Reavivados por Sua Palavra


Êxodo 39 by jquimelli
8 de outubro de 2015, 1:00
Filed under: Sem categoria

Comentário devocional:

As vestes sacerdotais e coroa eram muito bonitas – elas serviam como um lembrete do reino de Deus que está por vir. Eram lembretes de uma promessa e aliança que Deus tinha com seu povo.

Cada pessoa que recebe a salvação de Cristo irá vestir uma roupa semelhante no céu, receberá um novo nome e terá a inscrição “Santidade ao Senhor” em sua coroa, como na coroa sacerdotal (Nosso Pai Cuida, pp 61-62). Este traje não fazia os sacerdotes terrestres superiores a qualquer outra pessoa, mas mostrava que eles tinham sido escolhidos para representar o povo diante de Deus. As pedras preciosas no éfode [estola sacerdotal] tinha os nomes de cada tribo inscrito neles.

Quando Cristo morreu, ele se tornou o definitivo Sumo Sacerdote. Os nomes daqueles que aceitam o Seu sangue estão inscritos na palma de Suas mãos enquanto Ele intercede em nosso benefício.

“Cristo conservará conSigo os nomes de todos que não consideram nenhum sacrifício demasiado alto para ser oferecido a Ele sobre o altar de fé e amor … Os nomes dos obedientes, abnegados e fiéis serão gravados nas palmas de Suas mãos … Ele intercederá por eles especialmente em Seu nome perante o Pai “. (Testemunhos para a Igreja, 3:250-251).

Agora, todas as peças do tabernáculo estão prontas e adoração a Deus se concentrará no lugar Santíssimo. Aqui os nomes daqueles que se arrependeram e aceitaram a substituição de seus pecados pelo sangue serão apresentados diante de Deus. A oração do pecador, súplica, lutas e desejos serão trazidos diante de Deus. O tabernáculo em sua totalidade era um canal entre o homem e Deus na terra. A adoração estabelecida por meio do tabernáculo era o meio de comunicação entre o homem caído e Deus e uma maneira de restaurar o que foi perdido no Jardim do Éden.

Giselle Sarli Hasel
Escola de Artes Visuais e Design
Southern Adventist University

 

Também disponível em:http://www.revivalandreformation.org/bhp/pt/biblia/exo/39 e https://www.facebook.com/ReavivadosPorSuaPalavra

Texto original: http://www.revivalandreformationorg/bhp/en/bible/exo/39 e http://revivedbyhisword.org/en/bible/exo/39/

Tradução/adaptação: JQuimelli/GQquimelli

Texto bíblico: Êxodo 39

Comentário em áudio

Leituras da semana do programa Crede em Seus Profetas: Parábolas de Jesus, cap.13



Êxodo 39 – Comentários pr Heber by jquimelli
8 de outubro de 2015, 0:45
Filed under: Sem categoria

Na Bíblia Jabez ganha apenas dois versículos e na história, vários livros se escrevem sobre ele. Contudo, quase nada se escreveu sobre Bezelel e Aoliabe, os construtores principais do complexo Santuário de Deus na Terra, suas mobílias e as roupas sacerdotais.

Neste capítulo podemos constatar a confecção…

1. Do éfode sacerdotal, com quatro cores: Púrpura, carmesim, branco e azul; com ouro nas lâminas, e uma pedra de ônix em cada ombreira com os nomes das tribos israelitas (vs.1-7);

2. Do peitoral, com doze pedras preciosas, representando cada uma das doze tribos de Israel (vs. 8-21);

3. Da indumentária/vestes, que era uma sobrepeliz da estola/éfode sacerdotal azul, para ser usada embaixo da estola. Em sua orla tinha campainhas de ouro puro e romãs (vs. 22-26);

4. Da túnica de linho fino que deveria ser a primeira parte a ser vestida (vs. 27-29);

5. Do turbante, o qual consistia de uma lâmina de ouro ligada à mitra com a inscrição: “SANTIDADE AO SENHOR” (vs. 30-31).

Os últimos versículos do capítulo falam da inspeção feita por Moisés e sua aprovação que resultou em bênção (vs. 32-43). Palmas para Bezelel e Aoliabe! Eles merecem muitos aplausos. Eles devem ser reconhecidos pela dedicação, empenho e realização.

Para o Santuário utilizou-se o melhor material com objetivo de ter exuberante beleza. Para isso, dentre os construtores, foram escolhidos os mais hábeis, os quais foram capacitados pelo Espírito Santo.

Aplicações: A obra do Senhor…

• …deve ser realizada em harmonia com as orientações do Senhor e dividir tarefas com outros filhos de Deus conforme o talento de cada um (v. 42);
• …deve ser realizada com dedicação e nunca fazer pela metade, relaxadamente ou independentemente (v. 42);
• …deve ser tão bem feita, com o melhor de nosso melhor, mas nunca se esquecer de seguir sempre as especificações dadas por Deus (v. 43);
• …quando feita com sabedoria, dependendo do Espírito Santo, com os melhores recursos e os melhores talentos não ignora a inspeção dos melhores líderes espirituais (v. 43).
• …quando feita com capricho, resulta em bênçãos para todos (v. 43).

Com Bezelel e Aoliabe aprendamos preciosas lições, principalmente a fazer o melhor para Deus, tudo conforme Suas orientações!

Com Bezelel e Aoliabe aprendamos a ser responsáveis na obra de Deus independente de reconhecimento! – Heber Toth Armí.



Êxodo 39 – Comentários selecionados by jquimelli
8 de outubro de 2015, 0:30
Filed under: Sem categoria

1 como o Senhor ordenara. Esta expressão se repete sete vezes neste trecho que descreve os atavios sacerdotais (1-31). É para enfatizar que nenhum sacerdote pode vocacionar-se a si mesmo, mas tem de ser chamado por Deus (Hb 5.4-6, onde se vê que o próprio Jesus não arrogou o privilégio a Si mesmo). Bíblia Shedd.

3 de ouro batido. Pela primeira vez explica-se o método pelo qual o fio de ouro era preparado para o bordado. CBASD – Comentário Bíblico Adventista do Sétimo Dia, vol. 1, p. 740.

14 As pedras eram conforme os nomes dos filhos de Israel. A beleza e preciosidade dessas pedras, com os nomes do povo de Deus nela gravados, representavam a glória para a qual Israel deveria ser transformado, como possessão exclusiva de Deus (19.5). De uma forma semelhante os nomes dos doze apóstolos, representando a Igreja de Cristo, estão gravados nas doze pedras preciosas que são os fundamentos da Nova Jerusalém (Ap 21.14-20). Bíblia Shedd.

24 romãs (heb rimmon). Fruta muito apreciada desde os tempos mais remotos. Várias cidades da Palestina tinham esse nome, por exemplo: Rimon (Js 15.32); Gate-rimon (Js 19.45) e En-rimon (Ne 11.29). Do suco da romã se fazia um refresco saboroso, das sementes um xarope e das flores um remédio adstringente. Romãs ornamentais decoraram também os capitéis das colunas do Templo de Salomão (1Rs 7.20) e o siclo de prata [moeda] que circulava em Jerusalém no segundo século a.C. Bíblia Shedd.

28 mitra. Baseado em Is 22.8 (onde no heb temos a forma verbal), pode-se deduzir que era um turbante enrolado em cima da cabeça. Sobre ela se colocará a "lâmina de ouro", uma espécie de diadema, "coroa sagrada" (30). Foi este último artigo que tinha o significado especial, segundo 28.38 "…para que Arão leve a iniquidade…"; isto é, o sumo sacerdote simbolicamente levava o pecado do povo, como seu representante. Bíblia Shedd.

30 santidade ao Senhor. Quando a coroa real se acrescenta às vestes sacerdotais, há o reconhecimento da intenção divina de fazer de Israel uma nação teocrática, governada soberanamente por Deus, através dos Seus servos escolhidos. Bíblia Shedd.

32 foi encerrada toda a obra do tabernáculo. Relembra as palavras finais da narrativa da criação (v. Gn 2.1-3). Bíblia de Estudo NVI Vida.

Cada pequeno detalhe do tabernáculo estava pronto. O Criador do universo estava interessado mesmo nas pequenas coisas. Mateus 10.30 diz que Deus conhece o número de cabelos de nossas cabeças. Isso mostra que Deus se interessa muito por você. Não tenha medo de falar com Ele a respeito de suas preocupações – não importa quão pequenas ou insignificantes elas pareçam. Life Application Study Bible.

Visto que os israelitas não chegaram ao monte Sinai antes do terceiro mês (Êx 19:1) e que Moisés esteve com Deus por cerca de três meses (24:18; 34:28), a construção do tabernáculo começou por volta do sexto ou sétimo mês e foi completada antes do final do ano (Êx 40:2; PP, 349). A construção durou, então, seis meses. A rapidez com que a obra foi completada indica a consagração, habilidade e cooperação fraternal da parte de todos os envolvidos no projeto e as bênçãos de Deus sobre seus esforços. CBASD, vol. 1, p. 740.

33 trouxeram a Moisés. Os componentes finalizados foram trazidos a Moisés para inspeção. Moisés tinha recebido as instruções do Senhor (caps. 25 – 31) e só Moisés podia determinar a precisão do que havia sido feito. Bíblia Shedd.

Em qualquer posição de responsabilidade na qual você se encontre, acompanhe de perto se as tarefas foram completadas como desejado e mostre sua apreciação às pessoas que ajudaram. Life Application Study Bible.

42 segundo o Senhor ordenara a Moisés. A obra de fazer o Tabernáculo era o resultado da revelação (25.40) e da inspiração divina (31.3). Esses dois aspectos atuam na obra de Cristo na formação do templo (que é a Sua Igreja)… (1Pe 2.5; 1Co 6.19-20). Não se pode compreender esta obra tão sublime sem a revelação de Deus registrada nas sagradas Escrituras e aplicada ao nosso entendimento por obra do Espírito Santo. Depois de recebermos a revelação que nos esclarece a vontade de Deus, carecemos encher-nos do Espírito para pô-la em prática, e vivermos a mensagem de Deus, o que nos torna à Sua imagem revelada em Jesus Cristo (Cl 3.10). Bíblia Shedd.

43 A linguagem que aqui se emprega é semelhante à descrição da criação do mundo (Gn 1.31 e 2.3). Sugere que a obra sacerdotal de Cristo, simbolizada pelos vários objetos do Tabernáculo, tem a finalidade de fazer dos homens novas criaturas (2Co 5.17). Bíblia Shedd.




%d blogueiros gostam disto: