Reavivados por Sua Palavra


TIAGO 1 – Comentado por Rosana Barros by Ivan Barros
2 de dezembro de 2021, 0:45
Filed under: Sem categoria

“Bem-aventurado o homem que suporta, com perseverança, a provação; porque, depois de ter sido aprovado, receberá a coroa da vida, a qual o Senhor prometeu aos que O amam” (v.12).

Dirigindo-se ao Israel de Deus espalhado pelo mundo, Tiago inaugurou a sua epístola com palavras de ânimo e motivação em um período em que a igreja primitiva estava sofrendo por sua fidelidade. Após o Pentecostes, uma severa oposição se abateu sobre a comunidade cristã, de forma que muitos foram mortos e outros tiveram que deixar suas casas e partir para lugares desconhecidos. Nesse tempo, o dom de línguas mostrou os seus resultados, pois que os cristãos receberam do Espírito Santo a capacidade de se comunicar e pregar o evangelho em outros idiomas. Tiago entendeu que a perseguição, a escassez de recursos e as constantes ameaças poderiam ser fatores de risco à fé comum. As “várias provações” (v.2), contudo, compreendidas conforme a sabedoria do alto, seriam um poderoso instrumento para fortalecer a igreja de Deus, e não o contrário. Tanto os irmãos de condição mais humilde quanto os ricos deveriam ter boa consciência diante de Deus e dos homens, buscando viver a fé com perseverança.

Diferente da provação, que promove uma fé resistente e perseverante, a tentação é uma promoção ao pecado. E “cada um é tentado pela própria cobiça” (v.14). Satanás e seus anjos se valem exatamente daquilo que acorrenta o homem à sua fraqueza. “Deus não pode ser tentado pelo mal e Ele mesmo a ninguém tenta” (v.13). Existem coisas e situações que para nós não faz a mínima diferença, pois não nos interessam. Outras, porém, mexem diretamente com nossas fraquezas, podendo representar um sério risco à queda. Alguns, pensando ter adquirido força para vencer um mal, se colocam em situação vulnerável a fim de provar que são fortes o suficiente para vencer. “Não vos enganeis, meus amados irmãos. Toda boa dádiva e todo dom perfeito são lá do alto, descendo do Pai das luzes” (v.16-17). Aquele que “nos gerou pela palavra da verdade” (v.18), jamais iria nos submeter ao mal. Pelo contrário, Ele nos concede força e fé firme para dizer não às ciladas do Maligno e, como Cristo, vencer pelo infalível poder das Escrituras: “Não tentarás o Senhor, teu Deus” (Mt.4:7).

A realidade do mundo atual nem se compara com o que os cristãos primitivos tiveram que passar. É verdade que ainda existem lugares no mundo onde ser cristão é passível de morte, mas a nossa realidade, principalmente ocidental, é a de ainda gozarmos de liberdade religiosa. Essa liberdade é uma bênção por um lado, mas por outro também pode ser uma maldição, no sentido de que a tranquilidade gera comodidade, e a comodidade, letargia. Ficamos satisfeitos com uma religião rasa, cerimonialista e de modo a atender as nossas necessidades pessoais. O problema é que uma religião formal jamais nos dará o poder de recusar as ofertas e as sugestões do diabo. Somente pela Palavra em nós implantada, recebemos poder para a salvação (v.21). Foi assim que, no deserto, Jesus venceu Satanás pela autoridade das Escrituras. E esta vitória também pode ser a nossa se seguirmos os passos de nosso Mestre, sendo “praticantes da Palavra e não somente ouvintes” (v.22).

Mas aquele que considera, atentamente, na lei perfeita, lei da liberdade, e nela persevera, não sendo ouvinte negligente, mas operoso praticante, esse será bem-aventurado no que realizar” (v.25). Tiago trata sobre fé e obras de forma tão clara e tão compreensível, meus irmãos! É simples: ouvir e não praticar é igual a nada. A tentação só vai deixar de ser tentação quando no lugar da cobiça houver arrependimento e conversão. Quando dependermos de Deus como um bebê depende dos cuidados de sua mãe, então começaremos a viver a “religião pura e sem mácula” (v.27). Olharemos para os nossos semelhantes com o olhar de Cristo. E venceremos as tentações com o método de Cristo: jejum, oração e estudo da Bíblia. Peçamos ao Espírito Santo que, pela intimidade com as Escrituras Ele nos conceda a sabedoria e a fé de que tanto necessitamos para suportar as provações e vencer as tentações. Vigiemos e oremos!

Bom dia, meus amados irmãos!

Rosana Garcia Barros

#PrimeiroDeus #Tiago1 #RPSP

Comentário em áudio: youtube.com/user/nanayuri100


Deixe um comentário so far
Deixe um comentário



Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.



%d blogueiros gostam disto: