Reavivados por Sua Palavra


SALMO 105 – COMENTÁRIOS SELECIONADOS by Jeferson Quimelli
17 de maio de 2020, 0:50
Filed under: Sem categoria

501 palavras

O Salmo 105 é um hino nacional de Israel (ver Sl 78; Sl 106). Ele ilustra como Deus lidou com Israel desde o tempo em que Abraão e seus descendentes partiram para a conquista de Canaã e enfatiza o relacionamento da aliança entre Deus e Israel. No hino, José é apresentado como um elo entre o Egito e Canaã. … Os Salmos 105 e 106 são paralelos (o Sl 105 deveria ser estudado à luz dos conselhos dados em T8, 107-116; TM, 98; LS, 196). CBASD – Comentário Bíblico Adventista do Sétimo Dia, vol. 3, p. 972.

1-15 Estes versículos são a primeira das duas partes do salmo de Davi que cantou ao trazer a arca de Deus para Jerusalém; a outra metade se acha no Sl 96. 1. Bíblia Shedd.

1 Dêem graças. Mediante o louvor. proclamem. Melhor: “invoquem” (em oração, cf. v. 4). Esses dois imperativos ressaltam os dois temas dos dez imperativos da exortação ao Senhor (celebração dos seus atos salvíficos no passado; confiança nele para o livramento e as bênçãos no futuro). Bíblia de Estudo NVI Vida.

Povos. Todas as nações devem conhecer as “obras” de Deus, Seu “santo nome” (v. 3). Suas “maravilhas” (v. 5) e Seus juízos” (v. 5). O salmo começa com um tom missionário. CBASD, vol. 3, p. 973.

15 Ungidos. Possivelmente no sentido de terem sido escolhidos para uma missão especial. CBASD, vol. 3, p. 973.

25 Mudou-lhes o coração. No relato bíblico, Deus é frequentemente descrito como fazendo o que Ele não impediu que acontecesse (ver com. de 2Sm 12:11; 16:22; 24:1; 1Rs 12:15). CBASD, vol. 3, p. 973.

18 Grilhões. Sofreu pela justiça ( cf Ef 6.20). Bíblia Shedd.

34 Saltões. Do heb yeleq, considerando a faze jovem do gafanhoto, quando ainda não possui asas. CBASD, vol. 3, p. 974.

37 Prata e ouro. Ver Êx 12:35, 36. Antes de deixar o Egito, os filhos de Israel exigiram “uma recompensa pelo seu trabalho que não fora pago”(ver PP, 281). CBASD, vol. 3, p. 974.

39 Nuvem. Para indicar o caminho e proteger do sol ardente (ver Êx 13:21; PP, 282). Os v. 39 a 41 apresentam três dos principais milagres no deserto: a proteção e guia da nuvem e do fogo, as codornizes e o maná e as águas que brotaram da rocha. Não é mencionada a travessia do Mar Vermelho. CBASD, vol. 3, p. 974.

As vicissitudes do povo, no deserto, se descrevem em poucas palavras até v. 45. O Sl 106 trata do assunto por extenso, enquanto o 105 se dedica mais a descrever o poder de Deus nos milagres. Bíblia Shedd.

40 É importante notar que todos os milagres eram sinais de Deus, isto é, eram precedidos e seguidos pela proclamação da vontade de Deus. Cada milagre de Jesus era uma parte dinâmica da proclamação do evangelho e da autenticação da divindade de Cristo. Bíblia Shedd.

42 As maravilhas que Deus mostra ao Seu povo baseiam-se na Sua aliança imutável (8, 9; Sl 89.28-37). Bíblia Shedd.

45 Observassem as leis. Em meio às preocupações dos últimos dias, o ser humano fará bem em se lembrar das bênçãos de Deus sobre Seu povo em todas as gerações, e ordenar a vida de acordo com elas. CBASD, vol. 3, p. 974.

O motivo destas maravilhas é a preparação de um povo particularmente de Deus, zeloso de boas obras (1 Pe 2.9-10; Tt 2.11-14). Bíblia Shedd.

 


Deixe um comentário so far
Deixe um comentário



Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.



%d blogueiros gostam disto: