irmã da sua mulher, tornando-a rival. Nesse contexto, essa lei proíbe o casamento com duas irmãs entre si (comparar com v. 17), o que poderia causa rivalidade entre si (comparar com Gn 29-30). Mas a expressão “por mulher a irmã da sua mulher” pode se referir a qualquer mulher, não necessariamente irmã literal (p.e., 26:3, 5-6; Ez 1:9, 23; 3.13). Então, a letra dessa lei tende a desencorajar a poligamia. Andrews Study Bible.

O triste exemplo do casamento de Jacó com Lia e Raquel ilustra a sabedoria compassiva dessa lei (Gn 29.23-30.24). Bíblia de Genebra.

21 Moloque. O deus dos amonitas (v. 20.2-5; 1Rs 11.5 e nota). A prática detestável de sacrificar crianças a Moloque era comum a Moloque era comum na Fenícia e em outros países ao redor. V 2Rs 3.26, 27. O rei Manassés, segundo parece, sacrificou seus filhos a Moloque (2Cr 33.6; v. 2Rs 23.10). Jr 32.35 protesta contra essa prática. Bíblia de Estudo NVI Vida.

A proibição contra o culto idólatra  e cruel adoração a este deus adorado pelos amonitas se encaixa neste capítulo que trata de ofensas sexuais porque faz mau uso da “semente” (descendentes), assim como o adultério faz mau uso da “semente” (sêmen; Lv 18:20). Além disso, a adoração a Moloque era um tipo de adultério espiritual. Andrews Study Bible.

O culto a Moloque, o deus dos amonitas, foi uma tentação para os israelitas (1Rs 11.7; 2Rs 23.10). Bíblia de Genebra.

O nome específico usado aqui se refere a uma imagem oca, com braços estendidos, e com um incinerador na parte vazia, destinado a receber crianças em sacrifício queimado. Bíblia Shedd.

22 Não se deite com homem. Aqui a atividade homossexual masculina é declarada como abominação a Deus (ver tb 20:13). Rm 1:26-17 se refere como paixões pecaminosas tanto a homossexualidade masculina quanto a feminina. A condenação é por agir de acordo com a tendência. Andrews Study Bible.

24-30 Estes versículos lançam luz sobre o motivo da destruição das nações de Canaã por mandato divino. As abominações da imoralidade das nações pagãs tinham chegado a um tal extremo que, afinal, a “medida da iniquidade dos amorreus” se encheu, Gn 15.16. Por isso, Deus advertiu a Israel que tivesse cuidado e não fizesse como os cananeus. Como Israel era o povo escolhido de Jeová, esperava-se mais deles do que de qualquer outra nação, Dt 9.25-29. Bíblia Shedd.

25 a terra se contaminou. A imundícia e o pecado são contagiosos; tudo o que entrasse em contato com essas coisas ficava infectado, incluindo o santuário (16.16, nota) e a terra. Bíblia de Genebra.

28 se vocês contaminarem a terra, ela os vomitará. Não havia reparação ritual para tais contaminações , o que resulta no exílio da terra prometida (comparar com 26:33-39). Andrews Study Bible.




%d blogueiros gostam disto: