Reavivados por Sua Palavra


SALMO 112 – #RPSP – COMENTÁRIO ROSANA BARROS by Ivan Barros
20 de fevereiro de 2017, 0:30
Filed under: Sem categoria

📜“Aleluia! Bem-aventurado o homem que teme ao SENHOR e se compraz nos Seus mandamentos” (v. 1).


A linguagem do amor cristão pode ser resumida em apenas uma palavra: PIEDADE. A verdadeira piedade manifesta-se na vida de todo aquele que cumpre o grande primeiro mandamento: “Amarás, pois, o SENHOR, teu Deus, de todo o teu coração, de toda a tua alma e de toda a tua força” (Deuteronômio 6:5; Mateus 22:37). A prática do amor vertical nos leva à prática do amor horizontal. Isto é, se amamos a Deus, consequentemente, amaremos o nosso semelhante.

Ser “benigno, misericordioso e justo” (v. 4) não é a manifestação do que nos é próprio, mas o resultado do que permitimos que o SENHOR realize em nós. A justiça de Cristo sobre nós é o que nos torna justos diante do Pai e move o nosso coração ao ponto de, como Paulo, declararmos: “… já não sou eu quem vive, mas Cristo vive em mim” (Gálatas 2:20).

A nossa experiência cristã deve ser vivida mediante uma firme confiança de que “o desejo dos perversos perecerá” (v. 10) e que o SENHOR fará com que a justiça de Cristo em nós permaneça para sempre (v. 9).

A piedade, portanto, não tem a ver com sentimento, mas com decisão. Quando eu escolho seguir a Deus e amá-Lo, eu não O obedecerei como uma forma de barganha, mas porque nada me deixa mais feliz do que fazer a Sua vontade. O justo “se compraz nos Seus mandamentos” (v. 1) porque não os considera penosos. Ninguém melhor para nos explicar isso do que o discípulo do amor: “Nisto conhecemos que amamos os filhos de Deus: quando amamos a Deus e PRATICAMOS os Seus mandamentos. Porque este é o amor de Deus: que guardemos os Seus mandamentos; ora, os Seus mandamentos não são penosos” (I João 5:2-3).

O cristão piedoso vai além das expectativas humanas. Ele não apenas prega o que é certo com palavras, ele prega o que é correto com atitudes. Ele é um PRATICANTE dos mandamentos de Deus, não apenas um conhecedor. Ele não espera recompensas, confia na provisão divina. E sabem por que “na sua casa há prosperidade e riqueza” (v. 3)? Porque ele “distribui, dá aos pobres” (v. 9), ele faz o que é justo. Por isso que exatamente nestes dois versos faz menção à justiça eterna daquele que teme ao SENHOR e tem prazer em Seus mandamentos.

Todo aquele que é piedoso entende que Deus lhe dá na proporção em que possa compartilhar. Que a nossa vida, os dons e talentos por Deus conferidos, sejam usados para a Sua glória e beneficência de nosso próximo. O que é eterno não pode ser alojado no que é finito. O coração humano não foi feito para alojar o infinito amor de Deus, mas para fazê-lo jorrar. Tome hoje a firme decisão, em nome de Jesus, de ser uma fonte a jorrar a verdadeira piedade e serás “tido em memória eterna” (v. 6).

Bom dia, piedosos do SENHOR!

Desafio do dia: Leiam #Salmo112 e compartilhe conosco o que o SENHOR quer que você saiba, que você sinta e que você faça. #PrimeiroDeus

Rosana Garcia Barros

Anúncios

Deixe um comentário so far
Deixe um comentário



Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: