Reavivados por Sua Palavra


SALMO 129 by Jeferson Quimelli
10 de junho de 2020, 0:55
Filed under: Sem categoria

Texto bíblico: https://pesquisa.biblia.com.br/pt-BR/NVI/sl/129

O povo de Israel sofreu várias vezes a amarga experiência de ser atacado e oprimido por nações inimigas desde o tempo da escravidão no Egito. No entanto, os israelitas nunca foram completamente derrotados ou apagados. Eles eram o povo escolhido de Deus e a Sua mão forte os preservou.

O salmista descreve aqui aquelas nações que se levantaram contra eles como alguém que está passando o arado em suas costas (v. 3).

Alguém já tentou, figurativa ou literalmente derrubar você? Alguém tentou se aproveitar de você? Quando isso aconteceu com o povo de Deus, a oração do salmista era para que o Senhor retirasse a Sua bênção daqueles que o procuravam derrotá-los (v. 8).

Eu sei que um dia mesmo aqueles que parecem escapar impunemente da justiça com seus grandes crimes serão deixados de mãos vazias. Sou tão grato porque o Deus a quem sirvo me diz: “a vingança é minha” (Dt 32:35; Sl 94:1; Rm 12:19; 1Ts 4:6; Hb 10:30), dando-me a paz e a certeza de que Ele está no controle.

Cindy Nash
Mãe e dona de casa
Collegedale, Tennessee, Estados Unidos

Texto original: https://reavivadosporsuapalavra.org/2017/03/09/salmo-129-2/
Tradução: Jeferson Quimelli/Pr Jobson Santos/Gisele Quimelli


2 Comentários so far
Deixe um comentário

Gostaria de pedir oração pelas escolas, pois estão passando por uma fase muito complicada.

Comentário por Eliel Alves Pereira

Oremos, amado! 🙇🏼‍♀️❤

Comentário por Rosana Garcia Barros




Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.



%d blogueiros gostam disto: